Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Portalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

LARAMA - Jovem Lobo

Tópico em 'O nosso hobby: Clássicos' iniciado por Francisco Lemos Ferreira, 23 Set 2008.

Tópico em 'O nosso hobby: Clássicos' iniciado por Francisco Lemos Ferreira, 23 Set 2008.

  1. LARAMA ( MANUEL AMARAL)

    Em 1974, Larama era provavelmente o mais cotado piloto angolano e por isso não estranhou que a equipa ETA-Mocar o convidasse para conduzir um dos dois March 74S que alugou à Paulenco Racing para a Temporada Internacional. E, de facto, Larama não deixaria os seus créditos por mãos alheias e seria o grande vencedor da Temporada Internacional, depois de obter 3 excelentes resultados: um 2º lugar em Nova Lisboa (em parceria com Roy Johnson); 3º em Benguela (também com Roy Johnson) e 1º em Luanda (com John Sabourin). Infelizmente, a sua carreira com protótipos estava também terminada. Pouco tempo depois Larama regressará a Portugal e a sua carreira a curto prazo passará pelos Ralis nos Açores, ao volante de um Ford Escort RS. Venceu mesmo a prova do Nacional de Ralis disputada em 1977 e 78 nos Açores, a “Volta à Ilha de S. Miguel”. Mais tarde, irá também participar (com algum sucesso) nos Troféus Citroen, mas já com o seu verdadeiro nome “Manuel Amaral”. Hoje, mantém-se activo no automobilismo nacional como empresário ligado à modalidade.

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    LARAMA
    O March 74 S/Ford Cosworth FVC L4, que LARAMA pilotou
    (foto indicada por Cougar/Bélgica)


    Diz também o site donde a foto foi retirada:
    Driven by (pilotado por): John Sheldon (GB)/"Larama" (ANG)
    listed, never drove (anunciado, nunca conduziu): Mario Cabral (P), John Sabourin (GB)

    Outra foto deste March 74S, anunciada com LARAMA aos comandos, está aqui:
    -PT:eek:fficial%26sa%3DN" target="_blank">http://images.google.pt/imgres?imgurl=ht...ficial&sa=N

    ScannedImage-17-1.jpg
    LARAMA foi 2º no TCA em Moçamedes 74.
    Ei-lo com Valdemar T. (1º) e Mabeco (3º)

    [​IMG]
    GRELHA
    Valdemar #11; Larama #7 e Helder #8

    Larama foi, como Helder de Sousa, Raul Esperto e Mané Nogueira Pinto, um dos quatro vencedores das provas inaugurais do Autódromo de Luanda em 28 de Maio de 1972.
    Larama dominou de princípio ao fim a prova do Gr.1 Consagrados, ao volante do Capri 2.6GT #24. O segundo classificado foi Waldemar Teixeira (Tio Valdas) e Amândio de Carvalho ficou em terceiro sendo que todos os três tripularam máquinas iguais - Capri 2.6GT.

    (fonte Mazungue/Kadypress/Revista Equipa)

    [​IMG]

    [​IMG]

    Numa altura em que a Autocal e a Socoína estavam ausentes (oficialmente) das participações oficiais neste Grupo, Larama, defendendo as cores da Mocar, dominou a corrida de Consagrados Gr.1 dos Circuitos Automobilísticos Taki-Talá de Nova Lisboa'72 (hoje Huambo). Desta vez bateu Mabílio de Albuquerque (2º) e Valdemar Teixeira (3º) como se pode ver abaixo na publicidade da Sacor/Angol.

    (fonte Mazungue/Kadypress/Revista Equipa)

    [​IMG]

    Ricardo Duarte / Kadypress im Mazungue
     

    Ficheiros Anexados:

  2. A disputa Larama/Mabílio (Capri 2.6GT/BMW 2002 Tii) viria a repetir-se em Malange'72 com Larama a ganhar de novo. O terceiro foi Tino Pereira em Capri 2.6GT.
    Esta prova ficou marcada pelo protesto de Mabílio de Albuquerque ao Capri 2.6GT da Mocar pilotado por Larama, o qual já vinha dando "bigodes compridos" prova a prova ao 2002 Tii e aos outros Capri.
    Larama vai num salto a Luanda buscar a ficha de homologação do 2.6Gt e regressa a tempo de ver a abertura do motor ( verificações), que terminaram às 2 horas da madrugada numa oficina de Malange. O Capri estava legal!!!
    - vencedores Mocar e Larama e o mecânico Rebelo!
    - vencidos Mabílio de Albuquerque (piloto), e Bandeira Vieira e José Oliveira como técnicos da parte protestante.

