Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Portalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

Os classicos nao levas

Tópico em 'Off-Road' iniciado por Rui Fernando Mauricio, 21 Mai 2011.

Tópico em 'Off-Road' iniciado por Rui Fernando Mauricio, 21 Mai 2011.

  1. ao fim the vinte anos de escravatura e dedicacao para manter uma estavel confortavel relacao em casa , a minha esposa dis-me que os putos ja tao criados e que quere comecar uma vida independente.deu-me uma lista das suas intencoes incluindo os classicos ou metade do seu valor.Fui obrigado a vender a sociadade do negocio e para a compencar e entregar-lhe os classicos que tenho em Portugal.O COOPER S e o MGB no lhe poe os coutos.os que tenho Portugal tao em nome dos filhos.estou devastado meus amigos e peco que rezem por mim para me ajudar a enfrentar esta tempestade. Pode ser que ao fim da tempestade apareca um arco iris.desculpai a minha revelacao mas o meu estado mental obriga-me a desabafar ou fico louco_Obrigado pela vossa amizade e o aceitamento na vossa familia.
     
  2. Rui amigo, não faço sequer uma pequena ideia do que possas estar a sentir neste momento... Quero apenas transmitir-te que tens toda a minha solidariedade e amizade, e se para o teu bem estar dependeres em parte de mim terei todo o prazer em ajudar-te a abstraires-te desse problema... Conta por favor com todos os amigos que fizeste por aqui para te ajudar a ultrapassar esta fase dificil... E não nos abandones amigo... Queremos-te por aqui...

    Grande abraço!!!!!
     
  3. Amigo Rui o mais importante neste momento e teres calma, lembra-te que pelo menos tens amigos por ca para te apoiar, se precisares algo avisa.
     
  4. Rui................... :(- tou sem palavras !!! Tambem não faço ideia por o que estejas a passar , mas no minímo deve de ser :(-:( !! Podes sempre contar com toda a Comunidade para o que der e o que vier ! Abraço amigo e sê forte :feliz:
     
  5. Amigo Rui, nem sei o que dizer... As vezes a vida prega-nos assim umas rasteiras nos piores momentos ou quando menos esperamos. Mas estamos aqui todos para te ajudar e dar-te força neste momento. Abraço amigo
     
  6. É Rui... :S Que novidade do catano! :S Rais parta! :S Só chatices! :S :S :S
     
  7. Rui, é preciso é não perder a cabeça, já passei por uma situação parecida e não é fácil, mas ultrapassa-se.
    Levamos uma vida a construir as nossas coisas e de um momento para o outro...
     
  8. Rui calma neste momento é preciso usar o bom senso, e estamos cá para ajudar.
    Tenta ver isso foi uma lista de intenção, negocia e pode ou ser cumprida.quem se sacrifica é que deve ficar com as coisas.
    Força amigo
    Marco
     
  9. Olá amigo Rui, nem sei o que te dizer, para mim és um amigo especial, pois já me ajudas-te muito, e eu não te posso ajudar nesta situação dificil. Espero que consigas arranjar um bocadinho de "calma" para ultrapassar mais este problema. Se algum dia precisares de alguma coisa que te possa fazer, estou à tua disposição.
    Grande abraço, amigo Rui.
     
  10. Por muito que nos levem, a nossa personalidade e a nossa forma de estar para com a vida nunca nos poderão tirar, tudo isso, juntamente com os filhos e a vontade de levantar a cabeça, é o "motor" que temos de ter para andar novamente para a frente.

    Espero que tudo se resolva com o mínimo de mossas possíveis.
     
  11. Realmente deve ser uma situação nada facil de enfrentar, resta-te ter força e sabes que podes sempre contar estes amigos virtuais, que mais não seja para desabafares.
    Um abraço e boa sorte...
     
  12. Rui:
    Então .......... vamos lá a ser realista.
    Vinte anos; não haja dúvida que não é muito comum, as estatisticas apontam para a crises periódicas ao fim de sete anos de "casamento".
    Passando as duas primeiras (7,14 ......) "normalmente" é dificil aparecerem as seguintes por "aclimatação/acomodação" ou resolução do(s) problema(s).
    É dificil estar aqui a "debitar" palpites, para mais vivendo tu numa sociedade completamente diferente da nossa (Portugal). A minha experiencia (com um amigo meu que está aí nos states) diz-me que deves ter calma porque tudo se resolve. Ele já refez a vida; mas tinha de pagar uma data de "massa" por mês para a "alimentação" da filha. Mas tudo passou.
    Se for mesmo impossivel de resolver (terapia, fizeram ???) então "deixa pra lá" como dizem os brasileiros.
    Acredita (eu penso assim) não há nenhuma mulher que mereça a nossa "alma".
    Força nisso e se quiseres (embora te conheça apenas dos posts) utiliza os emails para "desabafar" com amigos (mesmo o meu).
    Falar faz bem; não "stresses".
     
