Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Portalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

Mercedes-Benz Mercedes W123 240D (1978)

Tópico em 'Diários de Bordo' iniciado por Cardoso Ribeiro, 18 Dez 2014.

Tópico em 'Diários de Bordo' iniciado por Cardoso Ribeiro, 18 Dez 2014.

  1. Algumas fotos do meu w 123 240D de 78 que, esta semana, está de serviço! :D

    IMG560_zpsc23fa640.jpg
    IMG561_zpsd6253c9d.jpg
    IMG559_zpsc45c024e.jpg
    IMG557_zpsd9ce3196.jpg
    IMG556_zps6cf7e1af.jpg

    O carro tem na mala as 4 jantes especiais, incluindo pneus, pelo que a traseira está mais baixa que a frente, sendo que, sem carga, acontece o inverso.

    Comprei o carro no final do Verão e estava em muito bom estado, nomeadamente no que respeita à chaparia que é sempre o mais preocupante. O carro aparenta ter sido cuidado ao longo da sua longa vida e trazia já muita coisa nova (faróis, farolins, alternador, borrachas "rasdoras" dos vidros, etc). Entretanto, eliminei uma ou outra bolha que tinha na pintura e coloquei-lhe o seguinte material novo:

    - suspensão (molas e amortecedores);
    - radiador;
    - tubagens de radiador;
    - correias;
    - antena original eléctrica;
    - guarda-lamas.

    O carro vinha com as jantes especiais da época, mas eu prefiro os tampões e jantes em ferro que tive de adquirir. Já agora, fica a informação que os pernes das jantes especiais são mais compridos que os usados nas jantes de ferro...

    É claro que tive de comprar também um rádio apropriado à máquina:

    IMG555_zps49212bdf.jpg

    Um ou outro pormenor do interior estão a carecer de atenção. O porta-objectos da quartela da porta do lado do condutor está rachada:

    IMG554_zpseea3e05b.jpg

    O do lado do pendura está desaparecido em combate:

    IMG552_zpsd603dae4.jpg

    A porta do porta-luvas está empenada e não fecha bem:

    IMG551_zps7d8323cd.jpg

    Ando à procura de quartelas para o carro, pelo que agradeço que me digam se souberem de alguma coisa para venda. Já o problema do porta-luvas não sei bem como hei-de resolver...Podia tentar comprar uma porta, mas duvido que consiga encontrar alguma na mesma cor, já que, naturalmente, estes tabliers com 30 anos envelheceram - e descoloraram - de maneiras distintas. O que vos parece?
     
  2. Sinceramente?? Parece-me que deve utilizar preferencialmente o 304 Cabrio!!

    Não leve a mal, mas não consigo gostar dos "taxis"...
     
  3. É claro que não levo a mal! Aliás, a sua opinião é partilhada por alguns amigos próximos e imagino que por incontáveis anónimos :D

    Pessoalmente, sempre achei este modelo lindíssimo e admiro a qualidade de construção e fiabilidade ímpar. Para além disso, e como andei inúmeras vezes em táxis 240s - dos verdadeiros, quero dizer - os sons (das portas, do motor, das passagens de caixa, etc) dizem-me muito e conduzi-lo dá-me imenso prazer. Daí até ter optado por um 240 em detrimento dos 300s que parecem ser a escolha mais comum.
     
    Eduardo L Aguilar gostou disto.
  4. Não se pode ter tudo... ou se tem a qualidade de construção e fiabilidade alemã, ou a beleza italiana... as duas juntas são raras (talvez porque os aspectos culturais se reflictam nas caracteristicas e qualidade de construção dos carros)!

    Estes MB bateram milhões de km nas ruas de Lisboa, e ainda os vejo pela Graça, agora menos devido às restrições de circulação... Não sei qual o record de Km, mas devem haver máquinas com 3 ou 4 milhões de km feitos.

    Reconhecendo as qualidades, há que reconhecer os defeitos, nomeadamente a parte estética, a ausência de "alma", o que me levam a não gostar... mas eu também não sou ninguém para falar, estou a acabar de recuperar um Opel Ascona A, carro que detestava antes de o conhecer, e pelo qual me fui apaixonando aos poucos...
     
  5. Sim, em termos estéticos concordo que um W123 não se compara com qualquer dos Alfas 105 ou com um Type E, por exemplo. Daqui para baixo, porém, começa a ombrear com os demais de produção "corrente"....Isto - claro está - na minha humilde e muito subjectiva opinião pessoal!

    Quanto à falta de "alma", estou de acordo que nem toda a gente retirará prazer da condução de um diesel, atmosférico, de 60cv, e com mais de uma tonelada de peso :D Se se valorizar este aspecto - ou apenas este aspecto - é evidente que a condução do MB terá tanta emoção como a condução dum cacilheiro B)

    Eu talvez valorize também outros aspectos. O meu primeiro todo-terreno, por exemplo, foi um UMM Alter Turbo de 91. É também um carro sem alma e que muitos considerarão horrendo. A verdade, porém, é que fiz milhares e milhares de kms com o meu, em estrada e fora dela, fui com ele várias vezes a Marrocos e à Mauritânia, e é um carro que, sem dúvida, gostaria ainda de ter e que certamente me daria muito prazer conduzir.

