alteração de cilindrada

António Carrapiço

Portalista
Portalista
Boas
alguém me sabe informar dos passos a dar para alterar a cilindrada de um veiculo de 1.3 para 1.8 e os custos que isso implica?
estou farto de procurar mas não encontro nada sobre o assunto

obrigado

ou alguma agência que trate destes processos
 

tiago rodrigues

Portalista
Portalista
Viva amigo, não sei até que ponto isso é legal, visto que está a alterar as propriedades mecânicas do veículo.

Informe-se melhor, mas eu quase de certeza lhe garanto que não dá para alterar a cilindrada!!!
 

Pedro Fresco

Fiat Panda
Tenho uma passat que 1900, que era 1600 td. Actualmente tem os documentos estao apreendidos, por o negocio nao ter sido feito nas conformidades. Ao entregar os documentos, o policia avisou-me para quando tivesse a carrinha em meu nome, fosse a dgv tratar da alteraçao. Disse que ajudava nesse processo, levar um documento da marca do veiculo, a aprovar essa alteraçao. Porem os carros do tunning, nao conseguem esse papel das marcas, e tem de ser inpeciondos miliciosamente por um tecnico da dgv (como o seu ade ser). Claro que quanto mais estravagancias tiver, mais dificil e de passar. Bom restauro.
 

Jose Carreira

Clássico
Caro António,
Segundo sei é possivel desde que essa cilindrada exsitisse na altura para esse modelo.
Em caso afirmativo tem que solicitar uma declaração ao importador da marca em como eles "não se opôem" a essa transformação. Algumas marcas são mais permissivas do que outras.
Ultrapassada essa fase, tem que junto da DGV solicitar essa homologação. Claro que nesse caso a sua viatura tem que passar por uma inspecção mais rigorosa (Tipo B ?).
SE conseguir passar todas essas fases, fica com a viatura completamente legal e sem problemas no futuro nas inspecções. Julgo que fica com uma nota NO Documento ùnico, do género "réplica" ou "reconstruido". O único inconveniente desta situação é a sua desvalorização comercial enquanto clássico.
Isto é a teoria que eu vou ouvindo aqui e acolá.
Já agora se decidir avançar, era porreiro que depois nos confirmasse se o processo é mesmo assim e como correu.
um abraço e boa sorte
 

António Carrapiço

Portalista
Portalista
Jose Carreira disse:
Caro António,
Segundo sei é possivel desde que essa cilindrada exsitisse na altura para esse modelo.
Em caso afirmativo tem que solicitar uma declaração ao importador da marca em como eles "não se opôem" a essa transformação. Algumas marcas são mais permissivas do que outras.
Ultrapassada essa fase, tem que junto da DGV solicitar essa homologação. Claro que nesse caso a sua viatura tem que passar por uma inspecção mais rigorosa (Tipo B ?).
SE conseguir passar todas essas fases, fica com a viatura completamente legal e sem problemas no futuro nas inspecções. Julgo que fica com uma nota NO Documento ùnico, do género "réplica" ou "reconstruido". O único inconveniente desta situação é a sua desvalorização comercial enquanto clássico.
Isto é a teoria que eu vou ouvindo aqui e acolá.
Já agora se decidir avançar, era porreiro que depois nos confirmasse se o processo é mesmo assim e como correu.
um abraço e boa sorte
Obrigado por todos os esclarecimentos!!!;)

o meu problema em concreto era montar tudo o que tenho de um golf 2 GTI batido, numa carroceria do 1.3 (bastante mais fácil de arranjar e mais barata) e sem estar a fazer alterações ilegais.
 

António Carrapiço

Portalista
Portalista
Ricardo Santos Silva disse:
Conclusão ... mais vale logo comprar um 1.8 :D
penso que tem toda a razão.
não vale a pena toda a burocracia que isso envolve e tambem não estou interessado em andar com um carro ilegal.
vou procurar um e deixar este para peças

obrigado por tudo pessoal
 
Nem mais ... tendo esse completo, será sempre uma boa ajuda para o restauro de um modelo igual com documentos de cilindragem superior.

wise decision!
(tomara eu ter um outro Manta para peças, e comparação de pormenores)


Outra hipotse ... menos legal, apenas se tiver os documentosdo GTI, e se a carrossaria for exactamente igual, seria a de cortar as partes identificativas, nº de chassi gravado e chapas de identificação do carro batido e colocar no 1.3!
Ou seja para todos os efeitos ficaria com os documentos do GTI, toda a mecanica etc, mas o chassi do 1.3

Boa sorte.
 
Topo