Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Portalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

Restauro/recuperação - Carrinha VW de 1968

Tópico em 'Volkswagen' iniciado por Joao Nuno Ribeiro, 1 Nov 2008.

Tópico em 'Volkswagen' iniciado por Joao Nuno Ribeiro, 1 Nov 2008.

  1. Olá a todos.

    Esta carrinha VW de 68, foi comprada em segunda mão pelo meu pai, à Tobis Portuguesa, na década de 70. Mal a comprou, transformou-a para campismo, montando-lhe um tecto elevatório "home made" e um interior totalmente funcional (e amovível) mas sem frigorífico,porque a minha mãe morria de medo das histórias que se ouviam contar e por vários artigos que se liam em revistas da especialidade, sobre mortes causadas por fugas de gás.... e talvez por isso, na altura, havia quem transportasse pássaros em gaiolas para que se os mesmos caissem para o lado, era sinal de que estava na altura de abandonar o veículo (mito urbano?...talvez :huh:).
    A vantagem desta transformação em relação às originais, é que permitia e permitirá outra vez, quando o restauro acabar (um dia), transportar e acomodar (dormir, comer) 5 pessoas e respectiva bagagem. Para além disso, o aproveitamento do espaço é bastante mais inteligente, embora tenha alguns inconvenientes (para alguns), como por exemplo, não permite que se tenha acesso à zona da "cozinha" e respectivo frigorífico (que entretanto já adquiri), porque uma das camas, abre nessa zona. Para além disso e com essa cama montada, não convém utilizar a porta de correr lateral, pelo que o acesso é feito pelas portas da frente....
    No entanto, tem uma sanita química, óptima para ser usada por crianças ou por algum adulto numa situação de emergência e que quando aberta, forma em conjunto com o banco que a "esconde", um pequeno cubículo fechado com janela própria....Sei que para alguns, isto parece ridículo num carro tão pequeno, mas posso dizer-vos que foi óptimo para nós, na altura. Lembro-me, por exemplo, de nos arredores de Paris, algures numa estação de serviço, jantarmos, lavarmos os dentes no lavatório/lava-loiça e vestirmos os pijamas.....e depois, os meus pais dirigiam-se para dentro da cidade e numa rua menos movimentada, de preferência com vivendas, encostavam a carrinha, levantavam o tejadilho e "xixi, cama".....
    Entretanto os anos passaram, os filhos cresceram e a carrinha deixou de ser usada para campismo. Mesmo assim, continuou a andar e a servir de "burro de carga" como transportadora multi-usos, durante anos. No entanto, foi-se degradando e abriu vários buracos, com o passar dos anos... mas sempre a uso...
    Em 2003 e por vários factores, a carrinha foi "substituída" por uma Ford Transit. Nessa altura, voltei-lhe a montar o móvel e ainda a usei durante alguns anos. Mas, devido ao seu estado geral e em 2005, iniciei o seu restauro, o qual tem vindo a ser uma grande aventura, desde aí.
    Este tópico, é uma cópia de um outro que está, por sua vez, num outro fórum, por isso, é provável que existam alguns pequenos saltos temporais e quebras em algumas frases. Pelo que e desde já, peço-vos desculpa.

    Aqui ficam algumas fotos que encontrei, para começar:

    1977

    IMG_2169.jpg
    Algures por aí.... Nesta foto vê-se o primeiro tejadilho e o primeiro interior que montava um banco corrido lateral (risco preto que se vê na janela central e que se transformava em beliche. O móvel desta versão estava atrás do banco do passageiro da frente. Esta versão era má para nós (filhos) porque ficávamos agoniados por ter que ficar sentados de lado. Talvez melhor para a segurança geral mas péssimo para o estomago...
    E já agora, na mesma viagem, eu, as minhas irmãs e a minha mãe...
    Tinha 4 anos.

    IMG_2170.jpg

    Toledo, 1979

    IMG_2167.jpg
    Aqui, já com o segundo tejadilho. Este era preto e também não durou muito por causa disso.
    O interior ainda era o mesmo, ou seja com o banco lateral.

    Verão de 1980

    IMG_2172.jpg
    A abastecer de água. Algures entre Madrid/Zaragoza a caminho do centro da Europa.
    E na mesma viagem (no mesmo Verão);

    IMG_2174.jpg
    Os filhos e a minha mãe em Veneza.
    Por vezes tinham que voltar para trás porque eu ficava parado (embasbacado) a olhar para as montras com réplicas douradas das gondolas cheias de pequenas luzes coloridas que piscavam...Eram "bimbas com'ó caraças" mas eu adorava-as .... :lol: :lol:
    :oops:

    IMG_2190.jpg
    foto tirada pelo meu pai.... :lol:

    Maio de 1981.

    IMG_2161.jpg

    Eu e um amigo junto ao portão da casa dos meus pais. Nesta foto dá para ver a carrinha e um anglia de 65 (penso eu) e que aguarda um restauro.

    Vila Nova de Mil Fontes - 1981

    IMG_2168.jpg
    Não sei se alguém deste fórum se lembra da margem Sul do Rio Mira nesta altuara....era só malta a acampar.
    Ainda Vila Nova era só um pequeno amontodo de casas... 8)

    Estas são de 82. Tinha 9 anos.

    IMG_2159.jpg

    Os meus pais.
    Vê-se um mastro de windsurf por cima e à frente umas barras onde se transportava um barco (que se divide em dois e que ainda existe).

    IMG_2160.jpg

    eu e o meu pai. Nesta vê-se um pacote de leite e um de manteiga em cima do tejadilho. Como não havia frigorífico, era ali que ficavam durante a noite para arrefecerem...