    Ver anexo 352123
     

    Ficheiros Anexados:

  6. Boas tenho um interior completo em muito bom estado menos o tablie para os W123 a cor dele é castanho avermelhado, tenhos os bancos muito bons, as cartelas de porta,as alcatifas e as forras dos pilares.
    Se quiser mais algum esclarecimento envie-me um e-mail ou telefone-me
    luisfrsoares@gmail.com ou +351 913 925 328.

    Cumprimentos

    Luís Soares
     
  7. Canhão!
    Não é carro que gostasse de ter para mim... ou, se calhar, até sim.
    Há algo nestes carros que me faz ficar indiferente a eles... mas também teem algo que me chama a atenção!
    Não consigo ter uma opinião formada acerca deles.

    Parabéns pela aquisição.
     
  8. Deixo-vos com uma nova foto do interior do carro que vai fazer mudar de opinião os detractores deste lindíssimo MB. Ora vejam lá se este pormenor, revelador da muita classe que caracteriza todos os proprietários desta bela máquina - e que faço questão de manter - não faz toda a diferença:

    IMG562semnome_zpsf81549b2.jpg

    :D :D :D
     
  9. Agora é que borrou a pintura toda! :D
     
    Cardoso Ribeiro gostou disto.
  10. Bom, aqui já tenho opinião formada: Como tirar isso daí sem estragar nada!
    :lol: :lol: :lol:

    Não leves a mal, mas isso é que não gosto mesmo: "coisas" coladas no carro???
     
  11. Olha um W123 como o de meu Pai. So que o de meu pai é taxi e conta com quase 600 mil , mas apesar disso está muito bem cuidado e muito bom estado , muito bom mesmo . Mas esse parece novo . Só quem nunca andou num 123 é que nao sabe que canhão é :lol: fiaveis,robustos , confortaveis e pesados :lol: . A tampa do porta luvas do de meu Pai tambem esta assim e meu Tio tambem tem um mas o 300D e tambem a tampa esta assim, desalinhada :wacko:
     
    Cardoso Ribeiro gostou disto.
  12. Concordo! Pior que isto, só mesmo uma capa de volante em esponja azul! :D :D

    Mas é precisamente por ser tão mau que vou deixar ficar a plaquita :ph34r: :ph34r: :ph34r:
     
    Paulo Jorge Coutinho gostou disto.
  13. Hoje fiz cerca de 250 kms com o carro. Fui descarregar as jantes "carica" e pneus que andavam na mala (cabem os 4 conjuntos!) numa casa que tenho a cerca de 80 kms de Lisboa e ainda tive tempo para ir ver um BJ 40 que estava para venda não muito longe.

    O carro surpreendeu-me, pela positiva, em AE. Consigo rolar, com relativo conforto, a 120 e facilmente alcança velocidades ainda mais elevadas. Quanto ao consumo, suspeito que será uma agradável surpresa, mas só saberei ao certo quando voltar a encher o depósito.

    Hoje foi também dia da primeira "avaria": a fechadura do pendura deixou de funcionar no trinco "normal" e, para ter a porta fechada, tenho de a trazer trancada. Tenho de ver se arranjo um tempito para desmanchar a fechadura e tentar perceber o que se passa. Com o meu jeito para o bricolage, é certo e sabido que fica na mesma senão pior B)
     
  14. Ando a tentar deixar de pertencer a esse clube... :p
    Agora a sério, parabéns pela compra. Sou mais um daqueles a quem o modelo pouco diz, mas apoio totalmente a sua recuperação!
     
  15. Eu, por estranho que pareça tendo em conta a minha preferência por máquinas mais antigas e com um perfil mais ligeiro, acho os W123 brutais! Há uns anos um familiar comprou um 300 e não descansei enquanto não o levei emprestado para umas férias - quase 2000km.
    Grande, pesado mas elegante e com um carisma único! Entre os W123 e os Volvo 24x venha o diabo e escolha!

    Mais um tópico para seguir!
     
  16. :lol: :lol: :lol: :lol:
     
  17. Já consegui "resolver" o problema da tampa do porta-luvas. Comprei um tablier para oferecer a um amigo e fiquei com a porta para mim.

    Com a minha proverbial "habilidade" para os trabalhos manuais, resolvi deitar mãos à obra e consegui avariar o interruptor da luz do porta-luvas e a mola da porta não ficou a funcionar. Basicamente, a porta abre e fecha bem, mas deixou de ter mola.

    O problema do interruptor - que funcionava perfeitamente até eu ter resolvido "limpar" os contactos.... - soluciona-se com facilidade. Já o assunto da mola, vou ter de passar um bocadito a olhar para a coisa para tentar perceber como funciona e como montar aquilo devidamente.

    Esqueci-me de tirar fotos da evolução da tarefa, mas um destes dias posto fotos do resultado final.

    Enfim, e apesar dos reveses, foi uma tarde produtiva :D

    Edit: Lembrei-me que, no meu saudoso UMM, de quando em vez deitava-lhe um litro de óleo de motor no gasóleo para lubrificar a bomba. Como tinha uns óleos antigos lá por casa, o Mercedes também levou o mesmo tratamento. É a isto que chamo reciclar! :D
     
    António José Costa gostou disto.
  18. Percebi que a borrachita ou plástico que, no malhete, permite a afinação da porta se finou. Vou ver onde consigo encontrar os malhetes ou apenas as borrachas.
     
  19. Caríssimos,

    Estou a vender o w123. O anúncio está na página de mercado aqui do portal e noutros sites (olx, standvirtual), para quem possa estar interessado.
     
    Silvia Azevedo gostou disto.
Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página