Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Portalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

Taxis Em Portugal

Tópico em 'Património Histórico Português' iniciado por Francisco Lemos Ferreira, 26 Fev 2012.

Tópico em 'Património Histórico Português' iniciado por Francisco Lemos Ferreira, 26 Fev 2012.

  1. André B Costa gostou disto.
  2. In Dias que voam

    ve7vo6.jpg

    Foto de Armando Serôdio, 1963, AML
     

    Ficheiros Anexados:

  3. elchlv.jpg in dias que voam
     

    Ficheiros Anexados:

    Filipe Nabais Pinto gostou disto.
  4. 10rpsnp.jpg
     

    Ficheiros Anexados:

  5. in Dias que voam


    A greve dos táxis



    2lwpx0i.jpg

    Em 1928, greve dos táxis em Lisboa. Os taxistas grevistas invadiam a Praça do Município e inundavam-na com as suas Donas Elviras. Gostava de ter visto esta cena!
    Revista ABC, Janeiro de 1928
     

    Ficheiros Anexados:

  6. in Dias que voam2
    Uma indizível tristeza



    2mqqbtz.jpg

    Vejo o táxi parado e pergunto se está livre. Afavelmente o taxista convida-me a entrar. A pouco e pouco estabelece conversa. A propósito do stress, conta-me que tem uma casa fora de Lisboa, que foi construindo pouco a pouco, conforme as possibilidades.Aqui faz uma pausa e diz que só parou um tempo, quando a mulher morreu. Não pergunto nada, mas sinto-lhe uma indizível tristeza. Conta como criou o filho, lhe deu o curso, lhe montou o escritório, lhe ofereceu uma casa e como gosta da nora, que lhe recorda a própria mulher. Aqui pára de novo e numa voz lenta conta o acidente brutal em que ela perdeu a vida. "Éramos tão felizes sabe, nunca discutíamos, decidíamos tudo em conjunto. Acho que é mesmo a vida, as relações tão felizes assim não são feitas para durar". Fico assim com um nó na garganta e quando pago noto-lhe as duas alianças de ouro juntas. São quase iguais às que herdei da minha mãe. e , inevitavelmente, penso nas percas que sofremos ao longo da vida e como nada as consegue colmatar. E é isto.


    Fotografia de Artur Goulart, Arquivo Municipal de Lisboa
     

    Ficheiros Anexados:

  7. Mercedes 180D - 1960 - Lisboa - Miniatura automóvel n.º 68



    Altaya
    Táxis do Mundo - Taxis du Monde - Taxis of the World
    Escala: 1/43
    Modelo: Mercedes 180D Táxi de Lisboa
    Made in China

    Taxis68-Altaya-1.gif
    Taxis68-Altaya-5.gif
    Taxis68-Altaya-2.gif
    Taxis68-Altaya-3.gif
    Taxis68-Altaya-4.gif Táxis lisboetas:
    O serviço de táxis de Lisboa é um dos melhores da Europa, tanto pela sua qualidade como pela sua quantidade.
    Actualmente convivem ainda táxis pretos de tejadilho verde claro com os novos modelos de cor bege.
    O Mercedes 180D foi o primeiro automóvel com motor diesel a alcançar um grande êxito de vendas.
    Foram fabricadas 150 000 viaturas entre 1954 e 1962.

    Ficha técnica:
    Motor: 4 cilindros, 1767 cc
    Potência 40 cavalos às 3500 rpm
    Capacidade do depósito: 56 litros
    Velocidade máxima: 120 km/h

    Fonte: Táxis do Mundo fascículo n.º 1 - Altaya
    -Mercedes 180 D: confortável e elegante
    -Lisboa: na cidade branca
    -Táxis lisboetas: um serviço muito confortável
    -Antecedentes: «táxis» da Antiguidade


    in http://taxis-miniaturas.blogspot.com/
     

    Ficheiros Anexados:

    André B Costa gostou disto.
  8. rossio%2Bpb.jpg
     

    Ficheiros Anexados:

  9. Ficheiros Anexados:

  10. Peugeot+404+taxi.JPG
     

    Ficheiros Anexados:

  11. Augusto e o Oldsmobile
    8147092_h6iDz.jpe

    Augusto Macedo veio para Lisboa em 1916, aos doze anos, de uma pequena aldeia do centro do país para trabalhar numa padaria onde um irmão mais velho era sócio. Aos 24 anos pediu dinheiro emprestado e comprou o famoso Oldsmobile Cabriolet, modelo XT 303, fabricado em 1928 pela General Motors. Desta série apenas três viaturas vieram para a Europa e as outras duas já desapareceram. O motor e a grande maioria das peças continuam a ser as de origem, com excepção dos pneus, que foram trocados pelos de um Chandler ainda mais antigo, de 1923. O carro de matrícula AB-61-86 de caixa aberta apresenta um motor de 6 cilindros, com 2745 cm3 de cilindrada e 11 cavalos de potência. Era o senhor Macedo que fazia a manutenção do carro. Não lhe era imaginável trocá-lo por qualquer outro e por isso recusou indignado nos anos 60 uma proposta da General Motors que lhe oferecia um carro novo em troca do seu no intuito do mesmo integrar a colecção da companhia.