    A tenda que se vê, era uma canadiana que se usava quando era preciso dormir um sexto elemento. Neste caso, um amigo dos meus pais, francês, que nos acompanhou na viagem.

    IMG_2181.jpg
    Esta foto foi tirada no mesmo dia das anteriores. Aqui sim, vêem-se perfeitamente o pacote de leite e o de manteiga... :lol:
    Brutal!!

    Aqui dá para ver que o interior já é a segunda versão e a que ficou até agora. É também a que vou voltar usar (configuração) embora vá ser tudo feito de raíz.

    Verão de 1983

    Chamonix
    IMG_2175.jpg
    Aqui dá para ver o terceiro tejadilho. Este já com outro formato e com uma claraboia (que foi transferida pare o actual - cinza).

    Suiça - Genebra
    IMG_2176.jpg
    A minha mãe atrás da máquina e os restantes 4...

    arredores de Paris (ida às compras)
    IMG_2177.jpg

    IMG_2179.jpg

    IMG_2180.jpg
    A minha irmã mais velha, sentada no banco preferido dela. Ela mais elevado (por causa da sanita química) e dava para esticar as pernas por cima do móvel.
    Dá para ver o sistema de cortinas que era/é de enrolar. Permitia que ficassem escondidas. A desvantagem é que tendem para abrir nas laterais deixando entra luz. No entanto, tb havia um "sistema" para contornar esta situação...
    Ainda não decidi qual o sistema a usar: se recupero este (uma vez que já fiz umas cortinas novas para ele em 2001) ou mudo radicalmente e faço um sistema tradicional - cortinas a fechar para o lado.

    Existem muitas mais fotos destas viagens embora poucas com a carrinha.
    Mas acho que dá para perceber o porquê do amor que tenho a este carro em particular...

    Descobri algo para mim maravilhoso e que já nem sabia que existia.
    É uma espécie de diário de bordo, feito pela minha irmã mais velha, no verão de 1980 (algumas fotos dessa viagem estão em cima).
    Foi feito num pequeno bloco que andou anos e anos dentro da carrinha até ao dia em que alguém o guardou como recordação:

    IMG_2183.jpg

    IMG_2184.jpg
    Início de viagem - 58348 km's marcados. Lisboa, 18-08-80 às 17 horas - 1.500$00 de combustível.
    58707 Km's marcados - 19-8-80 às 16H (a caminho de Madrid) 2670 Pesetas
    59155 Km's marcados - 20-8-80 Catalayud às 12.30 (a caminho de Zaragoza) 2500 Pesetas
    59737 Km's marcados - 21-8-80 Gerona - 2600 Pesetas

    IMG_2185.jpg

    60160 Km's marcados (?) - 23-8-80 - Marseille 9.00 horas 152 Francos - 3,22 francos/litro
    60559 Km's marcados - 24-8-80 - Briançon 100 Francos - 3,24 francos/Litro
    61056 Km's marcados - 27-8-80 Bergamo 16.30 Horas 36.000 Liras - 735Liras/Litro
    61535 Km's marcados - 29-8-80 Cremona 19.30 25.000 Liras - 735 Liras/litro

    IMG_2186.jpg

    61941 Km's marcados - 31-8-80 Menton (a 1 km de Italia) - 9.00 Horas - 150 Francos - 3,25 Francos/Litro
    62335 km's marcados - 5-9-80 - Cannes - 9.15 horas 150 Francos - 3,26 Francos/litro
    62764 Km's marcados - 6-9-80 - entre Montpellier e Béziers (?) -1 0.00 horas 150 Francos - 3,13 Francos/Litro
    62938`km's marcados - 6-9-80 - à saída de França - 16.30 Horas 40 Francos - 3,24 Francos/Litro

    IMG_2187.jpg

    63413 Km's marcados - 7-9-80 - Zaragoza - 13.00 horas 2620 Pesetas (52 pesetas/litro) - total 50 Litros
    63997 Km's Marcados - 8-9-80 - entrade de Portugal - 19.00 horas 2525 Pesetas - 52 pesetas/Litro - total de 48 Litros

    IMG_2188.jpg


    A seguir, o restauro.
     

    Ficheiros Anexados:

    miguelcristovao gostou disto.
  2. Tenho algumas fotos que foram tiradas antes da desmontagem da carrinha (interior incluído) para ser restaurada.
    Algumas fotos do estado lastimável das borrachas:

    IMG_0059.jpg

    IMG_0060.jpg

    IMG_0061.jpg

    IMG_0062.jpg

    IMG_0063.jpg

    IMG_0064.jpg

    IMG_0065.jpg

    IMG_0066.jpg

    IMG_0067.jpg

    IMG_0070.jpg

    IMG_0071.jpg

    IMG_0073.jpg

    IMG_0074.jpg

    IMG_0076.jpg

    IMG_0077.jpg

    IMG_0078.jpg

    IMG_0080.jpg

    IMG_0081.jpg

    IMG_0086.jpg

    IMG_0087.jpg

    IMG_0088.jpg

    IMG_0089.jpg

    IMG_0091.jpg

    IMG_0093.jpg

    IMG_0095.jpg

    IMG_0096.jpg

    IMG_0097.jpg

    IMG_0098.jpg

    Aqui algumas fotos das cortinas que eu mandei fazer para substituir as originais feitas em tecido e que estavam literalmente a desfazer-se em pó.
    Estas são feitas em numa espécie de tela fina com dupla face. Do lado de dentro são branco sujo e por fora são metalizadas. A ideia (na altura) era fazer com que o material que estava virado para fora, servisse como protecção ao sol/calor.
    Outra vantagem era que por serem muito opacas não deixavam passar luz. Por outro lado, por serem tão opacas, eram um pouco grossas o que dificultava a arrumação quando recolhidas. Porvavelmente não as vou usar de novo...

