Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Portalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

Mini Broadspeed GT Coupé 1966-1968

Tópico em 'O nosso hobby: Clássicos' iniciado por Francisco Lemos Ferreira, 14 Abr 2016.

Tópico em 'O nosso hobby: Clássicos' iniciado por Francisco Lemos Ferreira, 14 Abr 2016.

  1. gt.jpg
    Mini Broadspeed GT Coupé 1966-1968

    O Projecto Broadspeed foi idealizado e realizado por Ralph Broad em 1962, especializando-se no alto desempenho e ajustes do motor. Durante os anos 60 e 70, a Equipa Broadsoeed, com sede em Southam, Warwickshire, teve um tremendo sucesso com Coopers Mini, Ford Anglias, Capris e Dolomite Sprints.

    Durante o ano de 1966, a companhia construiu o BROADSPEED GT Coupe, com base num Cooper “S”, e tornou-se conhecido como como “Asti Mini”.

    A BROADSPEED transformou-se no agente principal da BMC.

    Estes carros foram produzidos originalmente em números limitados no Reino Unido por Ralph Broad, entre 1966 e 1968, que tinha modificado com sucesso os Minis competindo antes de projectar este modelo.

    As suas características eram a cauda prolongada, um item essencial que ajudava à aerodinâmica naquele tempo. O tejadilho e a extremidade traseira do escudo foram feitos em fibra de vidro e reforçados com aço, dando origem a uma estrutura sólida.

    12938227_10206241352500344_2991467744965036101_n.jpg

    O resultado foi um carro com todos os traços Mini mas com muito menos peso. Com 90 cavalos e um limite de 8000 rotações, tinha uma aceleração selvagem que combinada com o aperto contra os bancos, o tornaram conhecido por “foguete” .

    Como carro de competição tornou-se lendário principalmente na Austrália.

    No Tablier, o velocímetro marcava 150 mph combinado com um conta-rotações de 10.000 rpm, indicando desde logo que este não era um Mini “normal”.

    Existiram 5 versões:

    Broadspeed 2 +2 GT 850 cc;
    Broadspeed 2 +2 GT * 998 cc;
    Broadspeed 2 + 2 GT De Luxe 998 cc;
    Broadspeed 2 + 2 GT Super De Luxe 1275 S;
    Broadspeed GTS Version compétition.

    Broadspeed GT for sale 1.jpgjtk.jpegp2.jpegry.jpg

    Francisco Lemos Ferreira
     
    #1 Francisco Lemos Ferreira, 14 Abr 2016
    Última edição: 14 Abr 2016
  2. Infelizmente nunca vi nenhum ao vivo. Existe algum em Portugal?
     
  3. Eu que pensava que conhecia bem os minis e nunca tinha visto esta versão.... será que existe algum destes em Portugal? Se um cooper S ja vale umas valentes notas, um destes deve valer muito mais...:)
     
Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página