    PS: um à parte - o chefe do Gabinete de Imprensa desta prova foi o Veloso Amaral (piloto metropolitano e meu ex-colega) que , por essa altura, era alferes em Malange.

    (fonte Mazungue/Kadypress/Revista Equipa)
    Após a abertura do "coração" do 2.6Gt, medem-se cotas e pesam-se peças... e tudo legal...um prejuízo para Mabílio...afinal não era só o Marta que protestava...

    [​IMG]

    ScannedImage-10-2.jpg

    Festival Larama na curva da capitania que antecede a marginal

    ScannedImage-11-2.jpg

    Rali Neográfica - Larama/C. Silva - Escort RS
    Abandonaram após a 2º classificativa
    fonte - revista EQUIPA de 5/01/74

    No Rali BCA/73 (16º aniversário), Larama/C.Silva eram candidatos a um lugar no pódio mas o Escort RS, com look Safari, só durou até à 2ª etapa (partiu-se o cabo do acelerador quando eram 4ºs da geral) .O vencedores foram António Carlos Oliveira/Barata num Datsun 240 Z.

    (fonte Mazungue/Kadypress/Revista Equipa)

    [​IMG]
    No Rali da Cela'73 (terra onde se comiam os melhores bifes do Mundo, ainda é assim hoje C.Guerra?) , Larama, navegado por Simões , tripulando um Lancia Fulvia 1.6 HF desiste com vários problemas (furo, cx veloc e escape) depois de ter feito o 4º tempo mas já coma as mudanças do Lancia a saltar. O carro vitorioso viria também a ser um Lancia Fulvia 1.6 HF pilotado pelo médico neo-lisboeta Freitas de Oliveira, navegado por Lígia Reis.

    (fonte Mazungue/Kadypress/Revista Equipa)

    [​IMG]



    Ricardo Duarte / Kadypress in Mazungue
     

    Ficheiros Anexados:

  3. Bom tenho que reservar um dia e entrevistar o meu colega de forma que ele possa contar algumas histórias sobre esta gente.:feliz:
     
  4. Já estás a dever duas Zé...:D Leva o bloco de notas :huh::p
     
  5. Como já comentei anteriormente. O Larama, quando saiu de Angola, veio aqui para os Açores. Ele veio revolucionar o Automobilismo nesta Ilha. Nas celebres Voltas a Ilha de S.Miguel, ele obteve muitos recordes e só muito recentemente com maquinas modernas é que foram ultrapassados tempos em muitos troços do Ralley de S.Miguel. Eu continuo a convencido de que o Larama, foi uma mais valia para o Automobilismo Açoriano...
     
  6. Uma mais valia para o Automobilismo Nacional Daniel!:D
     
  7. Larama, pertence ao grupo de 11 pilotos que terminaram a prova de Vila Real do troféu Citroen Visa em 1984, na mesma volta, todos com 10 voltas.
    Depois de terem feito os melhores tempos, Rui Lages 3m 08,26 e Larama 3m 09,59 terminaram a prova pela mesma ordem depois de terem sido os principais protagonistas .

    Em 1985, o piloto do Correio da Manhã, abandonou com problemas eléctricos na pista de Vila Real, depois de ter alcançado a pole position e ter comandado aprova até á quarta volta.
    No entanto continuou na terceira posição do troféu, sendo primeiro Mário Silva e o segundo João Vasco.
     
