R5 GT Turbo

Germano Silva

Mano
Portalista
Márcio Almeida disse:
Aqui Ficam as foto de um que encontrei à saida do trabalho em Marvão, espero q o dono não leve a mal q poste aqui as fotos, mas achei o carro excelente!!!! :huh:
Está muito porreiro... E pelo que parece está muito bem estimado... ;)
 

Pedro Burao

Clássico
tens aí um pequeno canhao eu tambem tenho um mas nao esta tao estimado quanto o teu quando o comprei ja tinha sido alterado nao o alteres pois vais te arrepender tenho fotos nos classicos do dia a dia . se souberes quem tem as molas de origem baratas diz .abraços
 

NunoMRLuis

Clássico
Tenho um 5 GT Turbo que esta na fase final do restauro tenho pena de nao o poder adicionar a minha garagem porque pelas regras do site ainda nao e um classico. Nao sei se mais alguem concorda comigo mas certos carros nao precisao de fazer 25 anos para se tornarem classicos e como tal deveriamos poder te-los aqui de forma a que pessoas interessadas, curiosos, apaixonados, conhecedores, proprietarios de modelos identicos, podessem, partilhar, retirar informaçoes uteis a todos aqueles que estejam interessados, pois pelo que ja me apercebi este dar e receber faz parte do espirito dos frequentadores deste site.
 

NunoMRLuis

Clássico
NunoMRLuis disse:
Tenho um 5 GT Turbo que esta na fase final do restauro tenho pena de nao o poder adicionar a minha garagem porque pelas regras do site ainda nao e um classico. Nao sei se mais alguem concorda comigo mas certos carros nao precisao de fazer 25 anos para se tornarem classicos e como tal deveriamos poder te-los aqui de forma a que pessoas interessadas, curiosos, apaixonados, conhecedores, proprietarios de modelos identicos, podessem, partilhar, retirar informaçoes uteis a todos aqueles que estejam interessados, pois pelo que ja me apercebi este dar e receber faz parte do espirito dos frequentadores deste site.
DESDE JA CONVIDO-VOS A TODOS A VISITAR O TOPICO DO RESTAURO DO MEU 5 GT TURBO
 

NunoMRLuis

Clássico
Estou com um problema e estou a apelar a vossa ajuda. Quando comprei o carro reparei que as forras das portas estavão descoladas mas como o carro não era novo e tinha outras coisas pra arranjar não liguei muito, agora depois de contactar varios estofadores nenhum consegue arranjar tecido igual nem mesmo na Renault, nem conseguem forrar as portas de modo a que fiquem iguais. Aqui vai a pergunta: ALGUEM CONHECE ALGUEM QUE TENHA UMAS FORRAS DO RENAULT 5 GT TURBO FASE II QUE ESTEJAM EM BOM E ESTADO E QUE QUEIRAM VENDER?

Desde ja o meu obrigado.
 

NunoMRLuis

Clássico
NunoMRLuis disse:
Estou com um problema e estou a apelar a vossa ajuda. Quando comprei o carro reparei que as forras das portas estavão descoladas mas como o carro não era novo e tinha outras coisas pra arranjar não liguei muito, agora depois de contactar varios estofadores nenhum consegue arranjar tecido igual nem mesmo na Renault, nem conseguem forrar as portas de modo a que fiquem iguais. Aqui vai a pergunta: ALGUEM CONHECE ALGUEM QUE TENHA UMAS FORRAS DO RENAULT 5 GT TURBO FASE II QUE ESTEJAM EM BOM E ESTADO E QUE QUEIRAM VENDER?

Desde ja o meu obrigado.
Fica aqui uma foto das forras, obrigado:(
 

Anexos

o melhor a fazer, é tentares arranjar um tecido mais parecido possivel com o original.
aconteceu o mesmo comigo, quando forrei as portas do meu ax gt
cumps
 
renault5 GTT, excelente maquinão, e concordo com o Mário Oliveira, à falta do original, para ficar com um aspecto mais novinho, que uma quartela de tecido usado, :)
 

PauloSoares

YoungTimer
Boas,
Chamo Paulo Soares e em Maio de 1989 adquiri um Super 5Gtturbo. Sem duvida que foi o carro que me marcou até aos dias de hoje. A mim e a uma geração é claro. E podemos em definitivo falar das saudades que deixa. Por boas e más razões. As boas, foram as emoções que vivi a desfrutar dos 120cv durante 5 anos! Costumo dizer que ao volante deste carro aprendi a conduzir. A condução que fiz em estrada com ele, não me atrevo a fazer hoje com qualquer carro, isso é certo. Nunca tive nenhum acidente se é isso que possam pensar, pois quando digo a condução, refiro-me a ultrapassagens impensáveis, curvas em aceleração que deixavam qualquer um com a adrenalina no máximo, etc, etc.
Também posso dizer que os anos passam e acalmam qualquer um. Naquela altura para mim não havia riscos. Era o gozo da vida pelo máximo. E esse carrinho proporcionava esse gozo. Momentos inesquecíveis.
Mas tudo tem um senão, e o Gtt não era só mar de rosas.
As más recordações, é que era raro o mês que não ia à oficina...todos os meses eram uns valentes escudos $ em peças. Tubagem era todos os meses. Alternador, motor de arranque, radiador, carburador, termostato, valvulas, painel de instrumentos deixou de trabalhar, vi-me grego para o reparar pois na Renault só vendiam a peça. Tive que andar em centros electrónicos à procura das resistências de valor certo (ex: 2,4 OHM) e andar a solda-las nas placas de circuito impresso do painel de instrumentos e um sem numero de avarias....
A única coisa que nunca mexi foi o Turbo o Motor. Vendi o carro com 120.000 kms (salvo erro) sem nunca mexer nestes dois componentes. Isto porque (e diga-se com modéstia como sou engº mecânico) tinha todos os cuidados que era preciso. Bom óleo, já na altura colocava o Mobil 1 5W40 e não a treta do Elf... e nada de arranques a frio ou desligar o motor após viagens, entre outros.
Comprar um nos dias de hoje, já me passou pela cabeça, mas nunca iria comprar um usado. Quando muito dirigia-me mesmo à Renault e colocava a possibilidade de encomendar um. O super 5 ainda é produzido para alguns países do norte de África e asia oriental salvo erro. E através de um contacto já consegui saber que é possível montar um em Portugal. Há cá peças para isso, ou mesmo em Espanha e França. É chegar a a um concessionário e encomendar. Haja Euros!!
Deixo as fotos do meu 5 Gtturbo, que tive que vender a um rapaz da zona de Sintra, com muita pena minha. Acho incluso que há por aqui fotos do carro já alterado com umas jantes Enkey.
Agora tenho uma Mondeo 2.2 Tdci... tem tudo a ver! :D
Abraços,
 

