Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Portalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

Carros De Competição Legais Na Via Pública

Tópico em 'Legislação' iniciado por Armando Fonseca, 15 Jan 2014.

Tópico em 'Legislação' iniciado por Armando Fonseca, 15 Jan 2014.

  1. Esta noticia podera ser interessante para muitos de nós, resta saber quanto pode custar o passaporte tecnico para um classico com preparação de competição

    "A FPAK está a tentar preencher uma lacuna há muito existente na legislação portuguesa relativamente aos carros de competição e que tem a ver com a sua legal circulação na estrada. Segundo Mello Breyner, Presidente da FPAK, “o Passaporte Técnico, num futuro próximo (esperamos) vai ter um papel ainda mais importante pois a FPAK está a tentar resolver o problema de circulação na via pública dos carros de competição. Como se sabe, um carro de competição não pode circular na via pública já que o simples facto de ter ‘roll bar’, pneus, vias mais largas, escapes livres, cintos de competição, etc., impedem-no de passar numa simples inspecção. Contudo, a FPAK está a trabalhar de forma a assegurar um regime que permitirá aos carros de competição circular, com algumas restrições, na via pública, na sua deslocação para e no regresso das provas e este processo vai passar inevitavelmente pelo passaporte técnico. O processo não está concluído, mas pela primeira vez pensamos ter alguma luz ao fundo do túnel. Esta é uma das razões pela qual a FPAK está a colocar uma ênfase e um rigor tão grande na emissão do passaporte, pois ele acabará por ser o ‘livrete’ do carro de corridas! Este custo mais elevado será também aplicado na emissão de novo passaporte após reconstrução de uma viatura que tenha sofrido um grave acidente, pelas razões óbvias de certificar que todas as condições de segurança estão asseguradas uma vez que mais uma vez a segurança dos pilotos tem que ser um ponto de honra, da qual não pretendemos abdicar um milímetro”, concluiu."

    Ler mais: http://autosport.pt/carros-de-competicao-legais-na-via-publica-para-breve=f117377#ixzz2qVrb4iOG
     
  2. Penso que à partida pode ser a solução para reduzir custos e facilitar o acesso. Simplesmente saber quais as limitações é que poderão estar condicionadas, onde os pneus, os sistemas de luzes que muitos deles não tem, o som e outros factores poderão ser impeditivos de circulação. Penso que em determinadas situações de grupo 1 ou mesmo grupo2 de velocidade, os rallyes produção ou grupoN poderão vislumbrar alguma facilidade. Todos os outros não estou a ver.

    De qualquer modo, é uma excelente partilha Armando.
    abraço!
     
  3. Falta saber quando é que realmente isto vai para a frente ;)
     
  4. Vamos a ver no que isto dá
     
  5. Não conheço esta nova direcção da FPAK, mas quando a esmola é grande, o pobre desconfia...
     
  6. a noticia veio esta semana no autosport
     
Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página