Diferenças nos combustíveis

Tópico em 'Off-Road' iniciado por Santos António, 29 Mar 2018.

Tópico em 'Off-Road' iniciado por Santos António, 29 Mar 2018.

  1. Santos António

    Santos António Portalista
    Portalista

    Registo:
    20 Dez 2015
    Local:
    Lagos
    Veículos nas Garagens:
    2
    Reparei neste teste da Deco.
    Comentários?

     
    Hugo Viana da Silva gostou disto.
  2. Rafael Isento

    Rafael Isento Portalista
    Portalista Premium

    Registo:
    18 Ago 2015
    Local:
    Porto
    Veículos nas Garagens:
    1
    Se é para queimar, que seja muito e barato :D

    O que encarece os combustíveis não é a qualidade dos mesmos mas os aditivos para limpeza e proteção do motor.
    Benefícios existem, mas a muito longo prazo.

    Eu tenho esta regra:
    Uso citadino ou porta-a-porta, recurso a baixas e médias rotações, combustível aditivado. Nestas situações muitas vezes a temperatura do motor e fluídos está longe da ideal e a probabilidade de criarem depósitos de carvão é elevada.
    Uso em estrada, recurso a médias e altas rotações, combustível simples. Nesta situação o motor vai funcionar na temperatura ideal durante periodos de tempo longos, a combustão é mais eficiente e os aditivos pouco fazem.

    NOTA: quase nunca sigo a regra pois não faço porta-a-porta com frequência e as minhas deslocações diárias não são afetadas por trânsito intenso. Faço trajetos diários de 15+15 kms. Os primeiros minutos são os piores em termos de trânsito e servem para ir aquecendo o motor. De metade até final do percurso já é feito em regimes próximos do binário máximo.
     
    joao ruivo quelhas gostou disto.
  3. Santos António

    Santos António Portalista
    Portalista

    Registo:
    20 Dez 2015
    Local:
    Lagos
    Veículos nas Garagens:
    2
    Daquilo que percebi do teste, são todos iguais. A não ser no preço...
    Já muitas pessoas me olharam de esguelha por abastecer no supermercado. Agora vou olhá-las de cima e esfregar-lhes o teste na cara.
     
    Rafael Isento gostou disto.
  4. Rafael Isento

    Rafael Isento Portalista
    Portalista Premium

    Registo:
    18 Ago 2015
    Local:
    Porto
    Veículos nas Garagens:
    1
    A longo prazo há vantagens.
    Eu tenho o meu carro do dia-a-dia desde novo nas minhas mãos, vai para 15 anos em Abril) e já soma bem mais de 200.000kms. Neste caso a vantagem já não se coloca, passou 12 anos e cerca de 150.000kms com combustível aditivado, agora leva o mais barato. Se demorar 50.000kms a ganhar carvão, já não compensa investir em combustível mais caro!

    Outro cenário seria se comprasse um desportivo, por ex., só para o fim de semana.
    Nesta situação usaria combustível aditivado. Não seria muito expressivo no orçamento e sempre ajuda a proteger melhor o motor.

    Último cenário é um carro para escafiar :D Aí leva do mais barato, não vão ser os aditivos que vão fazer milagres.
     
  5. João Pedras

    João Pedras Portalista
    Portalista Premium

    Registo:
    9 Jul 2007
    Local:
    Oeiras / Vendinha
    Eu só não mijo para o depósito porque não dá jeito :p
     
  6. Carlos Vaz

    Carlos Vaz Portalista
    Portalista

    Registo:
    21 Mar 2007
    Local:
    V. N. de Milfontes
    Isso do carvão... se lhe derem o uso que eu dou... há que lhes dar sempre um "calorzinho"!
     
    afonsopatrao e Rafael Isento gostaram disto.
  7. Rafael Isento

    Rafael Isento Portalista
    Portalista Premium

    Registo:
    18 Ago 2015
    Local:
    Porto
    Veículos nas Garagens:
    1
    É isso... :D::D:
     
  8. João Pedras

    João Pedras Portalista
    Portalista Premium

    Registo:
    9 Jul 2007
    Local:
    Oeiras / Vendinha
    Esta história dos vários tipos de combustível já não é nova, é tudo uma questão de marketing. Afinal quantas refinarias existem e quem é que refina? E quem é que se abastece nessas refinarias? ..... Todos.
     