    IMG_0068.jpg

    IMG_0083.jpg

    IMG_0084.jpg

    IMG_0085.jpg

    Nesta foto vê-se uma prateleira que serve como separação entre um espaço de arrumação e a cama para uma criança (em cima com um colchão).

    IMG_0069.jpg

    IMG_0072.jpg

    Dentro da zona do motor, vê-se uma caixa de madeira que continha uma parafernália de ferramentas e peças suplentes...muito jeito deu ao longo dos anos. Felizmente nunca se abriu em andamento....

    IMG_0075.jpg

    Algumas fotos onde se percebe parte do interior,

    IMG_0079.jpg

    IMG_0082.jpg

    Esta peça partiu-se há muitos anos atrás. Entretanto já tenho uma nova antes que se parta outra vez,

    IMG_0092.jpg

    Uma foto da zona do pára-brisas. Mais adiante mostro outras e as minhas hastes dos limpa vidros,

    IMG_0100.jpg

    IMG_0101.jpg

    IMG_0102.jpg

    IMG_0103.jpg

    Uma mancha de ferrugem por cima do pára-brisas (tejadilho),

    IMG_0104.jpg

    Para aqueles que pretendem começar um restauro é bom que saibam que uma carrinha está sempre pior do que parece. Podem pensar que "até nem está assim tão mal.." mas desenganem-se. Há sempre uma série de sítios onde à primeira vista, a chapa até parece imaculada ou pouco afectada pela ferrugem, mas após uma observação mais atenta, verão que estavam redondamente enganados...
    Os piores sítios são sem dúvida por detrás dos pára-choques (embora o pior é mesmo por detrás do da frente),

    2006130165521_foto_04.jpg

    200613017051_foto_07.jpg

    200613017311_foto_21.jpg

    debaixo do pára-brisas e é sempre proporcional ao tamanho das bolhas ou pequenas manchas de ferrugem que saiam por debaixo da borracha, ou seja, se existirem algumas há a fortíssima possibilidade de estar tudo roto, embora não pareça....


    200613017635_foto_19.jpg

    200613017754_foto_18.jpg

    no tejadilho e calha de água, principalmente junto aos cantos traseiros...

    2006130171158_foto_05.jpg

    nas portas da cabine, principalmente por baixo (convém verificar com atenção), na porta de correr (em baixo também), por dentro da tampa do motor (a minha estava irrecuperável) e isto porque com o passar dos anos, os furos que existem para deixar sair a àgua da chuva acabam por entupir, fazendo com que as portas comecem a apodrecer por dentro...
     

    Ficheiros Anexados:

  3. Nestas imagens vê-se quase todo o trabalho de recuperação da chapa. Uma outra zona passível de ter buracos que não se veêm é por detrás das ópticas. No meu caso, já se podiam ver dois grandes buracos. Um em cada um dos lados. Mais um exemplo de que as coisas nem sempre são o que parecem...ah...e não se preocupem...quando rasparem a tinta de pequenas bolhas de ferrugem (principalmente ao pé das borrachas das janelas) verão que está pior do que parece..muito pior.

    Conselho prático: desconfiem de orçamentos de bate-chapa dados em 5 min de conversa e 1 de observação....

    2006130191316_foto_06_chapa.jpg

    2006130191344_foto_05_chapa.jpg

    2006130191441_foto_01_chapa.jpg

    2006130191524_foto_09_chapa.jpg

    2006130191625_foto_07_chapa.jpg

    2006130191720_foto_03_chapa.jpg

    2006130191829_foto_15_chapa.jpg

    200613019190_foto_12_chapa.jpg

    2006130191933_foto_16_chapa.jpg

    200613019208_foto_18_chapa.jpg

    2006130192042_foto_14_chapa.jpg

    2006130192058_foto_11_chapa.jpg

    2006130192121_foto_10_chapa.jpg

    2006130192148_foto_17_chapa.jpg

    Todo este processo (com férias pelo meio) demorou 2 meses aproximadamente. A tampa de motor (verde), teve que ser comprada em 2º mão numa sucata....mas mesmo assim, teve que ser arranjada. Custou 60€.

    Já a seguir: a pintura....
     

    Ficheiros Anexados:

  4. Bom, continuando...
    Onde é que eu ía?..ah, sim...na pintura!

    Aqui está uma altura para uma decisão crítica...onde pôr a carrinha para pintar?

    Pela minha experiência (e até agora só tenho esta), posso dizer que preferia não a ter colocado onde acabou por ficar a ser pintada. Mas, como eram conhecidos da pessoa que me fez o trabalho de chapa, não tive coragem para dizer "não". Agora sei que foi um erro...
    Primeiro, porque a oficina de pintura é uma oficina cheia de trabalho em carros novos e do dia-a-dia, ou seja...é tudo a despachar e sinceramente não acredito que se preocupem em saber se a pintura vai durar uns anos ou não. Espero que não seja o caso do meu veículo...
    Em segundo, porque como têm muito trabalho, um carro destes é sempre "para amanhã" e para ser (mais uma vez) sincero, talvez seja preferível assim porque provavelmente com mais calma, o serviço fique melhor.
    Em terceiro lugar, porque para se conseguir falar com alguém é sempre difícil. As pessoas não param e não só não têm paciência para um carro destes como também não a têm para o dono. Senti isso ao princípio, mas confesso que com o passar dos meses, os empregados foram-se tornando mais acessíveis e afáveis...talvez tivessem pena de mim...qualquer coisa como: "coitado deste tipo. Vem cá todas as semanas e nunca mais acabamos de lhe pintar a m.... do carro!"

