Buracos na chapa

Luis Silveira

Clássico
Boas
A título de curiosidade comprei um manual de pequenas reparações na chapa, para de futuro quando precisar mandar reparar alguma chapa ,a quem saiba, ter um mínimo de conhecimento e saber se o trabalho está a ser bem feito ou não.Pois é trabalho que não me atrevo a fazer.(estejam descansados).
A respeito da reparação de pequenos buracos na chapa ,diz esse manual, que se deve lixar etc.. etc... e tapar com fibra de vidro(massa) para depois lixar.
Pergunto o seguinte todo o buraco na chapa não devia ser remendado com chapa nova?. Não é esse o procedimento correcto ou o recurso à fibra também o é?

Obrigado
Cunprimentos
Luis
 

Tiago Freire

YoungTimer
Boas, se quiser um conselho va ao dono da livraria que lhe vendeu o livro e tente reaver o dinheiro, pois essas dicas são dicas muito más.

Se o furo for pequeno tapasse com um pouco de solda, antigamente e mesmo hoje em dia era com solda de maçarico, se o buraco ja for um pouco grande ou então estiver um pouco podre em volta corta-se a chapa podre e remenda-se com um pouco de chapa do mesmo tamanho, e assim é que fica trabalho de branco.
Agora só falta dizer para encher, onde dá, certos buracos com jornais e depois um pouco de cintofer por cima endireitar e pronto está bom.

Um abraço!
 
Pois...


Quer queiramos quer não a fibra é um procedimento usado para tapar buracos na chapa. Claro está que não é o modo correcto para um automovel, e muito menos para um automovel classico.
 

Rui Rego

bmw2002t
Já vi naquele programa da MTV "Pimp my ride" a versão portuguesa é "querida emariquei o carro" lol ... os tipos tamparam um buraco no tejadilho com fibra e nem se deram ao trabalho de tirar a ferrugem á volta.
 
Tiago Freire disse:
Boas, se quiser um conselho va ao dono da livraria que lhe vendeu o livro e tente reaver o dinheiro, pois essas dicas são dicas muito más.

Se o furo for pequeno tapasse com um pouco de solda, antigamente e mesmo hoje em dia era com solda de maçarico, se o buraco ja for um pouco grande ou então estiver um pouco podre em volta corta-se a chapa podre e remenda-se com um pouco de chapa do mesmo tamanho, e assim é que fica trabalho de branco.
Agora só falta dizer para encher, onde dá, certos buracos com jornais e depois um pouco de cintofer por cima endireitar e pronto está bom.

Um abraço!
Haja alguém com esta mentalidade. :D
Subscrevo, na íntegra, a opinião do Tiago.

Dou um exemplo: há uns meses tive um infortúnio na SportWagon e tive de mandar reparar/pintar a pára-choques dianteiro, dado o número reduzido de estragos. E, como é plástico (como a maioria, actualmente...) eles preencheram a fissura com pingos de plástico derretido e, após tudo estar devidamente preenchido, lixaram tudo muito bem e só aí alisaram onde deveriam alisar (eu assisti a tudo), preparando a superfície para a pintura, com DuPont.
 
:cool:
Buracos na Chapa reparam-se com chapa.
A minha profissão nada tem a ver com automoveis mas gosto nos tempos livres de fazer restauros, e aventuro-me a tudo.
por exemplo a reparação de algos podres no meu 128 feita por mim.
1ºAvalia-se o estrago e limpa-se muito bem com a REBARBARADORA:p

Faz-se um molde e corta-se na chapa que por sua vez trabalha-se

Testa-se o que se pretende( neste caso um orificio de parafinagem)

Aplica-se no local com solda e com paciencia alisa-se
 
Outro exemplo

Este éra um buraco do porta bagagens


Depois de tirar o vidro traseiro descobri...

Muito trabalho para a rebarbaradora

Muita chapa para soldar

Muita lixa para passar...

Muito betume para alisar

Mas no fim valeu a pena;)
 
OP
L

Luis Silveira

Clássico
  • Autor do Tópico
  • Autor do Tópico
  • #10
Boas
Ao decapar a chapa com decapante no interior, mais precisamente nas costas do banco trazeiro,embora parecesse bastante boa e na intensão de fazer o mais possivel antes de levar ao chapeiro. Deparei com pequenos ,mas pequenos pontos de ferrugem.A minha intensão é levar o carro à chapa e o que estiver bom dar logo primário . As minhas questões são as seguintes:
Estou a trabalhar?
O que faço a essas partes que me aparecem com picos de ferrugem?
Lixo embora fquem com menor espessurra (não chega ao outro lado da chapa são mesmo picos) ou devem ser deixadas para o chapeiro.