Anexos

PauloSoares disse:
Boas,
Chamo Paulo Soares e em Maio de 1989 adquiri um Super 5Gtturbo. Sem duvida que foi o carro que me marcou até aos dias de hoje. A mim e a uma geração é claro. E podemos em definitivo falar das saudades que deixa. Por boas e más razões. As boas, foram as emoções que vivi a desfrutar dos 120cv durante 5 anos! Costumo dizer que ao volante deste carro aprendi a conduzir. A condução que fiz em estrada com ele, não me atrevo a fazer hoje com qualquer carro, isso é certo. Nunca tive nenhum acidente se é isso que possam pensar, pois quando digo a condução, refiro-me a ultrapassagens impensáveis, curvas em aceleração que deixavam qualquer um com a adrenalina no máximo, etc, etc.
Também posso dizer que os anos passam e acalmam qualquer um. Naquela altura para mim não havia riscos. Era o gozo da vida pelo máximo. E esse carrinho proporcionava esse gozo. Momentos inesquecíveis.
Mas tudo tem um senão, e o Gtt não era só mar de rosas.
As más recordações, é que era raro o mês que não ia à oficina...todos os meses eram uns valentes escudos $ em peças. Tubagem era todos os meses. Alternador, motor de arranque, radiador, carburador, termostato, valvulas, painel de instrumentos deixou de trabalhar, vi-me grego para o reparar pois na Renault só vendiam a peça. Tive que andar em centros electrónicos à procura das resistências de valor certo (ex: 2,4 OHM) e andar a solda-las nas placas de circuito impresso do painel de instrumentos e um sem numero de avarias....
A única coisa que nunca mexi foi o Turbo o Motor. Vendi o carro com 120.000 kms (salvo erro) sem nunca mexer nestes dois componentes. Isto porque (e diga-se com modéstia como sou engº mecânico) tinha todos os cuidados que era preciso. Bom óleo, já na altura colocava o Mobil 1 5W40 e não a treta do Elf... e nada de arranques a frio ou desligar o motor após viagens, entre outros.
Comprar um nos dias de hoje, já me passou pela cabeça, mas nunca iria comprar um usado. Quando muito dirigia-me mesmo à Renault e colocava a possibilidade de encomendar um. O super 5 ainda é produzido para alguns países do norte de África e asia oriental salvo erro. E através de um contacto já consegui saber que é possível montar um em Portugal. Há cá peças para isso, ou mesmo em Espanha e França. É chegar a a um concessionário e encomendar. Haja Euros!!
Deixo as fotos do meu 5 Gtturbo, que tive que vender a um rapaz da zona de Sintra, com muita pena minha. Acho incluso que há por aqui fotos do carro já alterado com umas jantes Enkey.
Agora tenho uma Mondeo 2.2 Tdci... tem tudo a ver! :D
Abraços,
Tenha um grande amigo que teve um,ele gastou tanto dinheiro com aquele carro, era de doidos,o que o amor faz,levou tudo novo, passado um ano na autoestrada do algarve ele vinha atras de mim iamos a dar ganga valente e o carro foi-se avariou o termostato e o carro ardeu na autoestrada.
Passado um tempo falei com outros srs. com estes carros todos se queixam do mesmo a parte do arrefecimento do motor é má para o que o carro anda.
Qual a sua opinião?
 
Boa Noite.

Sou proprietário de um carro destes já algum tempo, uso o carro quase diariamente. Só não o uso 365dias/ Ano por achar que os plásticos interiores sofrem muito no Verão.

Claro que um 5GTT requer cuidados afinal de contas o meu têm 22 anos(1988) e é um Turbo alimentado a carburador. Onde o habitáculo do motor é pequeno para tanto calor que produz o motor.

Vou inumerar as peças que mudei durante o tempo que pecorri 15 000 Km s:

-Embraiagem
-Revisão ao carburador
-Oleo e filtro
-Velas
-Tanque de combustivel (aquando da compra)

E penso que foi tudo de relevante, para além do enorme prazer que proporciona a sua condução sinto total confiança para sair hoje MESMO de casa Rumo a França, sem parar, sem qualquer problema.
 
Topo