importaçao

Bernardino

YoungTimer
se fosse da europa até podia ajudar, já importei 2 da alemanha, mas dos E.U.A. penso que é mais complicado(€€) principalmente na alfandega.
O imposto pago varia com a cilindrada e não com os valores da poluição como nos carros, outro factor é a idade do veiculo (isto no caso de ser usado).
 

Evan Oliveira

Veterano
joao nuno magalhaes disse:
estou a pensar importar uma mota dos Estados Unidos.alguem já teve esta experiencia
Além de ser importante saber primeiro se é homologada cá ou não, porque caso não seja a legalização complica, tem que se pagar ao despachante alfandegário os serviços, além dos impostos normais. O custo pode ir a um terço do valor pago pela mota. A factura de compra e o comprovativo bancário da mesma é obrigatório na alfandega para despacho. Penso por tudo isto que não vale a pena. É melhor pensares em comprar na Europa, onde normalmente as motas estão homologadas e a legalização se torna bem mais simples. Comprei duas de 1000 C3 e paguei pela legalização de cada uma cerca de 600 Euros.
 
Topo