Fiat Fiat Uno 60SX (1990)

Um dos melhores utilitários da história. Ágil, barato, fiável, pequeno por fora e enorme por dentro. Foi a minha cobaia para apreender mecânica básica. E tornou-se uma paixão.
Diários de Bordo

Fiat Fiat Uno 60SX (1990)

João Carvalho

Veterano
Afonso, lavei o circuito de refrigeração do meu Super 5 com um produto da Liqui-Moly diversas vezes e substituí sempre o líquido por um novo. Mesmo assim, ao fim de cerca de 1000km o líquido ficava novamente castanho.
Seguindo os conselhos obtidos aqui no Fórum, em vez de colocar um líquido barato, com protecção básica, coloquei o PARAFLU, com mistura de 50%. Já passaram 2000km e o líquido continua verde. Claro que, para ter a certeza de que este líquido funciona mesmo muito melhor, será preciso esperar mais alguns quilómetros.
 
OP
OP
afonsopatrao

afonsopatrao

Pre-War
Afonso, lavei o circuito de refrigeração do meu Super 5 com um produto da Liqui-Moly diversas vezes e substituí sempre o líquido por um novo. Mesmo assim, ao fim de cerca de 1000km o líquido ficava novamente castanho.
Seguindo os conselhos obtidos aqui no Fórum, em vez de colocar um líquido barato, com protecção básica, coloquei o PARAFLU, com mistura de 50%. Já passaram 2000km e o líquido continua verde. Claro que, para ter a certeza de que este líquido funciona mesmo muito melhor, será preciso esperar mais alguns quilómetros.

Obrigado, João!
O paraflu é, claramente, o melhor anticongelante (ou não fosse o recomendado pela FIAT! ;). O problema é que, estando o motor com muita ferrugem, tive medo de lhe colocar já o paraflu e, com a ferrugem que se soltasse, abrisse buracos. Optei por começar com um anticongelante a 30% e, como é para ir mudando, por colocar outra marca mais barata (já tive ARBO; agora tenho lá Kraft).

Também com este receio nunca pus nenhum produto de limpeza do circuito. Tive sempre medo que isso me fosse abrir um buraco qualquer. Concretamente, nos motores FIRE há uma rela entre o bloco e a caixa. Quando essa fura, obriga a tirar caixa e embraiagem para a trocar. Nunca me atreveria a fazer isso sozinho; seriam, à vontade, 250€ de não de obra...

Mas na próxima muda, já lhe ponho o paraflu, talvez para já diluindo-o a 30%.
Onde compraste o paraflu? Na Fiat?
 
OP
OP
afonsopatrao

afonsopatrao

Pre-War
Parte 7:
Continuando a mimar o pequeno, mandei fazer tapetes para ele, com as medidas de origem (o SX tinha 4 tapetes, ao contrário dos S que tinham um tapete único no banco de trás):
218a9b95c0c4b4b538dceea8e559e9a0.jpg

44853cd65d61bf856acd587231b84549.jpg

Continuando...
Não tendo ainda conseguido resolver o problema do ponteiro da temperatura errático, as minhas investigações foram interrompidas por ter detectado umas pingas debaixo do motor, na garagem. Uma análise do líquido altamente científica (pôr o dedo na poça) veio a confirmar que não se tratava de óleo, mas de líquido de refrigeração.
Tratando-se de um motor FIRE, é evidente qual era a maior probabilidade: outra rela a entregar a alma ao criador (as relas são um cancro destes motores...). Atendendo à minha azelhice mecânica, o risco era ser a rela que está entre o bloco e a caixa, já que nesse caso eu não me atreveria a fazer o trabalho sozinho e acabaria por contrariar a regra que estabeleci quando comprei o Uno: não chamar mecânicos.

Com a ajuda de um espelhinho, lá consegui ver qual era a rela culpada: uma das relas da frente do bloco, a que está mais próxima da bomba de água.
Uff! Conseguia tratar disto sozinho! Mãos à obra!

