10 anos de Gentleman Drivers Changing Gears

Quem vai participar no Gentleman Drivers Changing Gears 2019 - Braga

  • Sim, mas preciso saber onde é o shopping para deixar lá a "Maria"

    Votos: 0 0.0%

  • Total de votantes
    8
  • Votação terminada .

JP Vasconcelos

Raio de Sol
Premium
Portalista
Aviso à navegação... por vezes aparecem uns drivers que não são particularmente gentleman, quando lá fui com o Sunbeam andava sempre de olho no retrovisor e ainda bem cheguei a ser ultrapassado por dois hermanos ao mesmo tempo, um pela esquerda outro pela direita. Depois voltei num carro mais rápido e aí a preocupação era ter a certeza que não me fechavam a porta nas ultrapassagens.
Pessolmente prefiro rodar com piso molhado, tem mais condução e esforça menos os travões e os pneus.
Os correctores ajudam, se necessário, a manter o carro na pista, mas alguns estão muito degradados.
Num carro de série se começamos a travar tarde é natural que os discos sobraqueçam, é boa política deixar arrefecer os travões de vez em quando, sendo que também não é boa política parar com os discos quentes.
Rafael já desististe?
Adorei as três experiências da Palmeira, mas a primeira foi a melhor, o carro não era meu, era da marca para vender aos clientes, coitados.
 

Rafael Isento

Alfa Romeo
Membro do staff
Premium
Portalista
Aviso à navegação... por vezes aparecem uns drivers que não são particularmente gentleman, quando lá fui com o Sunbeam andava sempre de olho no retrovisor e ainda bem cheguei a ser ultrapassado por dois hermanos ao mesmo tempo, um pela esquerda outro pela direita. Depois voltei num carro mais rápido e aí a preocupação era ter a certeza que não me fechavam a porta nas ultrapassagens.
Pessolmente prefiro rodar com piso molhado, tem mais condução e esforça menos os travões e os pneus.
Os correctores ajudam, se necessário, a manter o carro na pista, mas alguns estão muito degradados.
Num carro de série se começamos a travar tarde é natural que os discos sobraqueçam, é boa política deixar arrefecer os travões de vez em quando, sendo que também não é boa política parar com os discos quentes.
Rafael já desististe?
Adorei as três experiências da Palmeira, mas a primeira foi a melhor, o carro não era meu, era da marca para vender aos clientes, coitados.
Speed Festival 17.JPG

Sem travões, sem pneus e sem pulmão suficiente para a concorrência mas uma experiência espetacular.
Neste dia um nuestro hermano ao volante dum (BMW) Mini Cooper S de 2011 bateu 2x. Eu não vou lá para ganhar nenhum campeonato nem provar nada a ninguém, vou pela diversão.
Na primeira vez também andei de olhos nos retrovisores mas desta vez não vai ser assim. A inscrição é igual para todos logo o direito à pista também...
 

Anexos

JP Vasconcelos

Raio de Sol
Premium
Portalista
Ver anexo 1132386

Sem travões, sem pneus e sem pulmão suficiente para a concorrência mas uma experiência espetacular.
Neste dia um nuestro hermano ao volante dum (BMW) Mini Cooper S de 2011 bateu 2x. Eu não vou lá para ganhar nenhum campeonato nem provar nada a ninguém, vou pela diversão.
Na primeira vez também andei de olhos nos retrovisores mas desta vez não vai ser assim. A inscrição é igual para todos logo o direito à pista também...
eu também adorei sempre, mas um tipo entusiasma-se, começa a travar cada vez mais tarde e a querer despachar as curvas cada vez mais rápido e os carritos sofrem um bocado, 30 minutos a dar calor 3 vezes no mesmo dia é um bocado acima do que, os meus, carrinhos estão habituados
o efeito circuito é terrível, um tipo habitua-se a andar rápido e cada vez mais anda no limite da travagem e da aderência, sempre com rotação alta para ter todo o binário e potência possível
mas seria óptimo que os aceleras desta vida fossem todos dar umas voltas a um circuito para perceberem melhor os seus limites e os do carro
 