  8. LARAMA, um piloto rapidíssimo quer em circuitos quer em ralis, não teve muita sorte nestes últimos.
    No Rali Cota-Cota'73 (organização do Taki-Talá de NL), a dupla Larama / Carlos Silva, como o Escort RS, prometia ao ser a mais rápida na primeira PEC deixando o segundo (Nunes Pinto) a 17 segundos. Na 4ª PEC é novamente a mais rápida deixando Velhinho a 3 segundos. Contudo , Larama volta a desistir na 2ª etapa por avaria da bomba de gasolina do Escort RS. Os vencedores foram Pedro Vieira de Matos/Manuel Jonet em BMW 2002.

    (fonte Mazungue/Kadypress/Revista Equipa)

    [​IMG]
     
  9. No TAP '73 as coisas correram mal a LARAMA / C.SILVA (o pó de outro concorrente e uma árvore acabou com o rali para esta dupla). Larama prometeu não voltar ao TAP naquelas condições e…não voltou. Em 74 Larama também andava noutros vôos com o March 74S da Paulenco Racing e com a "tropa" segundo o Pedro Ilha.

    Quem voltou no TAP'74 com o mesmo Escort RS foi o seu co-piloto e navegador - CARLOS AMARAL SILVA, desta vez como piloto e navegado por MATOS PENALVA. Chegaram ao Estoril em 27º lugar (11º do grupo e 9º da classe).

    (fonte Mazungue/Kadypress/Revista Motor)

    [​IMG]
     
  10. [​IMG]

    [​IMG]

    LARAMA e o Troféu Visa

    (fonte Mazungue/Kadypress/Revista Turbo)
     
  11. Mais um piloto que desconhecia Francisco. A julgar por este piloto e por outros que já nos mostraste vejo que no Ultramar as oportunidades de se fazerem grandes pilotos parecem maiores além de parecerem terem melhores condições. Não tenho é bem a noção do impacto destes pilotos na Europa...
     
  12. [​IMG]

    Outra perspectiva de dois dos três Lotus Europa distribuídos pelo Team ETA/Lis/Mocar, neste caso no Circuito das Festas do Mar em Moçâmedes'74. O #7 tripulado por LARAMA e #8 tripulado por Helder de Sousa.

    (fonte: Mazungue/Kadypress)
     
  13. [​IMG]

    LARAMA dividiu a condução do Lotus 62 com Waldemar Teixeira nas 6 Horas Internacionais de Nova Lisboa '73, mas esta dupla, que proporcionou alguns bons momentos da corrida, viria a desistir por avaria do Lotus.

    (fonte: Mazungue/Kadypress/Revista Motor)
     
  14. Fantástico, dá a ideia que o tema do automobilismo no Ultramar não só não se esgota, como se mantém sempre muito interessante. Parabéns Francisco!!!
     
  15. Excelentes recordações e muito bem retratadas... :huh:

    Belos tempos. Agora é tudo electrónico e com controles para tudo... :rolleyes

    Os 02 aparecem por todo o lado B):D
     
  16. Mais um piloto de quem ouvi e ouço muitas vezes falar, pela boca do meu tio que esteve muitos anos em Angola (Benguela) e também gostava das loucuras da velocidade, havia episódios muito caricatos, mesmo á imagem desses tempos, onde não havia as preocupações com segurança que há hoje, certo que muitos morreram e ficaram feridos, mas vivia-se as corridas... Agora sao uma seca... o_O

    Mais um bom tópico...

    cumprimentos.
     
  17. Boa Noite Caros Amigos,

    Sou modelista à escala 1/43 com a temática Rali de Portugal e faço uma grande parte dos meus modelos de raiz.

    Estou a fazer o modelo do Escort RS 1600 utilizado por Amaral da Silva (Larama) Carlos Silva no TAP de 1973, com o nº 56, mas as fotos que tenho do carro, algumas são frames de filme super 8, não me permitem identificar os autocolantes que o carro tinha no tejadilho e as letras pretas que tinha no capôt...

    Se alguém me puder ajudar, postando algumas fotos deste carro neste tópico ou identificando estes elementos, ficaria muito grato...

    Claro que, caso o consiga acabar, colocarei neste forum fotos do modelo!

    Agradeço antecipadamente a Vossa prezada ajuda.

    Um abraço.

    João Borges Lourenço
     
Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página