    Para além disto, também encontrei resistência em obter a cor que pretendia para a pintar...Foram ao computador e apesar de este identificar o código "L398 Pacific Blue", surgia a informação de que não dava para obter a cor com aquelas bases...fiquei danado!
    Para resolver esta questão, tive que enviar mails para o fabricante da tinta que esta oficina usava a perguntar se era possível ou não e por fim, tive que me dirigir pessoalmente ao representante para apanhar a fórmula (numa simples folha A4) e entregar ao chefe de obra com a simples recomendação: "aqui está a fórmula. Senão conseguir obter a côr, contacte-os que eles fazem-na e enviam-na. Eu quero esta e ponto final!". Não se costuma dizer que o cliente tem sempre razão?? E para além disso não só estavam a passar das marcas relativamente ao prazo, como o preço que eu ía pagar pelo serviço era elevado....por isso fiz valer os meus parcos direitos!

    Outro conselho: desmontem tudo antes de levarem um carro à pintura...tudo mesmo (façam fotos). Desmontem todas as fechaduras, desmontem o "tablier", tirem todos os mecanismos do limpa para-brisas, ou seja, não levem mesmo nada, a não ser o necessário para que possam deslocar o carro.
    Corre-se sempre o risco de que na oficina percam algo que custa um balúrdio ou até que partam qualquer coisa que já não se fabrica e depois vem sempre a mesma história do "já estava!". É que as pessoas têm a tendência para se esquecer que estes carros têm quase 40 anos e que muitas das peças nem sempre saiem à primeira...Para além disso, têm também outra tendência: usar a [red]chave portuguesa[/red], ou seja, o martelo... e isso na maioria das vezes, dá mau resultado!

    Aqui ficam algumas das imagens da primeira fase da pintura: o primário.

    200613104551_foto_01.jpg

    200613104634_foto_02.jpg

    200613104710_foto_04.jpg

    20061310488_foto_06.jpg

    20061310493_foto_07.jpg

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    ... agora já com o branco no exterior e interior (primeira passagem)...

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    por agora de fotos é tudo...
     

    Ficheiros Anexados:

  5. Segunda fase de pintura: a aplicação da cor.

    Quando escolherem a cor têm duas alternativas (penso eu!). Ou acompanham a criação da cor através das várias fases de mistura e aceitam o resultado final olhando para dentro da lata, ou confiam que a fórmula do código da cor que escolheram está correcta e que o resultado final, depois de aplicado, é mesmo a cor escolhida. Foi este o meu caso.
    Nem vou perder tempo a conferir o resultado, comparando com as folhas A4 que o fornecedor da tinta me mostrou nas suas instalações afim de eu confirmar se era mesmo aquela cor/tom, enquanto a impressora "vomitava" uma folhinha A4, com um quadrozeco semi-preenchido que podia muito bem ter sido enviado por fax, fazendo-me assim poupar uma viagem e mais uma desculpa manhosa para me ausentar por umas horas, do local de trabalho...mas enfim! Já está, e não vale a pena pensar no como teria sido, se tivesse escolhido outra oficina, com outros métodos de trabalho.

    Ficou assim:

    2006131192_foto_12.jpg

    20061311107_foto_13.jpg

    200613111112_foto_14.jpg

    200613111156_foto_10.jpg

    200613111236_foto_09.jpg

    200613111313_foto_08.jpg

    200613111336_foto_11.jpg
     

    Ficheiros Anexados:

  6. Antes de se começar a desmontar seja o que fôr, devemos ter sempre ao lado, uma bíblia do assunto. Eu tenho e recomendo (até agora só tenho ouvido falar destes dois livros).

    200613125133_Automotive_repair_manual_capa.jpg

    200613125218_Automotive_repair_manual_interior_01.jpg

    20061312538_Automotive_repair_manual_interior_02.jpg

    200613125420_official-service-manual_capa.jpg

    20061312554_official-service-manual_interior.jpg

    Há quem prefira um, e há quem preferia o outro...há também quem tenha os dois. Para quem tem medo de se perder, sugiro a compra de ambos (não vão ser dois livros que farão a diferença no meio disto tudo). É claro que devem ter sempre à mão uma máquina de fotografar...é que estes livros têm quase tudo...quase.
     
  7. Para quem quiser saber mais (muito mais!) existem várias formas e métodos...
    Ou através de livros (e existem vários - é só procurar na amazon.com (por exemplo), através de conversas e contactos com outros donos/condutores/restauradores de carros ou ainda através de sites na internet (se faltar algum método, estejam à vontade para acrescentar...).

    Relativamente a sites, quero-vos deixar aqui mais um:
    www.type2.com
    É norte-americano...
    É muito bom, completo e para além de conter informação bastante útil, tem também um sistema de envio e troca de mensagens, ou seja, todos os inscritos na "lista" recebem todos os e-mails que são enviados e trocados, ficando assim a par de toda a informação. Basicamente é como este fórum/tópico, só que em vez de terem que "visitar" um link ou site, recebem todas as mensagens no vosso mail...(preparem-se para receber 20 a 30 mensagens por dia, o que no nosso caso é mais à noite, por causa dos fusos horários)

    outra informação importante: uma vez inscritos na lista, devem verificar os vossos e-mails todos os dias, pois caso contrário e se as mensagens voltarem para trás (de volta para o servidor de mails) serão excluídos da lista.

    outra ainda: uma vez inscritos, devem criar uma pasta só para os mails aque receberem, caso contrário, será uma seca...Para além disso, nem todas as mensagens interessam..trocam-se alguma "bocas", datas de encontros e informações que se aplicam a diversos modelos e motores (1600, 1700, 2000...etc).

