Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Portalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

será legal?

Tópico em 'Legislação' iniciado por Micael Pedrosa Cunha, 18 Jun 2009.

Tópico em 'Legislação' iniciado por Micael Pedrosa Cunha, 18 Jun 2009.

  1. bom dia,
    tenho uma duvida.
    se eu pegar num carro de pequenas dimenções, tipo mini, e o cortar para fazer um atrelado, é legal andar com ele na estrada, tendo as devidas luzes e matricula?!:huh::huh:

    Abraço
     
  2. Claro que é legal, não tiraste a carta de condução?
     
  3. tirei...e nao foi assim à tanto tempo mas já se sabe como é!!!B) entao nao é preciso legalizar nada!?

    a minha ideia é pegar num fiat 126 e fazer um atrelado tenda:D
     
  4. É mesmo?
    Eu tirei a carta e não me lembro de me dizerem que podia cortar um carro a meio para fazer de atrelado mas...
     
  5. Não creio que seja legal mas possivelmente pode ser legalizado.
     
  6. também nao acredito muito que isso seja assim tao simples e que seja legal!!! o governo assim tá a falhar em mais um ponto de como chular o tuga! parece-me que será um processo de MUITAS borucracias, papelada e de algumas notas à mistura!!!
     
  7. é legal, des que nao cortes um mini nem um classico!!!Porque isso é crime:huh:
     
  8. o que há-de ser para cortar há-de ser um que, se nao fosse cortado, era para derreter...e ao menos cortar e dar-lhe ainda uso e uma certa graça!!!
     
  9. era isso a que me referia!
     
  10. pode ser legalizado mas agora fazer isso a um mini ou a outro classico qualquer é que ja é crimeo_O
    ha um atrelado de mini ha venda aqui no portal e ate esta uma coisa bem feita , mas por outro lado é menos um mini:huh:
     
  11. vou voltar a repetir que o carro que irei pegar será um carro sem documentos e que ninguem lhe pegará para restaurar! à carros que ninguem, certamente, lhes pegará para restaurar, desde à falta de documentos até ao estado de degradação!
    fazer é crime sim, mas quando o fim do carro é para derreter acho que deixa de ser crime :huh:
    eu amo classicos e nao pegava num mini ou noutro classico para o "destruir" se visse que tinha salvação viável!
    e sempre é uma maneira para nao o destruirem B)

    ah, e será um fiat 126 B)
     
  12. e a legalização é processo simples e com poucos custos ou nem por isso!?:huh:
     
  13. Espero que nao tenha levado a mal aquilo que lhe disse, mas ate tem razao no que dis, antes a fazer de atrelado do que derretido.Mas se lhe vai dar utilidade , nao como carro , mas como atrelado , quem sou eu para o julgar.
     
  14. Recomendo-te um telefonema para uma agencia de documentação automóvel, isso eles podem responder e ainda orçamentar o processo.
     
  15. Ora bem, já me informei com alguém dentro da matéria e é o seguinte:

    Podes tu próprio construir um reboque, quer seja de mini, ou simplesmente aqueles reboques usados para transportar motas!

    Com a carta da categoria tipo B podes conduzir veículos ligeiros de passageiros e mercadorias e veículos com reboques que não excedam 750kg.

    Portanto o teu reboque terá que pesar na totalidade 750kg, por isso é que falei em reboque para moto!!

    Caso faças um reboque com mais de 750 kg ( transporte de veículos automoveis), certamente irá exceder os 750kg, então terás que legalizar o reboque e tirar a carta de categoria B+E!

    Segundo me informei, a legalização de um reboque anda á volta dos 400€ a 500€ e precisas de um eng automovel para te assinar o projecto de legalização para o IMTT requerer documentos para o atrelado.

    Como tu queres um reboque mini e eu já vi alguns feitos, podes sim fazê-lo e montá-lo no teu mini com a mesma matricula do carro.

    A tara de um mini cortado não deverá exceder os 100kg.

    abraço e espero ter ajudado
     
  16. obrigado, por acaso também já me informei e deram-me a mesma informação. terei de ter projecto assinado por um eng automovel e aprovado pelo imtt. mas disseram-me que nao era um processo nada facil!!!

    ah, e nao é mini, é um fiat 126 ;)

    ainda vou ter de ponderar bem a situação!!!

    mais uma vez abrigado a todos pelas respostas...
     
  17. Eu quero um Mini... depois dum Carocha! :p
     
  18. só uma pequena correcção: só os reboques com peso bruto superior a 300 kg são obrigados a ter matricula.

    No teu caso, se vais construir tu um reboque ligeiro a partir de um chassis de um fiat 126, provavelmente não ultrapassará 300 kg, mas convém ter em atenção outros aspectos construtivos, designadamente tara e carga útil. Não sei o que pretendes transportar, mas um reboque que tenha um peso bruto de 300 kg feito nos moldes que pretendes, terá uma tara de quanto? 150, 200 kg? sobram-te assim entre 100 a 150 kg para carga útil, coisa que deves avaliar bem tendo em conta o que vais querer levar no reboque.

    Algumas definições elementares:

    Tara: peso do veículo vazio, em ordem de marcha.
    Peso Bruto: Peso total do veículo, com carga máxima incluída.
    Carga útil: carga que o veiculo pode transportar em segurança.

    Depois de definires bem estes parâmetros, convém que consigas demonstrar perante terceiros que o reboque tem de facto estas caracteristicas, e para isto convém que contactes o IMTT e expliques que se trata de um reboque com peso bruto inferior a 300 kg, dispensado de matricula. A resposta que de deram deve ter tido em conta um reboque com PB > 300kg.
     
Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página