Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Postalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

Trabalho Escolar

Tópico em 'O nosso hobby: Clássicos' iniciado por Nelson Silva, 25 Mai 2011.

Tópico em 'O nosso hobby: Clássicos' iniciado por Nelson Silva, 25 Mai 2011.

  1. Bem como o titulo indica tenho uma apresentaçao de um trabalho...o tema tinha de ser do tipo "porque comprar xxxx"...

    A minha escolha foi "porque comprar um classico", ou seja tenho de me tornar num vendedor de carros, nomeadamente classicos e tenho que convencer o prof e um avaliador de uma empresa (que era para escolher um dos alunos para um estagio_mas eu nao vou porque sou militar e nos proximos anos tenho emprego) que eles teem de comprar um...para isso peço a vossa ajuda...


    Porque que devem comprar um classico em tempos de crise que nos encontramos??


    cumprimentos e desde ja obrg!
     
  2. Esqueci me de acrescentar que se quiserem podem colocar as vossas razoes e prestaçoes do vosso carro...ou seja o que gostam nele e porque que o compraram...e uma foto ja agora (senao se importarem)...so para dar exemplos de casos de sucesso entre o Homem e o seu Classico...nao se preocupem que o trabalho nao vai para a internet nem nada parecido, e totalmente particular e seguro (apresentaçao via powerpoint)
    abc
     
  3. A minha razão de ter um clássico?

    A fórmula é a seguinte:

    Sou louco por carros.
    O meu primeiro carro foi-me oferecido pelos meus pais, já no longinquo ano de 1989...

    Entretanto, o carro (neste caso, um Toyota Corolla KE20 4 Door Deluxe de 72) "transformou-se num carro velho...

    Foi vendido para trocar por um novissimo Mitsubishi Colt!!!

    Os anos foram passando e a saudade do KE20 aumentando.

    Resultado:
    Procurei insessantemente um bom negócio com um KE20.
    Encontrei o tal negócio.
    Fechei o negócio.

    Comprei um clássico.
    Carro que me dá um incomparável prazer de conduzir, por essas estradas nacionais fora, fazendo-me reviver os meus 20 anos de idade.
    Neste momento já não tenho esse KE20, ascendendo a um Toyota Corolla KE25 SL.
    Tem mais "alma", mas o espirito é rigorosamente o mesmo!

    Conduzir estes carros faz-nos esqueçer, por momentos, o stress e os problemas do dia a dia.
    É o meu "Anti Depressivo!"
     

    Ficheiros Anexados:

  4. Muito obrg pela ajuda Paulo...grande testemunho do porquê de ter um classico...grande maquina...
     
  5. Ora bem o porque de comprar um clássico?

    Um clássico é muito mais do que um simples carro para todos ou quase todos os que frequentam este portal, e é verdade, algo que nos liga com tempos passados, com os nossos familiares, isto porque parte dos clássicos que cada um tem, ou é porque fez parte da sua juventude, ou um dos seus familiares teve um em tempos. Ou também, e muito mais importante o fascínio pelo carro antigo que cada um tem. Aqui para o portal é até símbolo de união e amizade amigo Nelson, e isso todo demonstra-se em encontros, que o portal organiza e coisas do género.

    Por exemplo no meu caso, não posso dizer que os clássicos marcaram a minha juventude, pois apenas tenho 20 anos, e não tive o prazer de ver frequentemente carros dos anos 50, 60, 70 e 80. Mas marcaram-na de forma diferente, o meu pai (também amante de carros antigos, e de tudo o que é antigo :feliz:, tal como eu, é hereditário)quando eu tinha 9 anos, acabou o restauro de um VW 1300 de 64(carocha), e a partir começei a nutrir um grande carinho por clássicos. No meu caso posso dizer que o amor pelos clássicos, e o facto de possuírem uma ligação familiar, a mim é o que me move. Aos 18 anos tirei a carta, e nós possuíamos um w115 táxi, 220d de 1970, que em tempos pertenceu ao meu avô, e eu e o meu pai tivemos a falar, e em conversa surgiu o tema táxi e tal, e então começamos a restaurá-lo, e agora está em fase de pintura, se bem que já há um ano.Há pouco tempo adquiri outro clássico, bastante raro, um w123 longo, que também fez parte da história da nosso família, era outro táxi do meu avô, este receberá ainda um mini restauro, pintura.

    Enfim amante de clássicos, e hei-de sempre sê-lo, e se possível, e se se proporcionar terei mais uns clássicos.

    Tudo o que lhe desejo é sorte nesse seu trabalho e que toda a informação aqui prestada lhe seja bastante útil.

    Abraço
    Fábio Fernandes
     
  6. Boas Nelson!

    Tal como o nosso camarada Fábio Fernandes, os classicos também não marcaram a minha juventude, visto que só tenho 19 anos!

