Ford Taunus 17M (P2) de 1957

Manuel Ferreira Dinis

Dinis Vila Real
Portalista
A Ford instalou-se em Berlim em 1925 e iniciou a montagem de modelos oriundos da sua congénere americana.
A linha Taunus teve inicio em 1939, em Colónia, com o modelo apelidado “Buckel” “ redondo”.
Em 1952 nasce a linha M de (“Meisterstuch”, que quer dizer obra-prima) entrando em confronto com a designação de “Meisterklasse” da DKW, devido á sua semelhança sonora.
Ver anexo 6658
Apresentado em Agosto de 1957, o Taunus 17M, retoma a inspiração americana baseando-se no Ford Fairlane Crown Victoria. Disponível nas versões, duas e quatro portas, descapotável e na carrinha de duas portas “Kombi”. Confortável e espaçoso exibe harmoniosamente os cromados típicos da época, nos dois acabamentos, Standard e De Luxe e faz lembrar os famosos “rabos de peixe” do outro lado do Atlântico.
Parecendo um elegante “coupé” acentua fortemente o seu estilo com uma ampla gama de cores em dois tons e recebe a alcunha de barroco.
O modelo parece um elegante “coupé”, marcado por uma ampla gama de cores em dois tons, vincando o seu estilo, o que lhe valeu a alcunha de barroco.
Como extras, podia ser equipado com tecto de abrir, quarta velocidade, overdrive e transmissão automática.

O número de exemplares varia segundo as fontes: 235 000 (Best Cars Web Site) e 239 973 (AZ of Cars) e 239 978 (The Complete Enciclyopédia of Saloon Cars 1945 1975) para os automóveis produzidos entre 1957 e 1960.enquanto para a carrinha é de 45 468 exemplares. Não encontrei valores para o cabriolet.
Ver anexo 6659

Ficha técnica

Motor: 4 cilindros em linha
Cilindrada: 1698
Diâmetro e curso: 84x76,6mm
Potência: 60cv SAE a 4250rpm
Alimentação: Carburador de corpo simples
Transmissão: Caixa de 3 velocidades ao volante
Peso: 974 Kg
Velocidade Máxima: 125 Km/h
 

Anexos

Topo