Rafael Isento

Alfa Romeo
Membro do staff
Premium
Portalista
eu também adorei sempre, mas um tipo entusiasma-se, começa a travar cada vez mais tarde e a querer despachar as curvas cada vez mais rápido e os carritos sofrem um bocado, 30 minutos a dar calor 3 vezes no mesmo dia é um bocado acima do que, os meus, carrinhos estão habituados
o efeito circuito é terrível, um tipo habitua-se a andar rápido e cada vez mais anda no limite da travagem e da aderência, sempre com rotação alta para ter todo o binário e potência possível
mas seria óptimo que os aceleras desta vida fossem todos dar umas voltas a um circuito para perceberem melhor os seus limites e os do carro
Para a performance dos nossos carros tens apenas 3 pontos com travagem forte por volta, não sei se os travões atingem um ponto crítico.
No GTi o que atingi facilmente foram os limites dos pneus, o resto aguentou os 30 minutos sem dramas.
 

JP Vasconcelos

Raio de Sol
Premium
Portalista
Para a performance dos nossos carros tens apenas 3 pontos com travagem forte por volta, não sei se os travões atingem um ponto crítico.
No GTi o que atingi facilmente foram os limites dos pneus, o resto aguentou os 30 minutos sem dramas.
pois o meu antigo fumarento era pesadote, os pneus da frente foram embora na primeira sessão (é verdade que não seriam os mais adequados), os travões da frente fumegavam quando parei (apesar de só haver 3 pontos críticos de travagem) e passados uns tempos a caixa de velocidades foi-se (fiquei sempre a achar que as sucessivas passagens de caixa nas 3 idas à pista a tinham desgastado, sim a caixa não partiu, gastou-se...).
A coisa só não correu pior porque começou a chover, troquei os pneus da frente para trás e foi delicioso, o carro era fabuloso nas curvas, apenas se desequilibrou uma vez, já perto do fim, numa descontraída e lenta passagem de caixa na curva mais fechada, mas quando voltou a puxar as 4 rodas endireitou-se logo
era fumarento mas tenho saudades do bichinho
 

António José Costa

Regularidade=Navegação, condução e cálculo?
Portalista
Da minha curta experiencia em circuito o pior em Braga são os correctores, os nossos carros de estrada não estão preparados para pista os correctores são demolidores, os pneus não podemos ter amor ao dinheiro que custam, quando fui tentei aprender, brincar, melhorar mas sempre com calma, ainda apanhei um susto na molhada o Endiabrado é lixado e não gosta que o conduzam á motorista de domingo despreocupadamente. Foi giro é óptimo para aprendermos algo mais, mas não é minha praia.
 

Rafael Isento

Alfa Romeo
Membro do staff
Premium
Portalista
Da minha curta experiencia em circuito o pior em Braga são os correctores, os nossos carros de estrada não estão preparados para pista os correctores são demolidores, os pneus não podemos ter amor ao dinheiro que custam, quando fui tentei aprender, brincar, melhorar mas sempre com calma, ainda apanhei um susto na molhada o Endiabrado é lixado e não gosta que o conduzam á motorista de domingo despreocupadamente. Foi giro é óptimo para aprendermos algo mais, mas não é minha praia.
Circuito também não é a minha praia mas estas são das poucas oportunidades onde realmente podes andar a fundo sem te preocupares com os flashes. Um troço de rali, mesmo em asfalto, é mais demolidor do que um circuito e, regra geral, as asneiras pagam-se muito mais caro.
Há que saber encarar estas experiências. No final não há taças nem medalhas, apenas o gozo de gastar algum pneu e queimar gasolina ;)
 

António José Costa

Regularidade=Navegação, condução e cálculo?
Portalista
Circuito também não é a minha praia mas estas são das poucas oportunidades onde realmente podes andar a fundo sem te preocupares com os flashes. Um troço de rali, mesmo em asfalto, é mais demolidor do que um circuito e, regra geral, as asneiras pagam-se muito mais caro.
Há que saber encarar estas experiências. No final não há taças nem medalhas, apenas o gozo de gastar algum pneu e queimar gasolina ;)
Concordo com o andar a fundo sem flahes.
Quanto ao troço de rali e circuito, acho o circuito mais demolidor para o carro, em caso de asneira ao volante o carro inverte-se a 180º e em rali facilmente se pode tornar sucata.
O gozo de gastar pneu e queimar gasolina é reciproco :).

