Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Portalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

Renault Diário De Bordo De Uma Renault 4V

Tópico em 'Diários de Bordo' iniciado por peixinhodj, 28 Ago 2013.

Tópico em 'Diários de Bordo' iniciado por peixinhodj, 28 Ago 2013.

  1. Venho por este meio dar como aberto o diário de bordo da minha Renault 4V de 86 que adquiri no início deste mês, como carro pessoal de dia-a-dia.
    Ela esteve parada durante muito tempo numa barraca e por várias vezes já tinha sido 'afinada', mas depois de quase um ano à espera para a ir buscar (foi uma preguiça enorme para tirar a carta) lá rumei eu a norte.

    Aqui está ela no momento em que a fui buscar à Trofa:
    [​IMG]

    e este era o valor que apresentava no odómetro
    [​IMG]

    Na viagem para Aveiro, houve dois momentos em que me obrigou a parar por não entrar ar no depósito, facilmente foi resolvido com a abertura da entrada do depósito e com efeito de vácuo anulado. Pouco depois, chegava a Renault a Aveiro.
    [​IMG]

    Logo no fim de semana seguinte, o rumo estava traçado para a praia fluvial de Mosteiro em Pedrogão Grande e apesar de ser uma viagem 'longa' (130km), fez se bem nuns constantes 70 km\h.
    Feita a viagem, descansou-se enquanto esperava o resto da malta com quem me ia encontrar.
    [​IMG]

    Infelizmente por ela estar muito exposta a grandes variações de temperaturas (máx: 36, min: 12), alguns pontos na pintura e no pára-choques traseiro estalaram.
    [​IMG] [​IMG]


    Ao longo da semana, ainda houve um salto à praia do Cabril e o odómetro já tinha mostrava que alguns km's haviam sido feito em pouco tempo, mas a subida para sair do local ainda foi atribulada para o motor 'preguiçoso'.
    [​IMG] [​IMG] [​IMG]

    Chega sexta-feira e é feito o caminho de volta para Aveiro, onde nem havia sequer parada e já estava numa visita rápida à Praia da Barra, onde as mascotes da família deram como aprovado o veículo.
    [​IMG] [​IMG]

    O carro ainda antes de chegar a Aveiro de Pedrogão e logo ao sair da praia acusou outra vez o problema do depósito, que felizmente, até agora não aconteceu em auto-estrada.

    No sábado a Renault seguiu para a Póvoa de Varzim e voltou no domingo, e felizmente não acusou problemas nenhuns além do ruído criado pelo movimento das escovas.

    Fruto das viagens feitas, cheguei à conclusão que havia a necessidade de adquirir dois acessórios:
    um isqueiro e suporte para o telemóvel.
    [​IMG] [​IMG]

    O isqueiro está expectado ser montado depois de ter comigo um indicador de inclinação pois este também precisa de ligação eléctrica que apesar de ser ligado à entrada do isqueiro, tenciono ligá-lo directamente ao sistema eléctrico para acender a luzes quando ligar os mínimos.

    Avizinha-se mais uma viagem para sul, neste caso a Porto de Mós, e após isso serão umas viagens dentro da zona de Aveiro, e depois irá para a oficina para a instalação do isqueiro e manómetro, por isso haverá mais novidades para breve.
     
  2. Belissima 4V peixinho. E quase nova;-)

    Praia fluvial do mosteiro ja ha uns anos que nao vou la. Muito bonita, pequenina mas calma, pelo menis era:).

    A praia do cabril e onde? Lembro-me do nome mas nao me recordo onde e.

    Continuacao de boas curvas com a maquina.
     
  3. Obrigado. Sim praticamente está como nova, aliás todas as pessoas que me ouvem dizer ou vêem a contagem do odometro ficam incrédulas com um valor 'tão pequeno'. .

    Das duas vezes que lá fui, uma no final de Julho e a segunda em Agosto. Da primeira estava mais calma, só enchia ao fim de semana como seria de esperar. Já em Agosto estava sempre com muita gente, todos os dias.

    A Praia do Cabril fica na albufeira da barragem do Cabril a 3 km de Pedrogão Grande, é característica por ser uma piscina com estrutura flutuante em bidões de plástico.

    Cumprimentos.
     
  4. Tiago

    O facto do "motor se preguiçoso" é unicamente de ter uma caixa de velocidades mais curta que as 4L's normais, por ser uma carrinha de carga, mas no fundo fica com o motor com mais força.

    Isto é se não houve modificações a esse nivel.
     
  5. Sim realmente é raro ver carrinhas dessas com tão poucos Klm no odometro.

    A minha quando comprei, à 3 anos atrás, tinha só 15800 Klm, agora já vai com 24000 e qualquer coisa.

    Se quiser dar uma espreitadela clik aqui http://portugal.portalclassicos.com/topic/25620-renault-4f4-de-1987/
     
  6. Definitivamente estava incorrecto. Quanto a modificações a nivel de motor, só está com o ralenti acelerado e com uma bateria com amperagem ligeiramente mais alta que a original.

    O tópico contém posts que me despertaram interesse ;)
     
    guilherme m. gostou disto.
  7. Epá!
    Isso é que foi!

    Adquirir e toca de fazer Km´s!

    Parabéns pela máquina e vai mantendo o pessoal informado acerca dessas e outras viagens!
    wink.png
     
    peixinhodj gostou disto.
  8. Já te tinha felicitado através do 4.Clube, mas aqui também é justo que o faça... muitos parabéns pela carrinha Tiago, está divinal!!!

    Vai actualizando o tópico com as tuas aventuras a bordo desta máquina, para que possamos ficar deslumbrados com a "intemporalidade" deste maquinão...

    Um Abraço cá do Sul....
     
    peixinhodj e guilherme m. gostaram disto.
  9. Mais um fim-de-semana, mais uns km's na 4V. Desta vez o destino foi Porto de Mós, pela N109 com direito a pit-stop em Leiria.
    Com esta viagem, o odómetro da 4V marcou os primeiros mil km's nas minhas mãos, mas antes da partida era este o valor que marcava:
    [​IMG]

    Em Porto de Mós, deu para fazer uso às capacidades da 4V em ambiente fora de estradas com declives acentuados e trilhos e caminhos de cabras da propriedade.
    [​IMG][​IMG][​IMG][​IMG][​IMG]
    [​IMG]

    A viagem de volta foi feita pelo IC2 e N235, onde comparado com o trajecto feito pela N109 é mais longo mas a diferença nos consumos foi gigantesca, já que para Leiria gastou quase meio depósito enquanto no sentido contrário pouco mais de um quarto do depósito foi consumido. O grande consumo talvez se devesse aos constantes controlos de velocidade ao longo da 109.
    Aparte disso, nas viagens não houve problemas excepto de, na viagem de volta, ao passar por Anadia e ao chegar a Aveiro, o motor voltou a soluçar e a parar por não entrar ar com a gasolina do depósito, criando vácuo no depósito e obrigando me a sair do carro para abrir a tampa do depósito.

    Chegado a Aveiro e prevendo futuras aventuras em meios mais rurais, adquiri este manómetro, que como já havia dito irá ser ligado directamente ao sistema eléctrico, ao invés de se ligar ao isqueiro.
    [​IMG]

    Por agora é tudo, mais viagens para brevelaugh.png
     

    Ficheiros Anexados:

Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página