    Porquê um classico?
    - No meu caso particular, que possuo um UMM Alter 2, apenas adquiri este classico/pré-classico, pelo simples facto de ser uma viatura, que a meu ver é bastante bonita, que dá para andar em todo o lado e, sobretudo, era fabrico nacional (sou bastante patriota :D).

    - Outra razão para ter um clássico é simplesmente gostar de ser diferente! Se olharmos para lisboa, por exemplo, só vimos carros recentes, com cores "mortas". Porque não ter um clássico cor-de-laranja, por exemplo? É bom sair um pouco da rotina!!!

    - A meu ver há ainda uma outra razão para comprar um clássico (neste caso, "de alta cilindrada"): Falta de fundos!!!! Eu adorava ter um ferrari! Mas não tenho 300.000€ para gastar. Então o que faço é comprar um clássico, que só custe 40.000€ por exemplo.
    (atençao que estes valores nao são baseados em nada. tomem isto, apenas pomo um exemplo).

    E é esta a minha opinião!

    Continuação de um bom trabalho!

    Cumps.
    A.R
     
  7. Um classico valoriza com o passar do tempo ao contrário do restante parque automóvel

    Não paga selo

    Paga certa de 50 euros de seguro

    São mais fiáveis que os carros mais modernos

    As peças são mais baratas e normalmente mais arranjam com alguma facilidade e casas de peças

    Não consomem assim tanto como isso

    Os pneus são baratos (jante 13, 14)
     


  8. Rui tens ai varias coisas que são questionaveis :D

    * Classicos importados pagam selo :huh:

    ** São mais fiaveis que os carros mais modernos, cada caso antigo é um caso e cada caso moderno é outro caso, nem se pode comparar nem mesmo carros do mesmo segmento!

    *** Para os 127 as peças sao baratas e ainda vai havendo de tudo, mas para outros não :huh::rolleyes
     
  9. Há por aqui um tópico com o titulo +/- assim... ( "porquê comprar um clássico e não o carro moderno" ) ou algo do tipo :D mas não o encontrei....

    Esse tópico talvez te ajudasse...pode ser que alguém saiba onde está! ;)
     
  10. Ter e conduzir um clássico é uma forma de estar na vida...

    São viaturas diferentes e com um prazer de condução que um carro moderno não oferece...;)

    Boa sorte no trabalho.
     
  11. Nélson, o pessoal já descreveu algumas bases, dos principais motivos de possuir um "charuto" velho :D Também só tenho 21 anos, mas tenho uma paixão imensa pelos clássicos, sejam de duas ou quatro rodas. Como já foi dito, é uma forma de estar na vida. Basicamente, é um hobbie dispendioso, mas que permite a confraternização e o desenvolvimento cultural. É complicado explicar motivos, pois cada um tem os seus, e os inicios desta paixão varia de pessoa para pessoa. Acima de tudo, não tens um motivo lógico e racional, é algo apelativo que se "acende" dentro de ti, umas vezes mais tarde, outras mais cedo. Há quem "nasça" neste meio e ai, esta-lhe no adn. A outros, surge pelos mais variados motivos.

    Para mim, é um hobbie extremamente interessante, que me acalma e orgulha cada vez que pego na "máquna", ou abro a garagem. Relativamente á crise, é uma das formas de te absteres do que se passa com Portugal, e durante uns minutos, ou horas, não pensares nas dificuldades que o amanhã trará.

    Boa sorte com o trabalho, parabéns pela escolha do tema.

    Abraço
     
  12. Faz apelo ha memória do teu professor em relação a carros e pergunta-lhe qual o carro que mais o marcou na infancia, seguramente existe um, e por aí e com tudo o que já foi dito vais conseguir demonstrar-lhe o porquê de seres vendedores de clássicos.
    Mais alma, mais vida, mais apelo aos sentidos do ser humano e acima de tudo uma paixão.
    Boa sorte.
     
  13. Olha:
    Só compra um "clássico" uma pessoa "endinheirada".
    Se tem dinheiro, quer "rentabilizar/investir" esse dinheiro.
    Um "clássico" é como um quadro dum pintor famoso, tem ainda a vantagem de se poder andar nele :)
    O professor é fácil de "convencer" (eu sei do que falo :D); o pior vai ser o "empresário". Esse só olha para o dinheiro, por isso que tal atirar-lhe com preservação do património, campanhas de publicidade que pode fazer com o "clássico", ou akuguer da viatura para eventos (ou participação da mesma em eventos daq firma).
    O melhor mesmo é falares com um vendedor de automoveis, coisa que eu não sou; aliás até a comprar sou um "desastre" :D
     
  14. Obrg a todos pelos posts...vao ser adicionados no trabalho...vou procurar o topico Miguel mas o tema e porque comprar um classico e nao comprar com um carro novo pois posso ser facilmente posto em causa por varios motivos...penso eu...

