Quizz automobilístico.

João Paulo C. Ribeiro

Portalista
Portalista
O motor era uma estranha unidade de 12 cilindros em U. Em U? Sim. Eram dois blocos de 6 cilindros montados em paralelo, com válvulas accionadas por 3 árvores de cames à cabeça. Tudo isto numa cilindrada de 1484 cc. Com a ajuda de um compressor Roots debitava 187 cv às 8500 rpm (em 1927 era obra!).
É verdade. Não me lembrei desse:blush:.
Julgo que houve um Alfa Romeo, o 316, com o mesmo tipo de motor.
 
Última edição:

João Paulo C. Ribeiro

Portalista
Portalista
Certíssimo

Matra-Simca Bagheera

1590115892198.jpeg

Apresentado em 1973 o Matra-Simca Bagheera era um coupé de motor central e transversal, motor esse que seria utilizado no Simca 1100 TI (apresentado igualmente nesse ano), com uma carroçaria de fibra de vidro rebitada e colada numa estrutura de aço que em certos locais fica imersa na fibra. Infelizmente essa característica dificulta bastante o restauro dos sobreviventes.

1590115974125.png

Possuía igualmente três lugares à frente em assentos individualizados, que eram relativamente espaçosos e confortáveis para três adultos (ai a DGS e a COVID19). A equipa que desenvolveu o Bagheera chegou à conclusão que seria a melhor disposição já que os veículos raramente transportavam mais que três passageiros e os 2+2 penalizavam de sobremaneira os passageiros que eram transportados no banco de trás. Acreditavam assim ter uma solução mais racional no que respeita ao aproveitamento do espaço disponível.

De referir ainda a existência de pelo menos dois protótipos Bagheera U8 funcionais que tinham um motor em U (onde é que já ouvi isto?:p).

1590116062778.png

Esse motor foi desenvolvido a partir de 1973, e resultava do acoplamento de dois motores Poissy de 1.294 cc (um do Simca Rallye 2 e outro do Simca 1100 TI). Esses dois motores eram idênticos, excepto no sentido de rotação, o que permitia que fossem montados juntos numa arquitectura em forma de U.

1590116137602.png

Esta brincadeira resultava num monstro de 8 cilindros em forma de U (2.588 cc, 168 hp a 6.200 rpm, 22 m / kg a 4.000 rpm) e mais de 220 km / h de velocidade máxima expectável. Este motor não é um V8. Ambos os motores conservam as suas cambotas. É claro que a crise do petróleo matou este bicharoco já que o consumo seria de 28 litros/100 km.

Venha o próximo desafio
 
Última edição:

Carlos Vaz

Portalista
Portalista
Oudass... bem me parecia que este painel me era familiar.
Mas atribuí a um qualquer protótipo e simplesmente não pensei mais no assunto.
Desconhecia essa história dos 2 motores acopolados em U.
Obrigado pela partilha.
 

Tiago Baptista

Portalista
Portalista
OK

Para sair (temporariamente) dos FIAT lá vai mais um.

Ver anexo 1171750

Marca e modelo
Uma raridade que hoje virou moda: o volante com a parte inferior achatada.

Na altura em que os "plásticos" apareceram com este design, o motivo para tal distinção prendia-se sobretudo com o carácter desportivo desse modelo. Lembro-me, por exemplo, do Peugeot 208 e 308 GTi ou da terceira geração do Ford Focus RS. Para quem estava aos comandos ter um volante deste género com umas siglas desportivas gravadas tinha um significado especial: distinção, um produto diferente de tudo o resto. Não era um modelo base que estava ali. Infelizmente, este tipo de volante banalizou-se actualmente ao ponto de qualquer modelo por mais simples que seja trazer um de série ou, na melhor das hipóteses (e mais um quantos euros), poder ser adquirido através de um pack desportivo.
 
Última edição:

João Paulo Ferreira

Portalista
Portalista
Bem parece que me cabe a mim agora dar continuidade ao quizz.

Vai portanto uma questão em forma de adivinha.

Qual é o carro qual é ele que tem um motor turbo comprimido, montado atrás do eixo traseiro, com seis cilindros opostos arrefecidos a ar e não é alemão ?
 

Edgar.Guerra

Portalista
Premium
Portalista
Então cá vai a minha nova contribuição.

Esta foi uma das mais notáveis máquinas de competição de sempre. No entanto, nos primeiros tempos a sua vida não foi fácil. Não era tão superior ao seu antecessor quanto devia (a julgar pelos números), e os pilotos queixavam-se de ter um comportamento muito mau, sobretudo a alta velocidade.

Numa sessão de testes, deu-se um momento "eureka" e um engenheiro descobriu porque o carro tinha tão mau comportamento, tendo feito uma alteração que basicamente elevou a secção traseira do carro. Que descoberta foi essa e como foi feita?

1590369618586.png
 

Carlos Vaz

Portalista
Portalista
A descoberta em questão foi que a aerodinâmica não funcionava e que o problema estava na secção traseira que não gerava a necessária "downforce!
Foi descoberto pelo facto de existirem mosquitos mortos por todo o carro, excepto na traseira, sinal que o ar nem lhe tocava.
Assim, modificaram a traseira elevando-a e tornando-a mais curta, dando origem ao 917 K de Kurtz.
 

Edgar.Guerra

Portalista
Premium
Portalista
A descoberta em questão foi que a aerodinâmica não funcionava e que o problema estava na secção traseira que não gerava a necessária "downforce!
Foi descoberto pelo facto de existirem mosquitos mortos por todo o carro, excepto na traseira, sinal que o ar nem lhe tocava.
Assim, modificaram a traseira elevando-a e tornando-a mais curta, dando origem ao 917 K de Kurtz.
Isso mesmo.
Resta apenas acrescentar que, segundo as crónicas da época, os engenheiros fizeram essa alteração durante a noite, aproveitando a ausência do Dr. Piech. Segundo eles, o Sr. não iria autorizar uma alteração dessas. :D

Vamos à próxima, @Carlos Vaz
 

Carlos Vaz

Portalista
Portalista
Isso mesmo.
Resta apenas acrescentar que, segundo as crónicas da época, os engenheiros fizeram essa alteração durante a noite, aproveitando a ausência do Dr. Piech. Segundo eles, o Sr. não iria autorizar uma alteração dessas. :D

Vamos à próxima, @Carlos Vaz
Vim de trabalhar de noite, dormi apenas 3 horas, tenho uma reunião daqui a menos de meia hora e logo que deveria estar de folga vou outra vez porque um colega não pode ir.
Assi, peço desclpa mas passo... sigam com o quizz.
 
Topo