(Aviso prévio: trocar uma rela demoraria, para alguém experiente, 15 a 20 mins. Eu aviso já que demorei... UM MÊS!!! O Uno ficou parado um mês... ;)

A rela em causa está mesmo atrás do tubo metálico que leva água do radiador para o bloco, por sua vez atrás do colector de escape. Isto obrigava, por isso, a tirar esse tubo metálico (o que obrigaria a comprar novo o-ring para ele) e a tirar o colector de escape (o que obrigava a comprar junta nova para o colector de escape). A rela em causa está atrás do colector de escape:
3d82cb5875a9a3becdb9df4d43be1950.jpg

Como o tubo metálico que eu tinha já estava meio partido, resolvi comprar um novo, que assim traria logo o respectivo o-Ring.
Liguei para a Fiat e... produto descontinuado. Lá tive de comprar de uma marca de concorrência.
Depois de reunido o material necessário, lá coloquei eu mãos à obra. Comecei no dia 1 de Novembro de 2014.


Primeiro passo: esvaziar o circuito de refrigeração. Sem problemas.
Segundo passo: retirar o colector de escape. Bronca.

As porcas do colector de escape saíram bem, depois de litros de WD40.
Mas não consegui tirar as porcas que ligam o colector ao tubo de escape! Tentei durante 40mins, sempre a pôr WD40, e nem se mexeram. Com roquete, com chave de boças, nada. Só faltou mesmo martelar. Estes 3 parafusos, já encharcados em WD40:
37bdf6200f6873fa3f0dadc10e2b6dd1.jpg

A solução, do que pude investigar junto dos Fiatistas, foi retirar parte do tubo de escape agarrado ao colector. Meter-me debaixo do carro e desapertar uma junção que há ali a meio do carro. E tirar, como se fosse peça única, "colector de escape + meio tubo de escape".
Para isso, precisei de começar por colocar WD40 num apoio que prende o tubo de escape debaixo do bloco e deixar a actuar durante uma noite:
00a275bac6f1be0aa299de5fa6df77d6.jpg

Deu para ver que o tubo de escape já teve um encontro imediato com qualquer coisa, e ficou ali amolgado, junto ao cárter:

7266778811d4109185b81a0dcca08af5.jpg

Além deste apoio, foi preciso retirar a junção com a segunda parte do tubo de escape, por baixo dos bancos dianteiros:
ea42699b6d8d4a66d8551166f0edc3d1.jpg

Mãos à obra: retirei a junção e o parafuso do apoio do tubo debaixo do bloco. Saiu, como peça única, colector + tubo. Começa a ver-se a rela doente, num estado lastimável, bem como as manchas de água ferrugenta que por ali há:
5290aea6f9e385f54687cfdb1cc5d961.jpg

Tirei o tubo metálico e aproximei-me da rela malvada:

9585f7874e6892ba5ef61208c6fb7f3a.jpg

b213778abbed87573203af5a82aca680.jpg

Aqui, já depois de ter tirado toda a porcaria que consegui, com diluente celuloso:
da1049f1bf1297682163841febc3fb58.jpg

Chegado aqui, começou a saga. Supostamente, tirar a rela é uma coisa muito simples: bate-se com uma chave de fendas numa extremidade, ela roda sobre si própria, e tira-se com um alicate. Isso é na teoria... Agora na prática.

1- (8NOV a 13NOV, 30 mins diários) Martelada numa extremindade com uma chave de fendas: não se mexia. Nem um milímetro.

2- Técnica n.º 2: fazer um furo no centro da rela com um parafuso para madeira e puxar com um martelo de orelhas.
Asneira: assim que encostei o parafuso, com a mão, abriu-se uma cratera. Rela completamente podre...

45161c28070a5ab74b545ce2d3767a32.jpg

3. Retorno à técnica original: bater numa extremidade da rela com uma chave de fendas para que ela rodasse sobre si própria. (13-21NOV, meia hora por dia de martelada). Nada.