    Quanto ao puxar do stor o carro que mais o marcou vou mesmo fazer isso...o pior e se ele nao ligar muito a carros...lol...mas nao ha nada como tentar...mas em principio vou ter de levar os classicos como itens de colecçao e hobbie e nao como substituiçao do carro do dia a dia porque um classico como carro de dia a dia é bastante complicado (era esse o meu objectivo porque era um grande desafio)...sendo assim os classicos viram se para pessoas com mais uns trocos para comprar o "tal carro" e o objectivo era agradar a gregos e troianos, quem gosta e a quem nao gosta que tem de comprar um classico porque ai esta o futuro//investimento.

    Tambem pensei em dar o exemplo norte americano que a maior parte das pessoas que compraram um carro de 60-70 novo, ainda o mantem até aos dias de hoje...vemos muitos carros classicos nos estados unidos como carros de dia a dia...o preço da gasolina ajuda tambem...

    Ainda tenho algum tempo por isso vou falar com alguns vendedores para ver algumas dicas de venda e tal...

    OBRG..
    Cumprimentos
     
  15. Ou então dás o exemplo de Cuba ... Ai sim, existe um verdadeiro espólio de clássicos, (apesar de não estarem nas melhores condições, mas isso ninguém precisa de saber :D)

    ABRAÇO
     
  16. Na minha opiniao só há duas razoes para comprarmos um clássico : por tudo e por nada..:D

    Os motivos, foram os carros que ajudaram os nossos familiares a ganharem/iniciarem a sua vida profissional, têm prazer de condução, prazer de restauro (hoje uma ferrugem, daqui a um mes outra), e porque comparados a outros automoveis sao mais baratos..
     
  17. Pois...mas ai ja e diferente...:D
     
  18. Eu acho que há varios motivos pra comprar um clássico
    1º Porque não é um carro comum no dia-a-dia, ou seja dá nas vistas, nao passa por indiferente. Se for na rua há sempre quem olhe e aprecie.
    2º "Recordar é viver" e ralmente o meu pai teve por exemplo um corolla k20 e cada dia era uma historia diferente

    pra mim foram as 2 principais razoes...
     
  19. boas nelson,
    tambem aqui vou deixar o meu pequeno testemunho.

    começo pelo principio de termos coisas em comum, os 1204 e sermos militares.

    o porque da compra dos classicos...
    ora bem, desde miudo que tenho grande cumplicidade com o meu pai, ele sempre gostou muito de carros e naturalmente, eu fui atras.
    tinhamos um corsa para restaurar e esse mesmo restauro foi feito por nós quase na integra (menos chapa e pintura), entretanto apareceu o 1204, esta nesta fase em restauro.

    no meu caso, os classicos, serviram para haver ainda mais aproximaçao entre pai e filho, termos em comum projectos que nos dizem muito e retirar disso um grande prazer para os dois!
     
  20. Bem, pondo de parte questões sentimentais, o ideal é focar alguns itens que são favoráveis ao clássico, mesmo na questão do uso diário:

    - Dependendo dos modelos, podem ser mais acessíveis que um carro moderno;

    - Desde que recuperados e mantidos em condições, são mais simples e logo potencialmente mais fiáveis que um moderno;

    - Para quem aprecia verdadeiramente conduzir, um clássico envolve mais o condutor em todo o processo, enquanto um moderno é cada vez mais um "desporto de bancada"...;

    - A manutenção, novamente desde que seja escolhido um modelo adequado, é mais simples e continua a ser fácil encontrar o material de manutenção para o uso frequente de muitos modelos;

    - Embora possa consumir ligeiramente mais que um moderno, desde que esteja bem afinado não polui sobejamente mais que um carro mais actual, e mantendo um carro antigo poupa-se ao ambiente a poluição gerada pelo fabrico de carros novos (uma indústria extremamente poluente, e ainda muito mais quando se fala dos supostos carros ecológicos como os eléctricos e híbridos, cuja produção é um desastre ambiental da pior espécie);

    - No caso de um carro anterior a 81, está isento de imposto de circulação, e mesmo que seja mais recente, tem já uma redução considerável;

    - O seguro de um clássico é acessível, uma vez que os donos/condutores de clássicos representam um grupo de baixo risco dado o maior cuidado com que circulam nas suas estimadas máquinas;

    - A enorme cena social em torno dos clássicos é também um atractivo, que motiva muita gente a querer arranjar um para entrar no meio;

    - Num mundo onde os carros são cada vez mais iguais, um clássico é uma afirmação de estilo e distinção que um carro moderno não consegue ter;

    - Com um historial enorme por trás de cada modelo, ao comprar um clássico já se sabe o que se vai encontrar... não há incertezas. Sabemos quais são os mais prácticos, mais económicos, mais fiáveis... e quais evitar;

    - Um clássico tem "personalidade", algo que hoje em dia está ausente de qualquer carro moderno. Os carros ingleses têm uma determinada atitude, os italianos outra, os alemães outra, os americanos idem, e por aí fora.

    Bem, acho que assim já tens uns quantos argumentos detalhados... foi o que me ocorreu agora.

    Bom trabalho! Um abraço!
     
Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página