    Quando comecei a pensar em restaurar a carrinha, antes que o seu estado de degradação piorasse, comecei à procura de informação na internet sobre peças, borrachas e qualquer outra coisa que me eventualmente fizesse falta. Na altura, nem sabia que havia todo um mercado à volta destes carros...pura ignorância de um leigo na matéria [8)]

    Foi então que descobri este site (já lá vão dois anos). Enviei uma mensagem para me apresentar (é sempre interessante verem que nós, portugueses, também nos interessamos por estas coisas) e não querendo causar nenhum pânico (ao contrário do que os que me responderam a dar os parabéns por fazer parte da lista, fizeram comigo) vou-vos transmitir um dado que até essa altura me era desconhecido: ao que parece, a probablidade destes carros pegarem fogo é enorme e real...

    cito:

    The Solex carburetors and rebuildable style fuel pumps used on air cooled Volkswagens have a weak link that should be safeguarded to prevent the much dreaded engine fire. The brass ports can loosen in the aluminum bore into which they are pressed. They will then pop out at the most unsuspected time and douse the engine in gasoline.

    To avoid this scenario, one can knurl the brass fitting for a tighter fit, yet that might only temporarily stave off the inevitable. Better yet, or in addition, use stainless steel safety-wire to hold the fuel lines securely against the pump or carb so that there is no chance they will pop off and cause havoc.

    Thanks to a gift from my friend Dale, I'm happy to now have a safety-wire twister in my tool arsenal. Dale provided the following illustrations on how we can all do the job right:

    2006131124822_sacarb1.jpg

    2006131124848_sacarb2.jpg

    2006131124937_sapump1.jpg

    200613112508_sapump2.jpg

    esta informação e mais do género encontra-se em www.type2.com e depois em Library (lado esquerdo) e por sua vez em "fuel" ou "fire prevention" na letra F, claro!

    Para além desta solução, somos também aconselhados a trocar todos os tubos de gasolina e a verificar todos os passadores de borracha por onde os tubos atravessam a chapa (estes tendem a desaparecer e deixam os tubos a roçar no metal, correndo o risco de criar fissuras e cortes) e uma vez a arder, não há nada a fazer...

    para saber mais:

    http://www.type2.com/archive/type2/070208.html
    http://www.type2.com/archive/type2/120199.html
    http://www.type2.com/archive/type2/046328.html
    http://www.type2.com/archive/type2/000149.html

    existem imensa informação sobre o tema...
    em http://www.type2.com e depois "Archive" - "type 2" - uma vez aí é só procurar em "fire" (por exemplo)

    Fotos de carrinhas nesta situação não faltam....
    é só procurar no www.thesamba.com (por exemplo). Ficam aqui algumas:


    2006131133334_foto_01.jpg

    2006131133423_foto_02.jpg

    2006131133514_foto_03.jpg

    2006131133615_foto_03_a.jpg

    2006131133719_foto_03_b.jpg

    2006131133822_foto_04.jpg

    200613113390_foto_05.jpg

    2006131133955_foto_06.jpg

    2006131134043_foto_06_a.jpg

    2006131134125_foto_07.jpg

    ...espero ter prendido a atenção de quem não estava devidamente informado sobre este facto.

    Claro que isto também vale para os carochas...

    2006131134335_carocha_01.jpg

    2006131135449_carocha_02.jpg
     

    Ficheiros Anexados:

  8. Bem vindo desde ja e parabens pela maquina!

    Bom trabalho, havia ai muitos podres, mas conseguiu arranjar isso muito bem! Continue que esta a ir no bom caminho! Ha quanto tempo começou com o restauro?
     
  9. Voltando às transformações que alguém possa querer fazer na sua carrinha, recomendo este livro:

    [red]How to convert Volkswagen BUS or VAN to camper [/red](da veloce)

    2006131144025_how_to_convert_capa.jpg

    2006131144122_how_to_convert_interior.jpg

    existem mais, e se alguém tiver expeiência neles, esteja à vontade para partilhar....

    Borrachas:

    Comprei as minhas ao Hugo Frazão - www.hugopecas.com
    Posso dizer-vos que paguei caro...por volta dos 500€ (e mais uma vez, não comentem....[8])

    Algumas são brasileiras, outras alemãs e existem também borrachas dos EUA. Pelo que li e pelas informações que me deram, convém comprar a borracha original alemã para o para-brisas (pelo menos esta). Só assim, é que têm a certeza que o vosso vidro não vai cair após uns km...(não sei quais são as verdadeiras probablidades de isso acontecer, mas também, não quero saber por experiência própria.
    As brasileiras são de pior qualidade...mas para serem colocadas por dentro das portas, penso que chegam. Ainda não coloquei as minhas, mas penso que lá para o fim-de-semana já vos posso dizer se assentam bem ou não. Para além disso, também são mais baratas...o que é sempre bom!
    No entanto, podem sempre comprar borrachas a metro. Em Lisboa, têm-me dito que a "Casa das Borrachas" na Av. de Berna, vende todo o tipo de borrachas deste género. Não sei se a loja existe mesmo ou não... no entanto, apesar de muito mais baratas, têm o inconveniente de não terem o formato dos vidros (o que dificulta nas partes curvas dos vidros e nos ângulos apertados).
    O resultado costuma ser um defeituoso "encosto" na chapa, deixando arestas levantadas por onde poderá entrar a água com mais facilidade (ficando entre a borracha e a chapa e voltamos à história das bolhas, etc, etc [ver post anteriores]) e em última análise, até à queda dos próprios vidros em andamento...No meu caso, eu fiz uma opção: prefiro gastar nas borrachas do que perder o trabalho todo de restauro ou até os vidros.