4. Desepero. Decidi chamar mecânico.

5. Dia 22: última tentativa, antes de chamar mecânico. Marteladas com mais determinação e a ajuda do meu irmão:

SAIU!!!!! Finalmente! Que sensação de felicidade!
2d64c50d368220e61c9bb47016742d8e.jpg

Depois disto, e com mais percalços que não vou agora relatar, voltei a 28 de Novembro aos trabalhos. Coloquei as relas e passei para o problema seguinte. Colocar o tubo metálico. Tem de ser à pressão e é preciso uma força demedida: um pincel dos diabos.
Demorei uma semana a pô-lo. Também terá ajudado o facto de não ser de origem e, por isso, não era exactamente igual ao da peça FIAT. Só consegui a 3 de Dezembro.

Depois, com muita nabice, fui pondo pouco a pouco as peças que tinha retirado. Como não tenho experiência nenhuma, tudo o que alguém faria em 10 mins, eu demoro vários dias. Pois bem, no dia 7 de Dezembro o Uno deixou de estar assim:
7d49693df678bfc1d2698bb38b7aef11.jpg

Para finalmente voltar a estar assim:
a38474791079c6d76e721136d8f20a8f.jpg

72c3ee8c-836b-4cb5-8a5f-8c4443f16712_zpsf291dad2.jpg
 

Anexos

  • 218a9b95c0c4b4b538dceea8e559e9a0.jpg
    218a9b95c0c4b4b538dceea8e559e9a0.jpg
    252.7 KB · Vistos: 125
  • 44853cd65d61bf856acd587231b84549.jpg
    44853cd65d61bf856acd587231b84549.jpg
    373.2 KB · Vistos: 125
  • 3d82cb5875a9a3becdb9df4d43be1950.jpg
    3d82cb5875a9a3becdb9df4d43be1950.jpg
    232.8 KB · Vistos: 126
  • 37bdf6200f6873fa3f0dadc10e2b6dd1.jpg
    37bdf6200f6873fa3f0dadc10e2b6dd1.jpg
    269.3 KB · Vistos: 126
  • 00a275bac6f1be0aa299de5fa6df77d6.jpg
    00a275bac6f1be0aa299de5fa6df77d6.jpg
    268.2 KB · Vistos: 125
  • 7266778811d4109185b81a0dcca08af5.jpg
    7266778811d4109185b81a0dcca08af5.jpg
    253.1 KB · Vistos: 125
  • ea42699b6d8d4a66d8551166f0edc3d1.jpg
    ea42699b6d8d4a66d8551166f0edc3d1.jpg
    194.2 KB · Vistos: 126
  • 5290aea6f9e385f54687cfdb1cc5d961.jpg
    5290aea6f9e385f54687cfdb1cc5d961.jpg
    295.9 KB · Vistos: 126
  • 9585f7874e6892ba5ef61208c6fb7f3a.jpg
    9585f7874e6892ba5ef61208c6fb7f3a.jpg
    329 KB · Vistos: 124
  • b213778abbed87573203af5a82aca680.jpg
    b213778abbed87573203af5a82aca680.jpg
    337.3 KB · Vistos: 125
  • da1049f1bf1297682163841febc3fb58.jpg
    da1049f1bf1297682163841febc3fb58.jpg
    425.2 KB · Vistos: 126
  • 45161c28070a5ab74b545ce2d3767a32.jpg
    45161c28070a5ab74b545ce2d3767a32.jpg
    279.3 KB · Vistos: 126
  • 2d64c50d368220e61c9bb47016742d8e.jpg
    2d64c50d368220e61c9bb47016742d8e.jpg
    337.1 KB · Vistos: 125
  • 7d49693df678bfc1d2698bb38b7aef11.jpg
    7d49693df678bfc1d2698bb38b7aef11.jpg
    247.8 KB · Vistos: 124
  • 72c3ee8c-836b-4cb5-8a5f-8c4443f16712_zpsf291dad2.jpg
    72c3ee8c-836b-4cb5-8a5f-8c4443f16712_zpsf291dad2.jpg
    167.7 KB · Vistos: 124
  • a38474791079c6d76e721136d8f20a8f.jpg
    a38474791079c6d76e721136d8f20a8f.jpg
    330.3 KB · Vistos: 124
OP
OP
afonsopatrao

afonsopatrao

Pre-War
Última parte: os mimos.