Luis
 
:feliz:
A minha sugestão é com um berbequim ou uma rebarbaradora com catrabucha de arame antes de lixar escovar tudo a fundo até ficar chapa lisa brilhante, depois aplicar um bom produto anti ferrugem seguido de um primario. Agora é importante não dixar o primario ao ar livre onde foi aplicado. Os primario são absorventes ( para absorver a tinta por cima) e a humidade vai-se infiltrar de novo na chapa em pouco tempo. se vais fazer isso não demores muito tempo a pintar por cima do primário.
Continuação de um bom restauro
 
OP
L

Luis Silveira

Clássico
  • Autor do Tópico
  • Autor do Tópico
  • #12
Boas
Obrigado pelas dicas Luis.Vou seguir o teu conselho_O carro está sempre dentro de uma garagem não ao ar livre,mas de qualquer maneira vou fazer como dizes pintar por cima do primário o mais rápido possível.

Abraços
 
OP
L

Luis Silveira

Clássico
  • Autor do Tópico
  • Autor do Tópico
  • #13
Boas
Que tipo de solda devo usar para tapar pequenos furos na chapa.Usei uma como experiência ,que aconpanhava um kit de soldadura , fica com um aspecto dourado,agarrou bem, será que serve?.
Abraços
 
OP
L

Luis Silveira

Clássico
  • Autor do Tópico
  • Autor do Tópico
  • #15
Mais uma vez obrigado pela disponibilidade Luis,mas já agora o que achas dessa solda com aspecto dourado?.Vejo nas tuas fotos que a tua é mais da cor da chapa.
Abraços
 
Não tens de agradecer a disponibilidade é sempre um prazer dar algumas dicas num restauro.
A solda que eu conheço dourada é a utilizada nos maçaricos de oxiacetileno o tom dourado é pela queima do maçarico. pelo que eu sei é tão eficaz como outra qualquer.
De qualquer maneira eu sou apenas um autodidacta.
Grande abraço
 

Claudio Vilas

Veterano
Meu caro Amigo

Por favor, deite o oivro fora que a pessoa que escreveu o livro, não percebe nada do assunto.
É um IGNORANTE, aliás, nem tem classificação alguma
Ainda dizem que ler dá cultura
 
OP
L

Luis Silveira

Clássico
  • Autor do Tópico
  • Autor do Tópico
  • #18
Luis
Autodidacta ou não têm sido uma enorme ajuda.
Claúdio
Livros não deito fora, mesmo maus, primeiro ia a televisão .Se não fossem os livros o que seria de nós? São o pilar da cultura,é através da leitura que a adquirimos .Mas percebi o que queria dizer.
Abraços
 
Eu acho que conheço esse livro... Não é um que até ensina no fim a lavar o carro?
De qualquer maneira esse livro não ensina a restaurar e não acredito que o autor tivesse esse objectivo, mas sim permitir que se possa aplicar um pouco de bricolage nas pequenas reparações que vão surgindo.
Pessoalmente nunca consegui encontrar nada em português que ensina-se a fazer um restauro. Tudo o que sei fui aprendendo pela dificuldade de encontrar bons profissionais do ramo, e tambem pelo prazer de poder dizer fui eu que fiz:D
Agora nos livros como pilar de cultura ainda vou acreditando. mas a velocidade de crescimento em relação a novos conhecimentos não dá grandes hipoteses aos livros. As revistas e a internet neste momento são fontes mais actualizadas de facil acesso.
 
OP
L

Luis Silveira

Clássico
  • Autor do Tópico
  • Autor do Tópico
  • #20
Sim se calhar é o mesmo livro.Realmente é como dizes o objectivo não é o restauro, mas pequenas reparações. Também procurei e continuo a procurar algum livro em português sobre o restauro e até agora nada. Pessoalmente penso que o livro vai ter sempre o seu lugar, mas isso é um tema que poderia dar muito pano para mangas.

Abraços
 
Topo