  13. Rui antes de mais admiro a sua coragem de vir a esta casa virtual desabafar este momento menos bom
    Já foi dito tudo ou quase tudo pelos anteriores amigos e eu só tenho para dizer o seguinte lute pelo que gosta seja os filhos seja os classicos nem que seja um alfinete mas lute até ás ultimas consequências para ficar com o que gosta
    Quanto ao factor mulher,eu costumo dizer "Quem muda Deus ajuda " vamos acreditar nisso
    Boa sorte tudo de bom
    Grande abraço
     
  14. Rui, por muito que me esforce, é impossível imaginar o que estás a sentir e a viver...

    Apesar dos milhares de quilómetros de distância, tens o meu apoio (dentro do possível).

    Se precisares de ajuda para resolver alguma coisa deste lado do Atlântico, dispõe à vontade. Não sei se és aqui do Norte, mas mesmo assim conta com o que eu puder fazer.

    Grande abraço.
     
  15. Tenho vos a agradecer o vosso apoio ,mas e uma situacao que diexa um homem desbembrado .entreguei a sociadade do negocio para nao envolver longas disputas em tribunal que viriam a prejudicar mais menbros da familia incluindo o meu ex socio.entreguei a mulher uma das casas com pouco menos de 100 mil dollares para concluir o imprestimo. vendi a a outra por uma bagatela devido ao estado economico no sector.e ficou-me com os carros em Portugal que estao em nome dos filhos felizmente.Mas nao vai ficar por aqui porque ela nao e capaz de suportar a casa com que ficou e quere que eu venda o MG-b e O cooper para repartir os valores .ja me custou um balurdio com advogados e enquanto nao entrarmos em acordo vai continuar a aumentar a conta legal.Nunca suspeitei que me iria encontrar nesta situacao. Suporte ao garoto sao 250 .oo por semana ate fazer 18anos (mais dois) e 14.000 por ano a te a minha filha concluir a universidade.estou a comecar a perder a fe .tenho 46 anos e um futuro muito incerto.Isto vai dar WWWWW muito breve.mal fico com pouco mais $ do que o suficiente para sobreviver.Nao o dezejo nem a um inimigo.com toda a sinceridade agradeco as vossas maduras opinioes.
     
  16. Se em Portugal estão em nome (registados na conservatoria) dos filhos vai ser dificil ela mexer neles.
    Não digo que seja impossivel. Os que estiverem em nome da filha já lhes pode dizer adeus; ela é de maior idade.
    Se estiverem (todos) em copropriedade então não toca em nenhuns.
    Aliás nem devem poder contar para o acordo (já que eles legalmente não vos pertencem)
    O melhor mesmo é gastares mais um pouco cá em PT e pedir um parecer a um advogado, sobre os direitos de propriedade.
    Força e animo nisso; a "justiça" por esses lados costuma ser rápida. Depois toca para a frente; qualquer dia vens aqui dar novas em como tudo já passou.
    O sonho comanda a vida, faz outro projecto de vida.
     
  17. Vamos ver...totos os dias sou ameacado com ideias diferentes..apahnou-me com uns trocos agora e so no que pensa .Isto had-se resoolver o problema e que sao vinte anos .E gosto da mulher e custa a esquecer 20a anos de bons e alguns maus tempos.
     
  18. Olha o português é tramado :D
    Parte uma perna e pensa olha que sorte não partir as duas; eu como portugues digo-te que tens sorte. O amigo que falei acima nem teve tempo de retirar os computadores de casa; ele que trabalha em informatica :wacko:
    Levou uma "muda de roupa" e foi directo para a prisão, foi acusado de "maus tratos conjugais".
    Isto só para teres ideia da "estrangeirinha" que lhe arranjaram (esposa e filha).
    Deu a "volta por cima" mudou de cidade e de trabalho. É certo que ficou sem o "veleiro" que andou a restaurar durante uns anos, sem casa, e ainda sem metade do seguro de "reforma".
    Amigo; tens sido escravo de uma pessoa. Está na altura de te tornares independente.
    Força nisso; tens braços e pernas para trabalhar. Tens conhecimentos, então vai em frente; as ameaças só tornam fraco quem as faz.
    E se forem públicas podem virar-se contra quem as faz ...
    Não goto de dizer "boa sorte" porque acho que isso não existe; por isso digo "bom trabalho" e pensamento positivo
     
  19. Estou numa relação à 5 anos nada se compare como a tua de 20 anos, no entanto tenta manter a fé pois ela encarregar se à de mostrar te o melhor caminho a seguires, desabafa e se for preciso chora, mas não percas a calma e se puderes reflecte bem antes de tomares uma decisão definitiva, sempre que precisares, vem até aqui a esta família de clássicos.

    Um abraço ;)
     
  20. Amigo Rui...

    Que dizer? É complicado, ainda por cima quando se mete filhos, dinheiros e responsabilidades ao barulho... mas 20 anos de facto não se esquecem assim.

    É preciso coragem de seguir em frente... e se não tem remédio... remediado está, como se costuma dizer.

    Ainda é cedo para isso talvez, mas é uma oportunidade de repensares a tua vida... às vezes são estes males que acabam por vir por bem. Muita fé e coragem, amigo! E naquilo que precisares de nós, quanto mais não seja os desabafos, já sabes onde nos "encontrar".

    Um grande abraço!
     

Partilhar Página