Depois da saga da rela, agora em Janeiro de 2015 foi altura de atacar o problema do ponteiro da temperatura. Eu estava já convicto que teria de ser um problema eléctrico, designadamente de falta de massa. Depois de aventuras grandes, lá descobri os culpados:
Culpado n.° 1: A derivação de pontos de massa a meio do cabo negativo principal (entre a bateria e a caixa de velocidades). Estava com verdete e, quando o motor atingia a temperatura certa, por força da dilatação dos materiais, começava com as loucuras. Limpei os contactos e ficou muito melhor:
5e65f9622ff520a44cf72af1b4926729.jpg

Culpado N.° 2: o próprio cabo principal de massa, junto à caixa. Desapertei, limpei e ficou 5 estrelas! Nem eu sabia que os faróis iluminavam com tanta potência, depois de limpar tudo! ;)
Oh para um quadrante bem iluminado, com os ponteiros todos onde devem estar: 18b5b3803223aca739e288205ab66e4d.jpg

Com isto, fiquei sem coisas para arranjar... Foi altura de começar a mimar o rapaz:

- Substituí tampa do distribuidor, rotor e cabos de velas;
- Troquei correia do alternador;
- Comprei tirantes para a chapeleira da mala;
- Comprei um interruptor da luz interior.

E chegamos ao dia de hoje. Foi para o chapeiro, onde passou 15 dias. Voltou hoje, neste estado. Ou seja, só me falta uma coisa para acabar este projecto de recuperação: matrículas pretas.

00097096e826ad309f882bd5fdeaed47.jpg

540aa662df3419b7f5979f39df8b7ad2.jpg

ede5a8d336b806c4b7dcc0915dec4945.jpg

e77dd3626a124add7cd937eb1fcc4acf.jpg

Matrículas pretas, o próximo passo...
 

Anexos

  • 5e65f9622ff520a44cf72af1b4926729.jpg
    5e65f9622ff520a44cf72af1b4926729.jpg
    220.9 KB · Vistos: 124
  • 18b5b3803223aca739e288205ab66e4d.jpg
    18b5b3803223aca739e288205ab66e4d.jpg
    216.3 KB · Vistos: 124
  • 00097096e826ad309f882bd5fdeaed47.jpg
    00097096e826ad309f882bd5fdeaed47.jpg
    355.7 KB · Vistos: 125
  • 540aa662df3419b7f5979f39df8b7ad2.jpg
    540aa662df3419b7f5979f39df8b7ad2.jpg
    398 KB · Vistos: 123
  • ede5a8d336b806c4b7dcc0915dec4945.jpg
    ede5a8d336b806c4b7dcc0915dec4945.jpg
    397.8 KB · Vistos: 124
  • e77dd3626a124add7cd937eb1fcc4acf.jpg
    e77dd3626a124add7cd937eb1fcc4acf.jpg
    353.4 KB · Vistos: 124

João Luís Soares

Pre-War
Membro do staff
Premium
Delegado Regional
Portalista
Este Uno caiu nas melhores mãos possíveis. Estás a fazer um grande trabalho!

Já agora, deixa-me aproveita. Onde compraste os tirantes para a chapeleira da mala? (Suponho que estejas a falar dos "fios" que unem a chapeleira à porta da mala.)
 
OP
OP
afonsopatrao

afonsopatrao

Pre-War
Comprei no OLX ;).
Há no ebay novos, por fornecedores ingleses (há em Inglaterra uma grande legião de Unos Turbo ie), mas o OLX está repleto de gente a destruir fiats com 25 anos e a vendê-los às peças. Para o teu Panda, também deve aparecer de tudo, não?

Muito obrigado, João! Fico contente por receber comentários positivos.

Claro que, como vocês diziam nas Conversas de Garagem do outro dia, eu sou o tipo que está a descobrir o gosto pela manutenção (e não restauro). À medida que vou ficando sem ter que fazer, a minha mente começa a pensar em trocar por um desafio maior (isto é, um carro um pouco mais antigo, a precisar de um pouco mais de trabalho, tipo um 127... Ou um Ritmo ;)...
 

