Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Portalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

Bomba Injectora

Tópico em 'Mecânica' iniciado por Sérgio Carriço, 15 Mai 2008.

Tópico em 'Mecânica' iniciado por Sérgio Carriço, 15 Mai 2008.

  1. Sérgio Carriço

    Sérgio Carriço YoungTimer

    Registo:
    19 Abr 2008
    Local:
    Figueira da Foz
    Bomba Injectora é um subsistema de alimentação dos motores diesel. O sistema utilizado inicialmente em motores estacionários Rover é responsável pelo bombeamento de óleo em alta pressão, nos grupos geradores e nas grandes maquinas de navios, posteriormente nos veículos menores como camiões e automóveis Volkswagen TDI, sendo o seu desenvolvimento a cargo do grupo Bosch.
    Consiste num sistema de bombeamento mecânico a pistões que funciona imerso e lubrificado no próprio óleo combustível. O sistema é calculado para fornecer alta pressão de (+2000 Bar ) na agulha do bico e assim vencer a contra pressão do oxigénio no interior do cilindro já comprimido. Essa operação que acontece no momento da compressão e exacto instante que o embolo do pistão encontra-se 6º antes do ponto morto superior, uma quantidade predeterminada de combustível é pulverizado. Na realidade, as válvulas que retém o bico injector fechado, é que cedem “sob pressão” e permitem a passagem do óleo, que entra atomizado na câmara e detona.
    Vantagens:
    • Um comportamento mais desportivo para o motor diesel
    • arranque instantâneo
    • muito baixo consumo, mesmo comparado com o common-rail
    Desvantagens:
    • menor rendimento que o sistema comon-rail
    • maior ruído de funcionamento
    • mais poluente que os common-rail
     
  2. Carlos Jorge Sol Teixeira

    Registo:
    22 Dez 2006
    Local:
    Machico/Madeira
    " Permite a passagem sob pressaõ do gasoleo na câmara de combustão e NÂO o óleo" se assim fosse queimava oleo em vez de gasoleo:D::D:bom tópico Sérgio :notworthy::notworthy:
     
  3. Sérgio Carriço

    Sérgio Carriço YoungTimer

    Registo:
    19 Abr 2008
    Local:
    Figueira da Foz
    Correcto Carlos... Sabia que o primeiro motor Diesel foi alimentado com Óleo de amendoin !!?? ( outro topico que irei colocar ) ( Obrigado pela apreciação, é apenas uma curiosidade )

    http://www.portalclassicos.com/forum/showthread.php?t=9487
     
Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página