    Estas eram as borrachas antigas:

    a tampa do motor,

    2006131152627_foto_01.jpg

    2006131152746_foto_14.jpg

    .... porta traseira (junto ao fecho),

    2006131152931_foto_02.jpg

    .... porta traseira (em cima..uma tristeza),

    2006131153050_foto_03.jpg

    ...as das janelas laterais (as tais "bolhas" e a respectiva fractura na borracha),

    2006131153240_foto_04.jpg

    ...os raspadores das portas,

    200613115355_foto_06.jpg

    2006131153616_foto_11.jpg

    ...a borracha interior da porta da frente,


    2006131153741_foto_09.jpg

    ...a borracha do para-brisas (outra vez),

    200613116757_foto_07.jpg
    e os postigos...(voltarei a falar neles mais à frente).

    20061311696_foto_08.jpg

    2006131161059_foto_12.jpg

    2006131161152_foto_13.jpg

    2006131161234_foto_10.jpg

    Como podem ver, as minhas borrachas estavam em muito mau estado. Muito secas, com algumas rachas e alguns cortes...muitas delas desfizeram-se nessas zonas ao serem retiradas, e as dos interiores das portas, estavam sólidas de tão secas...para além de divididas em secções. Uma lástima....geral.

    Estas são as novas.....€ [:(]

    2006131161825_foto_01.jpg

    2006131161952_foto_02.jpg
     

    Ficheiros Anexados:

  10. Agora...os postigos.

    Quando comprarem uma carrinha tenham muita atenção, tanto aos da frente (tringulares) como aos da parte de trás da carrinha (rectangulares).
    Para já e até agora, ainda não os encontrei à venda em primeira mão. Todos os contactos que tenho feito nesse sentido, têm sido em vão. Até agora, todos dizem que não existe ninguém que os faça. Resta assim, comprar em 2ª mão ou recuperar os que existem.
    No meu caso, os da frente estavam num estado inacreditável. Sim, porque quando eu os mostrei, ninguém acreditou no que estava a ver...nem os fulanos da lista do type2, a quem eu também perguntei se era normal que ficassem assim e se alguém tinha um par em relativo bom estado para vender...

    Para que vejam com os vossos próprios olhos:

    [:eek:)]


    2006131165921_foto_01.jpg

    2006131165935_foto_02.jpg

    2006131165949_foto_03.jpg

    2006131171752_foto_04.jpg

    ambos completamente desfeitos...
    Vejam como estavam quando montados. Ninguém desconfia (muito), certo?
    Mas é verdade...sairam mesmo daqui.


    200613117254_foto_10.jpg

    (como podem ver, a mancha de ferrugem por baixo do friso cromado, fala connosco...é como o algodão, não engana!)

    Resultado? Tive que os comprar em 2ª mão. Acabei por mandar vir dos EUA juntamente com outras janelas que já mostrarei à frente....
    (Coloco imagens dos novos amanhã)

    E os rectangulares, como estarão??
    A mesma miséria, infelizmente...

    No entanto, só vou utilizar um (do lado do condutor - primeira janela a contar do fim). Assim, só me tenho que preocupar em arranjar um deles, coisa que ainda não o fiz... (compra-se postigo com uma certa urgência...mas baratinho [;)])

    Antes estavam assim (repito as fotos)

    2006131171143_foto_12.jpg

    200613117123_foto_13.jpg

    ...e pelo lado de dentro...

    2006131171250_foto_01.jpg

    Depois de desmontados, vê-se o belo resultado...

    2006131173020_foto_05.jpg

    2006131173110_foto_04.jpg

    2006131173156_foto_03.jpg
     

    Ficheiros Anexados:

  11. As janelas de gelosia (jalousie windows)

    Para já, vou começar por fazer um "upgrade" à carrinha com um conjunto de janelas destas:

    200613118618_IMG_0726.JPG

    200613118713_IMG_0727.JPG

    20061311886_IMG_0728.JPG

    200613118851_IMG_0729.JPG

    Eu tinha colocado um post num destes tópicos (penso que no de peças...) à procura de um par igual a este, mas ninguém respondeu. Sendo assim, arranjei estas que estavam em Savannah, GA EUA. O homem que as vendeu foi extremamente simpático e zeloso. Vinham fenomenalmente bem embaladas. Para além destas, aproveitei a bolei e mandei vir também estes postigos:

    2006131182210_IMG_0740.JPG

    200613118231_IMG_0741.JPG

    2006131182344_IMG_0742.JPG

    2006131182430_IMG_0743.JPG

    2006131182520_IMG_0744.JPG

    2006131182618_IMG_0746.JPG

    2006131182659_IMG_0747.JPG

    2006131182739_IMG_0748.JPG

    2006131195012_IMG_0749.JPG

    a encomenda veio, então, com estas peças...

    2006131195142_IMG_0814.JPG
    próximo passo: como recuperar estas preciosidades...[:)]
     

    Ficheiros Anexados:

  12. Depois de uma limpeza geral, de algumas passagens de lixa muito fina alternada com mais "lavagens" e polimentos,umas toques com tinta de alumínio, finalmente um envernizamento e eis o resultado final...para mim, uma maravilha:

    20062102722_IMG_0829.jpg

    20062102941_IMG_0831.jpg

    20062103121_IMG_0830.jpg

    20062103244_IMG_0834.jpg

    20062103421_IMG_0835.jpg

    20062103538_IMG_0838.jpg

    20062103652_IMG_0837.jpg

    A rede mosquiteira que veio com elas, tinha vários buracos. No entanto foi relativamente fácil substituí-la por uma nova. Encontrei practicamente igual no AKI mas em rolo. Ficou com muito bom aspecto...