João Luís Soares

Pre-War
Membro do staff
Premium
Delegado Regional
Portalista
Comprei no OLX ;).
Há no ebay novos, por fornecedores ingleses (há em Inglaterra uma grande legião de Unos Turbo ie), mas o OLX está repleto de gente a destruir fiats com 25 anos e a vendê-los às peças. Para o teu Panda, também deve aparecer de tudo, não?

Muito obrigado, João! Fico contente por receber comentários positivos.

Claro que, como vocês diziam nas Conversas de Garagem do outro dia, eu sou o tipo que está a descobrir o gosto pela manutenção (e não restauro). À medida que vou ficando sem ter que fazer, a minha mente começa a pensar em trocar por um desafio maior (isto é, um carro um pouco mais antigo, a precisar de um pouco mais de trabalho, tipo um 127... Ou um Ritmo ;)...

Se me permites um conselho, não faças isso. Este Uno está a chegar a um ponto onde dificilmente outro carro igual chegará. É certo que para a maioria das pessoas eles não valem nada, mas se o venderes vais-te arrepender.
E, falando por experiência própria, não te metas à aventura noutro projecto para já. Desfruta do Uno e vai juntando uns €€... Daqui por uns tempos compras outro carro a precisar de alguns cuidados e já tens experiência para fazer as coisas e €€ para comprar o que precisares.
 
OP
OP
afonsopatrao

afonsopatrao

Pre-War
Se me permites um conselho, não faças isso. Este Uno está a chegar a um ponto onde dificilmente outro carro igual chegará. É certo que para a maioria das pessoas eles não valem nada, mas se o venderes vais-te arrepender.
E, falando por experiência própria, não te metas à aventura noutro projecto para já. Desfruta do Uno e vai juntando uns €€... Daqui por uns tempos compras outro carro a precisar de alguns cuidados e já tens experiência para fazer as coisas e €€ para comprar o que precisares.
Sim, no fundo eu sei que tens razão. Mas se me aparecer um 127mkI a piscar o olho, sei que não vou resistir... ;)

Amanhã vou encomendar matrículas pretas e trocar o rádio (tenho montado um Philips com iluminação vermelha e destoa da iluminação verde da consola. Comprei um Alpine, de 1991, com iluminação verde e leitor de cassetes. Vai ficar impecável, com rádio de época e coerência na iluminação.
 

João Carvalho

Veterano
Ao ver estes relatos fico com vontade de encostar o meu Super 5 e fazer-lhe o mesmo que fez, mas por enquanto vou apenas sonhando com isso...
Com as matrículas pretas vai ficar excelente! Já agora, vai comprá-las em Coimbra?
 
OP
OP
afonsopatrao

afonsopatrao

Pre-War
Ao ver estes relatos fico com vontade de encostar o meu Super 5 e fazer-lhe o mesmo que fez, mas por enquanto vou apenas sonhando com isso...
Com as matrículas pretas vai ficar excelente! Já agora, vai comprá-las em Coimbra?
Encostar?? Para quê? O seu super5 está delicioso! Eu nunca encostei o Uno!

O melhor preço que tenho para as matrículas pretas é numa coisa chamada "matrículas invicta", do porto. Pede-se por e-mail e enviam para casa. 27€ o par, portes incluídos, à cobrança.
Mas falaram-me de uma casa na baixa (na rua da figueira da foz) que fará mais barato. A loja chama-se "Grande Prémio". Amanhã vou lá saber e depois comunico.
 

João Carvalho

Veterano
Obrigado, Afonso.
Quando mencionei encostar o carro foi porque, tal como o Afonso, eu demoro uma eternidade a fazer as mais pequenas e simples intervenções no carro. Por isso preciso de ter o carro parado.

Quanto às matrículas, foi nessa mesma casa que mandei fazer as minhas. Em 2011 custaram 12€ e uns trocos. Passado aproximadamente um ano, algumas das letras/números ficaram amarelados. Não sei se foi defeito de origem (embora quando as tenha comprado estivessem impecáveis) ou se foi do uso diário.
 