    #8 João Pedras, 29 Mar 2018
    Última edição: 30 Mar 2018
  9. Hugo Viana da Silva

    Portalista

    Registo:
    21 Fev 2013
    Local:
    Mafra
    Adorei a seriedade do teste. Tudo muito bem explicado acerca do que foi feito, assim dá gosto!

    Mas...12.000 kms é realmente pouco para ter uma conclusão de jeito...principalmente por se tratar de diesel. Deveria ter sido no mínimo mais de 15.000, que é o valor normalmente apontado para a vantagem em relação à gasolina no que diz respeito à economia na utilização durante um ano.

    Um pequeno apontamento...já existe diesel lowcost aditivado em alguns super!

    Na minha Lybra, que já é da geração da injecção directa, escolho sempre aditivado, pois considero estes motores mais sensíveis/maricas, em relação aos anteriores motores de guerra tipo TD100 dos primeiros Fiat Bravo ou 2.0D dos Toyota Corolla dos anos 90.:)
     
    Rafael Isento gostou disto.
  10. Rafael Isento

    Rafael Isento Portalista
    Portalista Premium

    Registo:
    18 Ago 2015
    Local:
    Porto
    Veículos nas Garagens:
    1
    O produto base é igual para todos, a Petrogal tem o monopólio da refinação.
    Mas o produto final (inclusão dos aditivos) é da responsabilidade de cada marca presente no mercado.
     
  11. João Pedras

    João Pedras Portalista
    Portalista Premium

    Registo:
    9 Jul 2007
    Local:
    Oeiras / Vendinha
    Supostamente, mas afinal são todos iguais :p
     
    Rafael Isento gostou disto.
  12. Hugo Viana da Silva

    Portalista

    Registo:
    21 Fev 2013
    Local:
    Mafra
    Em 12.000kms efectuados em Clios...há mais vida além disso. ;)
     
    Rafael Isento gostou disto.
  13. João P Silva

    João P Silva Portalista
    Portalista

    Registo:
    15 Set 2008
    Local:
    Matosinhos Porto, Portugal
    Uso Jumbo no panda à muitos anos e nunca tive problemas.
     
  14. Santos António

    Santos António Portalista
    Portalista

    Registo:
    20 Dez 2015
    Local:
    Lagos
    Veículos nas Garagens:
    2
    Também gostei que tivesse sido tão bem explicado. Quanto ao nº de km, são de facto poucos, mas suponho que se possa extrapolar para outras conclusões. É ver as diferenças entre eles e multiplicar por 10...

    Eu também costumo usar do mais barato que encontro, e até agora nunca dei por diferenças. Nem sequer no consumo. A única diferença que encontro é na carteira, e ainda assim, num depósito só não me arruinaria. O que mais me irrita é comprar gato por lebre e dar o dinheiro aos maiores chulos (com o devido respeito que os chulos me merecem, não pretendia ofendê-los com a comparação).
     
    António José Costa gostou disto.
  15. Nuno Filipe Pinto Ferreira

    Portalista

    Registo:
    10 Set 2012
    Local:
    Luxemburgo
    Veículos nas Garagens:
    2
    Em relação às gasolinas e gasoleos pois, ponho nos meus dois daylies , o meu e o da minha mulher, ponho sempre gasoleo da aditivada mas as vezes tambem ponho da normal , não sei se compensa ou se o motor agradece mas prontos . Para os meus outros dois e a mota não há escolha possivel, è mesmo assim da aditivada ou então não metes, aqui não há escolha em gasolina sem aditivo ou com ele , só hà mesmo com aditivos seja a 95 ou a 98 , o que eu hàs vezes não sei é se devo meter da 98 ou da 95 nos dois carros e na mota, ainda hoje estou para saber^^.
     