    20062103915_IMG_0832.jpg

    Estas janelas permitem que tanto num dia de calor, como num dia de chuva, se deixe que uma ou outra ou até ambas, ligeiramente abertas para arejar (em caso de chuva, esta não entra). O mesmo é valido para durante a noite...vão dar bastante jeito...espero.
     

    Ficheiros Anexados:

  13. excelente restauro!


    parabéns pea máquina!

    este restauro é uma autêntica enciclopédia para mim, espero vir a aprender mais!
     
  14. obrigado, zé.

    (...)
    Hoje fui ver como estavam a correr as coisas em volta da carrinha. Larguei por umas horas o meu trabalho e fui até lá para ver se parava com o nervoso miudinho...
    Por um lado, fico feliz pela sábia decisão, por outro não (vou ter que fazer noitada para compensar) :?

    Sempre tive a impressão que alguma coisa não ía correr bem neste processo...e claro está, não correu (só não ganho o euro milhões).
    Tenho mais uma série de experiências que acho interessantes transmitir. Como sabem, esta é a primeira vez que me encontro envolvido numa situação destas, mas mesmo assim e apesar de maçarico, penso que estas experiências têm sido e continuarão a ser, um cumular instantâneo de saber, que servirá concerteza, para ajudar outros virgens na matéria como eu...
    Vou continuar a partilhar aqui (até me deixarem) na esperança que outros também o façam.

    Para já, posso-vos dizer que as borrachas brasileiras que comprei são uma treta. Não sei qual será a probablidade de se encontrar uma borracha com defeito, ou mal acabada (mal mesmo!) mas neste caso, se fôr igual para todos, tomem muito cuidado...em duas borrachas para o interior das portas da cabine, uma está mal (ver fotos amanhã...).
    A borracha da tampa do motor (também brasileira) estava bem em largura, mas tinha 7 cm a mais em altura. Não sei como é que isto é possível:
    primeiro porque estava na embalagem correcta (só se fosse um erro) e segundo, porque não existe nenhum modelo cuja tampa seja da mesma largura que as carrinhas de 68 mas com uma altura maior (claro uqe posso estar enganado). Seja como fôr, assentou às mil maravilhas depois de cortada em dois...nem se nota a união (espero!).

    Isto para vos dizer, que quando cheguei, encontrei a borracha da porta do "pendura" mal colocada (talvez por causa desse defeito). Felizmente, que a cola de contacto ainda não estava totalmente seca e deu para a tirar, não sem antes, ficar com alguns pedaços menores já agarrados à chapa...fiquei desolado...foi aí que tive um ataque de clarividência e lembrei-me de um antigo ditado popular:

    " Se queres as coisas bem feitas, faz tu mesmo! "

    E assim foi...
    Acabei por ficar lá, a montar (claro que com ajuda...) mas acima de tudo, sem pressas e com muito mais cuidado...

    Bom....amanhã relato tudo com fotos. Verão como eu tenho razão embora preferisse não a ter. Pelo menos, era sinal de que as coisas tinham saído bem à primeira....

    De qualquer maneira, estão-se a fazer progressos....

    20062215149_IMG_0851.jpg

    20062215239_IMG_0870.jpg
     

    Ficheiros Anexados:

  15. Tal como escrevi no último post, tenho novas fotos e informações para pôr aqui...
    Para começar, mostro-vos como encontrei as borrachas das portas da cabina quando cheguei ao pé da carrinha na quarta-feira passada.

    20062315581_foto_37.jpg

    (esta está bem, excepto talvez o exagero de cola...[:(])

    200623155937_foto_36.jpg

    e esta que estava mal colocada...
    Como podem constatar, estas borrachas são bastante diferentes das alemãs (ver fotos das borrachas em posts anteriores), porque não têm cantos (talvez dificulte a colocação) o que fará com que provavelmente não vedem com a mesma eficácia ... sinceramente e por agora, vão ficar assim mas mais tarde, acho que as vou mudar.

    Esta é a mesma borracha da porta do passageiro da frente, mas agora, bem colocada:

    200623161022_foto_19.jpg

    Nestas imagens, pode-se ver o defeito da borracha ao qual eu fiz referência no post anterior:

    Esta é a borracha "normal",

    200623161245_foto_16.jpg

    e esta é a defeituosa (no entanto, pode ser que adquira a forma correcta),

    200623161531_foto_18.jpg

    Estas são as fotos da borracha da tampa do motor (ver post anterior):

    200623161756_foto_35.jpg

    20062316191_foto_34.jpg

    [​IMG]

    ... aplicação de cola na chapa,

    200623162151_foto_29.jpg

    20062316238_foto_33.jpg

    e a aplicação da borracha na chapa. Convém usar uma cunha de madeira larga, sempre que possível (com 2 ou 3 cm de largura) e não uma chave de fendas que é meio caminho andado para fazerem cortes e rasgos em borrachas novas de 15 a 20€ cada....[:(]

    20062316249_foto_26.jpg

    Aqui podemos ver a colocação da borracha nova na porta de correr...local ideal para uma cunha de madeira. Tenham sempre muita paciência e ainda mais cuidado, porque mesmo com esta cunha, podem fazer pequenos rasgos e ao mesmo tempo, protegem a pintura....