João Carvalho

Veterano
A exposição aos elementos da Natureza foi igual em toda a parte das matrículas... Portanto, não percebo porque é que umas estão brancas e outras amareladas. Mas, se o preço se mantiver perto dos 12€, acho que vale a pena experimentar comprar lá, e sempre ajuda o comércio local.
 
OP
OP
afonsopatrao

afonsopatrao

Pre-War
A exposição aos elementos da Natureza foi igual em toda a parte das matrículas... Portanto, não percebo porque é que umas estão brancas e outras amareladas. Mas, se o preço se mantiver perto dos 12€, acho que vale a pena experimentar comprar lá, e sempre ajuda o comércio local.
Fui lá hoje de manhã: 30 Euros mais IVA! Fiquei aparvalhado.
Vou mandar vir das Matrículas Invicta.
 

António José Costa

Regularidade=Navegação, condução e cálculo?
Portalista
Caro Afonso,

Os meus Parabéns, está claramente no TOP dos melhores tópicos do Portal colocados recentemente.
Adorei o trabalho a perseverança, o querer fazer bem, não desistir, gabo-lhe a paciência para ir fazendo todo calmamente e com brio.

O Uno ficou impecável e agora mereces utiliza-lo e usufruir do mesmo;).
 
OP
OP
afonsopatrao

afonsopatrao

Pre-War
Muito obrigado! Espero fazer dele metade do que tens feito com o flecha dourada.
Uma coisa já tenho em comum: a excitação das minhas miúdas quando as vou buscar no Uno é idêntica. A mais velha (a única que fala... ;) chama-lhe o "carro muito alto".
Uma coisa é certa: com cintos atrás, estes nossos futuros clássicos são bem espaçosos!
 

Anexos

  • image.jpg
    image.jpg
    219.6 KB · Vistos: 43

António José Costa

Regularidade=Navegação, condução e cálculo?
Portalista
Ainda vais fazer mais;).

Os miúdos adoram carros que se destaquem do cizentismo habitual.
Se eu e a minha mulher os fomos buscar em carros separados, os clássicos ou neo clássicos, ganham sempre!
Já agora o Uno tem um espaço habitável nos lugares traseiros superior ao R5 e ao 106, mas também é maior:).
 
OP
OP
afonsopatrao

afonsopatrao

Pre-War
Só um pequeno mimo, este fim de semana.
Tinha montado um rádio Phillips, da época, mas com iluminação vermelha. Destoava um pouco da iluminação da consola (verde).
c1c35201a1c9cb4fd613a738c21e3bed.jpg

Curiosamente, não foi muito fácil encontrar um rádio do início da década de 90 (com leitor de cassetes) com iluminação verde. Havia alguns modelos da Blaupunkt que permitiam escolher a cor, mas no OLX pediam exorbitâncias; os demais Blaupunkt, Phillips, Grundig e Panasonic traziam todos iluminação vermelha, ao que consegui apurar.
De resto, só mesmo os modelos da Alpine e alguns Sony é que, à data, vinham com iluminação verde.

Consegui comprar um Alpine 5710R, que era o modelo que equipava de série o Uno Turbo fabricado no Brasil. Ficou muito melhor, mais coerente.

51cab640fc274a5de2a01524c661672c.jpg
3d3aab100012ce6163f2f43d2a531bc6.jpg 2c84ccf06bf468c48e0721f77bda7d58.jpg
E pronto, de novidades, só mesmo a encomenda das matrículas pretas, que vêm a caminho.
 

Anexos

  • c1c35201a1c9cb4fd613a738c21e3bed.jpg
    c1c35201a1c9cb4fd613a738c21e3bed.jpg
    175.2 KB · Vistos: 123
  • 51cab640fc274a5de2a01524c661672c.jpg
    51cab640fc274a5de2a01524c661672c.jpg
    175.1 KB · Vistos: 125
  • 3d3aab100012ce6163f2f43d2a531bc6.jpg
    3d3aab100012ce6163f2f43d2a531bc6.jpg
    147 KB · Vistos: 124
  • 2c84ccf06bf468c48e0721f77bda7d58.jpg
    2c84ccf06bf468c48e0721f77bda7d58.jpg
    178.2 KB · Vistos: 125
Topo