    8147096_PsNRR.jpe

    Os primeiros táxis surgiram em Lisboa em 1907 e rapidamente se implantaram. Eram apenas quatro e instalaram-se no Rossio. Apesar de pequenos e com quatro lugares apertados, batiam em velocidade as velhas tipóias puxadas a cavalo e acabaram por se impor. Augusto Macedo percorreu ao volante do seu Oldsmobile mais de dois milhões de quilómetros pelas ruas de Lisboa, Cascais e Sintra. Constituiu uma clientela fiel, portuguesa e estrangeira, com a qual criou fortes laços de amizade. Chegou a transportar três gerações da mesma família. Os clientes estrangeiros chegavam a reservar as viagens muito antes de se deslocarem a Lisboa. Entre os seus cliente contaram-se os escritores Fernando Pessoa e Virgílio Ferreira. Um declamava-lhe os seus poemas e o segundo, referindo-se à provecta idade tanto do táxi como do seu condutor, comentaria a brincar com as letras da matrícula do carro: Não sei quem será mais velho. O AB da chapa deve indicar Antes de Babilónia...

    8147112_rfWRP.jpe

    O táxi tornou-se uma personagem histórica da cidade. Em 1996 foi a vedeta do filme Taxi Lisboa, do realizador alemão Wolf Gaudlitz, onde Augusto Macedo conquistou aos 93 anos o prémio de melhor actor amador atribuído no Festival de Pescara. O velho AB-61-86 sobreviveu, sem nunca ter sofrido um acidente, ao seu proprietário, falecido em Janeiro de 1997, precisamente no dia em que estreava em três salas de Lisboa o filme que interpretara. Nesse ano, em que caducava a sua carta de condução, Augusto Macedo era o mais antigo taxista do mundo ainda no activo. Em 1998 a Associação Turismo de Lisboa adquiriu o velho táxi, assegurando a sua conservação na cidade e a sua utilização para fins de promoção turística. Depois de permanecer alguns anos guardado no piso -3 do parque de estacionamento subterrâneo da Praça do Município, esteve recentemente em exposição no Terreiro do Paço. A Câmara deu o seu nome a uma rua em Carnide: Rua Augusto Macedo – taxista, 1904-1997.

    http://1homemnacidade.blogs.sapo.pt
    in
     

    Ficheiros Anexados:

  12. Parabéns! Tópico muito interessante e com valor histórico!
    A história de vida do Sr. Augusto Macedo está um espectáculo. Gostei muito de a ler.

    Na zona onde eu moro tambem existe um Táxi Mercedes w115 220D de 1974. Tenho que pôr aqui uma foto.
     
  13. Espectacular ! Muito bom topico, ate porque meu Avô e meu Pai são taxistas !! Obrigado pela partilha :-D
     
  14. 2 modelos na Praça D. Pedro IV Oldsmobile Cabriolet, de 1928, do Sr. Augusto Macedo
    T%C3%A1xis%20no%20Rossio_thumb%5B2%5D.jpg Augusto%20Macedo%20e%20Oldsmobile%20Cabriolet_thumb%5B1%5D.jpg
    Peugeot 403, em 1963 em 1949 … junto à Praça da Figueira
    T%C3%A1xi%201963_thumb%5B3%5D.jpg T%C3%A1xi%20na%20Pra%C3%A7a%20da%20Figueira%201949_thumb%5B3%5D.jpg
    Austin A7 Hampshire, em 1948 Mercedes 200 D em Santa Apolónia, e polícia sinaleiro
    T%C3%A1xi%20Austin%20A7%20Hampshire%201948_thumb%5B5%5D.jpg T%C3%A1xi%20200%20D_thumb%5B4%5D.jpg
    Dois protestos de taxistas em épocas bem diferentes. Na foto de 1975 o protesto foi dos taxistas das ex-colónias, pelo facto de o governo não lhes querer conceder a licença para operarem em Lisboa.
    Em 1928, na Praça do Pelourinho junto à CML Em 1975, junto à Assembleia da República
    1928%20Protesto%20de%20Taxistas%20Lisboetas_thumb%5B3%5D.jpg 1975%20Protesto%20Taxistas%20Ex-Colonias_thumb%5B2%5D.jpg
    Fotos in: Biblioteca de Arte-Fundação Calouste Gulbenkian , Arquivo Municipal de Lisboa

    in http://restosdecoleccao.blogspot.com
     

    Ficheiros Anexados:

  15. Mercedes Rabo de Peixe[​IMG]
     
  16. Renault 16, Versão Taxi Lisboa

    [​IMG]

    kadypress in mazungue
     
  17. taxi_lisboa.jpg
     

    Ficheiros Anexados:

    Jose Manuel S Lopes e Carlos Pege gostaram disto.
  18. Tenho um :D

    Bom tópico ;)
     
Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página