    #15 Nuno Filipe Pinto Ferreira, 30 Mar 2018
    Última edição: 30 Mar 2018
  16. Pedro Teixeira4

    Pedro Teixeira4 Portalista
    Portalista

    Registo:
    4 Dez 2013
    Local:
    Pedrouços Maia
    Nos meus carros a carburador também punha em qualquer lado,quando passei pra injeção senti a diferença.
     
    Hugo Viana da Silva gostou disto.
  17. António José Costa

    Portalista

    Registo:
    5 Dez 2008
    Local:
    Odivelas
    Veículos nas Garagens:
    1
    Normalmente so ponho na BP da normal.
    Sempre a aproveitar todos os descontos, nunca tive problemas.
    O carro de trabalho já tem uns km sempre com BP da normal também, nunca deu problemas por causa do combustível nem nenhum carro onde trabalho, teoricamente a BP colocará algum aditivo mesmo no simples.
    No Clio 1.9D que tive quase sempre coloquei lowcost. Tenho vários colegas a só utilizarem lowcost.
    A refinaria é a mesma e todos se vão lá abastecer, alguns distribuidores vão buscar o combustível a Espanha, o que não sei se será melhor ou pior.
    Resumindo nada me prova que os lowcost são piores.
     
  18. Pedro Pereira Marques

    Portalista Autor

    Registo:
    5 Jul 2010
    Local:
    Aqui e ali
    Isto dos combustíveis é mais marketing que outra coisa. Apesar de não ter nenhum carro a gasóleo reparo muitas vezes na bomba que têm dois tipos, o "Diesel" e.. o "Gasóleo"!! Até dá vontade de rir.

    Depois há os "descontos". Não se deveriam chamar coisa nenhuma, deveria era chamar-se ao pagamento sem "desconto" de: pagamento com taxa agravada por não ter cartão.

    Hoje o marketing vence e nós comemos. As impressoras são quase dadas, mas os cartuchos têm tinta a preço superior a channel nº5. As máquinas Nespresso são "baratas", mas as cápsulas têm café a quase 60 eur/kg.

    Antigamente, não há muitos anos, havia honestidade. Hoje até que é bonito enganar o próximo! Os ladrões andam de gravata e até têm prémios por objectivos... PQP.
     
  19. Tiago Santos Lopes

    Registo:
    11 Abr 2015
    Local:
    Lisboa
    A minha mãe tem uma expressão:
    "Anda meio mundo a enganar mais de meio mundo..."
    Hoje em dia nada do que se vê, ouve ou lê é o que parece.
    Antigamente podia faltar muita coisa que existe hoje em dia. Contudo, hoje em dia falta o básico que nos diferenciou e nos "supostamente" colocou no topo da cadeia animal. As eleições nos EUA e o Facebook são paradigmáticos...
     
    Pedro Pereira Marques e Samuel gostaram disto.
  20. Nuno Filipe Pinto Ferreira

    Portalista

    Registo:
    10 Set 2012
    Local:
    Luxemburgo
    Veículos nas Garagens:
    2
    Achas mesmo que não faz efeito nenhum o ultimate diesel, que é o gasoleo com aditivos? Isto é uma pergunta honesta sem nenhuma finalidade^^, pergunto-te isto porque quando começou a aparecer isso aqui no Luxemburgo, jà ai mesmo muitos anos eu comecei a pôr o gasoleo com aditivo para ver se fazia mais Km, e realmente fazia, das cerca de meia duzia de vezes que experimentei era cerca de 100 a 150 km a mais mas, depois apercebi-me que não era resultado do gasoleo era da maneira que conduzia^^, para verificar a veracidade da publicidade, e sem me aperceber , fiz mesmo uma condução defensiva e muito ZEN saindo sempre de casa muito cedo para evitar transitos e stress na estrada se fosse apanhado no trãnsito^^, depois continuei a pôr não por causa dos KM a mais porque não ligava muito a isso mas porque sempre me disseram que limpava os injectores e o motor andava mais limpo, mas não sei se é verdade ou não.
     
    Pedro Pereira Marques gostou disto.
  1. Este site utiliza cookies para o ajudar a personalizar os conteúdos, aprimorar a sua experiência de utilização e manter a sua sessão activa no caso de ter conta registada.
    Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies.
    Fechar Aviso