Estou muito interessado! Por incrível que possa parecer:
1 - Nunca estive em Braga com pneus decentes!
2 - Já tenho um par de pneus de substituição para a frente!
3 - Já tenho saudades do tremidinho dos corretores!
Respostas:
1 - Acho mal eu por acaso também não, achei que ia matar os Nankang e eles nem a metade do piso chegaram, sou muito parcimonioso.
2 - Boa!
3 - A sério:huh:?
 

Francisco Viterbo

Portalista
Portalista
Nunca fiz um trackday ao volante mas já fiz 2 a pendura. Em ambos a organização não era esta e fizeram várias mangas fazendo com que a pista não ficasse sobre lotada para se andar à vontade (o último que fui foi organizado pelo Clube Mini).

Há ali meia dúzia de corretores que são destruidores para os pneus, como não se vai lá ganhar nenhuma taça é uma questão de evitar esses mais agressivos.
Em ambas as ocasiões fui a bordo de um Honda Integra Type R que não foi nada poupado, com Yokohama AD08R fez os 2 trackdays e uns bons milhares de kms em estrada, ainda está com os mesmos pneus com muito para dar.
 

Rafael Isento

Alfa Romeo
Membro do staff
Premium
Portalista
Já há preços:

60€ para 4 sessões de 30 minutos, ou seja, 60€ para 2 horas de pista. (*)
* (valores para inscrições até 22/Março/2019, após essa data acresce 10€)

Limite de inscrição de 40 carros por categoria, ainda assim já é uma grande "mólhada".

Categorias:
- Carros de Competição (60€)
- Clássicos & Clássicos Modernos (60€)
- Desportivos & Superdesportivos Modernos (60€)

Extras:
- JAPODAY
- EXCLUSIVE PORSCHE CLUB PORTUGAL


Horários:
GENTLEMAN DRIVERS CHANGING GEARS
Circuito Vasco Sameiro, Braga 30 Março 2019

9.30/17.00 Secretariado (Boxe 19)

11.00 Clássicos & Clássicos Modernos
11.30 Carros de Competição
12.00 Clássicos & Clássicos Modernos
12.30 Carros de Competição
13.00 Clássicos & Clássicos Modernos
13.30 Carros de Competição
14.00 Clássicos & Clássicos Modernos
14.30 Carros de Competição
15.00 JAPODAY
15.30 Desportivos & Superdesportivos Modernos
16.30 EXCLUSIVE PORSCHE CLUB PORTUGAL
17.00 JAPODAY
17.30 EXCLUSIVE PORSCHE CLUB PORTUGAL

18.00/19.00 Desportivos & Superdesportivos Modernos
 

João Pereira Bento

128coupe
Portalista
A última vez que andei em Braga foi o ano passado no evento da Abarth. Nos clássicos andei quase uma hora sem sustos, eram poucos e tudo gente cuidadosa que se respeitou. :) Não gosto particularmente do circuito.

Tenho mesmo muitas experiências em pista, mas com carros meus jurei nunca mais. Nós podemos ser responsáveis e cuidadosos mas este mundo está cheio de piratas. Ainda hoje recordo um susto no Estoril num suposto desfile de clássicos. :(

Em caso de acidente como é?
 

Rafael Isento

Alfa Romeo
Membro do staff
Premium
Portalista
Em caso de acidente como é?
É o fim do mundo...
Convém fazer um seguro específico para o evento, a responsabilidade por danos causados é da inteira responsabilidade do sujeito causador (não forçosamente o condutor mas já se sabe como é, quem arca sempre com as consequências é quem vai ao volante).

Quanto a usar os nossos carros.
Bem, o Alfa não vai para nenhum museo.
É italiano e é para ser usado como tal ;)
 
Topo