Equipar a nossa garagem

Rafael S Marques

Pre-War
Membro do staff
Premium
Delegado Regional
Portalista
Esqueçam as bombas de vácuo para sangrar travões, não servem, a força de vácuo é muita e depois entra ar pela rosca do sangrador e não sabem se está sangrado. Tenho uma na oficina e para esse efeito vale zero, há melhor, as que se encaixam nos depósitos e funcionam com pressão.
 

JorgeMonteiro

...o do "Boguinhas"
Membro do staff
Premium
Portalista
Esqueçam as bombas de vácuo para sangrar travões, não servem, a força de vácuo é muita e depois entra ar pela rosca do sangrador
Também senti esse problema. Meti um pouco de fita de teflon no sangrador. Mas acho que mesmo que não tivesse metido teria funcionado na mesma. Aquilo puxa o ar e o óleo e não há hipótese de haver retorno de ar para o circuito.

Não é um sistema perfeito, mas funciona.


há melhor, as que se encaixam nos depósitos e funcionam com pressão.
Também andei a ver esses de pressão, mas o problema é que têm que ter tampas compatíveis com o depósito do carro.
 

HugoSilva

"It’s gasoline, honey. It’s not cheap perfume."
Premium
Portalista
Eventos Team
Também andei a ver esses de pressão, mas o problema é que têm que ter tampas compatíveis com o depósito do carro.
Pois, a mesma treta que os sistemas para o sistema de arrefecimento em pressão, raio dos fabricantes não sabem decidir-se por uma versão e pronto!
 

Guilherme Bugalho

BUGAS03
Portalista
…………………..

Também andei a ver esses de pressão, mas o problema é que têm que ter tampas compatíveis com o depósito do carro.

Existem uns em que a "tampa" é um cone, furado, em borracha. Depois é "aplicado" no "bocal" do depósito do óleo e aí vai disto …
Não exige tampa especifica para cada depósito ….
 

Nelson C. Santos

Powered by Taunus
Membro do staff
Social Media Team
Premium
Portalista
Esqueçam as bombas de vácuo para sangrar travões, não servem, a força de vácuo é muita e depois entra ar pela rosca do sangrador e não sabem se está sangrado. Tenho uma na oficina e para esse efeito vale zero, há melhor, as que se encaixam nos depósitos e funcionam com pressão.
Ora aqui está, fala quem sabe! Obg.
 

HugoSilva

"It’s gasoline, honey. It’s not cheap perfume."
Premium
Portalista
Eventos Team
Gente que:
1 - Não está para sujar as mão.
2 - Seja qual for o carro, é para 2, 3 anos no máximo!
Ou seja, a alternativa é apenas a clássica? Mandas-te para baixo do carro, metes a "arrastadeira", sacas o parafuso, deixa-lo correr até parar de pingar, tiras a tampa do depósito do óleo, substituis o filtro, repões parafuso e toca a mandar o óleo novo lá pa dentro? Não dá assim tanto trabalho!
 

António Barbosa

Red Line
Portalista
Ou seja, a alternativa é apenas a clássica? Mandas-te para baixo do carro, metes a "arrastadeira", sacas o parafuso, deixa-lo correr até parar de pingar, tiras a tampa do depósito do óleo, substituis o filtro, repões parafuso e toca a mandar o óleo novo lá pa dentro? Não dá assim tanto trabalho!
Acho que ali ainda será pior do que isso! É a filosofia do automóvel como um bem descartável, tipo isqueiro BIC...:( "Vou ter esse trabalho todo para quê? Daqui por 3 anos dou-o à troca e o concessionário faz o que quiser dele!":eek:
 

HugoSilva

"It’s gasoline, honey. It’s not cheap perfume."
Premium
Portalista
Eventos Team
Acho que ali ainda será pior do que isso! É a filosofia do automóvel como um bem descartável, tipo isqueiro BIC...:( "Vou ter esse trabalho todo para quê? Daqui por 3 anos dou-o à troca e o concessionário faz o que quiser dele!":eek:
Se calhar não é assim tão grave, qual é o mal de puxar o óleo ao invés de o deixar escorrer? Será que a quantidade de óleo queimado que fica, depois de misturado com mais 4 ou 5 litros de óleo novo, é assim tão penalizadora para a saúde do motor?
 

João Luís Soares

Pre-War
Membro do staff
Delegado Regional
Portalista
Se calhar não é assim tão grave, qual é o mal de puxar o óleo ao invés de o deixar escorrer? Será que a quantidade de óleo queimado que fica, depois de misturado com mais 4 ou 5 litros de óleo novo, é assim tão penalizadora para a saúde do motor?
E os sedimentos? E a possibilidade de o tubo não chegar ao ponto mais baixo do cárter? Por muita "força" que a bomba tenha, nada substitui a "velha" gravidade.

Mesmo ao retirar o óleo pelo bujão do cárter, se não retirarmos a tampa do óleo do motor e a vareta, corremos o risco de não estar a fazer um bom serviço.
É experimentar deixar escorrer com tampa ou sem ela e ver as diferenças. Fiz isso outro dia quando troquei o óleo ao Panda.
Ao lado tinha a bomba de retirar óleo do meu sogro, mas preferi sujar-me um nadinha...
 

Helder Manuel Oliveira

Portalista
Premium
Portalista
Boas a todos, estou a pensar adquirir um bom Carregador de Baterias profissional. Se alguém me puder ajudar com a indicação de Marcas/Preços, agradecia.
 
Topo