    200623163549_foto_24.jpg

    Aqui ficam algumas imagens da colocação, na quarta, do vidro lateral (atrás da porta de correr) e da colocação do para-brisas, na quinta. Para aqueles que como eu, já ouviram falar do sistema, mas que nunca viram com os próprios olhos ou participaram in loco numa operação delicada como esta, ficam também algumas fotos representativas do método em si... Só não tenho fotos da colocação, porque tinha as mãos num tal estado que não tive coragem de pegar na máquina [:)]

    Em primeiro lugar, a colocação da borracha à volta do vidro,

    20062316547_foto_25.jpg

    uma dica útil: após a colocação da borracha a toda a volta, deve-se ajudar esta a juntar-se bem ao vidro, dando umas pancadas suaves e com muito cuidado, no topo da borracha (principalmente no topo interior) utilizando um maço de madeira (ou martelo de borracha), protegendo-a com um pano espesso. Isto evita que pequenas bossas dificultem o encosto do vidro à chapa.

    ... após a colocação do mastique a toda a volta, vem a colocação da corda que vai ajudar a que a borracha passe para o lado de dentro do rebordo metálico da chapa:

    200623164411_foto_20.jpg

    200623165118_foto_22.jpg

    20062316530_foto_23.jpg

    200623165932_foto_21.jpg

    e o mesmo método para o para-brisas,

    20062317136_foto_11.jpg

    20062317331_foto_12.jpg

    para facilitar a colocação do para-brisas é preferível que a borracha esteja ligeiramente mais fléxivel. Sabendo todos nós, que estas borrachas são enormes e que com as quais não é nada fácil lidar, qualquer dica para facilitar este processo é bem-vinda. Como estava um dia frio e de chuva, optou-se por ajudar com um secador.

    20062317925_foto_09.jpg

    na listagem mails de www.type2.com recebi este, o qual copio para aqui:

    "Hey Folks,
    Before I move on to the subject line, did anyone else find it amusing today that a billion dollar spacecraft can suffer from a faulty fuel gauge just like our old buses? Anyway, I installed a new used windshield in my '75 last Sunday, bringing my total windshield installs to 5.
    It went in easier than any I've done before, total time less then 10 minutes. I put the gasket on Saturday, then Sunday I let it sit in the sun for about 3 hours. The gasket was soft and very warm to the touch, which I believe helped a great deal.
    My wife (who has always has the job of pulling the cord from the inside) couldn't believe it went in so fast, and is convinced it is going to fall out! I know some consider installing a windshield a daunting task, but it has always gone fairly well for me-the only one I've cracked was when reinstalling a windshield that may very well have been an original, and if so would have been 26 years old.
    Four of these were on Bays, and one Vanagon, which ironically the Vanagon was the worst of all. We had to pull it and start over 3 times before it would seat. So, if you need to install a windshield, pick a sunny day!

    Jeff "

    Para a colocação do para-brisas aconselha-se a utilização de 3 pessoas, começando-se por colocar em primeiro lugar, a parte de baixo e por fim o topo (esta ordem também é válida para os restantes vidros). Dessas três pessoas, uma fica pelo lado de dentro e as outras duas ficam uma em cada uma das pontas do vidro. Por outro lado, a pessoa que estiver a puxar a corda pelo lado de dentro, deve ter o cuidado de puxar devagar, sendo sempre auxiliada no exterior, por uma mão a fazer força para dentro, na borracha e no vidro ao mesmo tempo. Escusado será dizer, que todo este processo deve ser efectuado com muito, muito cuidado e com ainda mais calma...

    No final e depois de uma limpeza, ficou assim:

    20062317459_foto_01.jpg

    200623174548_foto_02.jpg
     

    Ficheiros Anexados:

  16. A ligação dos piscas...

    As borrachas novas que comprei, fazem muita pressão sobre os plásticos. Como estes já são velhos e estão ligeiramente rachados (embora se vendam novos), para prevenir mais rachadelas, vou fazer um pequeno furo nas borrachas antes de as usar. No entanto e por agora, uso as antigas. Sendo assim, comecei a montar os piscas seguindo os diagramas que se encontram no livro da Haynes.
    Depois de colocar as borrachas na chapa e de, por sua vez, colocar as ópticas nas borrachas, e antes de ligar os fios, fui mais uma vez verificar se estava tudo a funcionar, como tinha estado até essa altura:
    - "Tudo ok...os da frente funcionam, e isto vai ser fácil..." (pensei eu).
    Depois de ligar os respectivos cabos, nada! Nem sinal de piscas...nem de trás, nem da frente...No entanto, as luzes de presença funcionam...mas os travões não.
    Bom, vamos lá ver o que se passa.

    20062318230_foto_14.jpg

    bom, isto não deve fazer falta aqui, por agora...

    20062318423_foto_13.jpg

    no entanto, depois de várias tentativas, nada feito..nem sinal de vida. Fica para outro dia...

    20062318619_foto_15.jpg

    Mesmo assim ainda fui ver se o problema era dos fusíveis. Não, estava tudo bem. Só se o problema fôr desta confuão:

    200623181013_foto_04.jpg

    ...('tou feito)...

    200623181130_foto_05.jpg

    ...nem acredito...

    200623181356_foto_06.jpg

    depois trato disto..
     

    Ficheiros Anexados:

  17. Hoje foi o dia em que montei as minhas janelas.
    Duas pessoas fazem-no rapidamente se tiverem em atenção algumas dicas úteis. Deve-se meter a borracha em volta da janela e dar umas pancadinhas com o martelo de borracha ou com o maço, mas tendo sempre em atenção que se deve proteger com um pano grosso. No entanto, pode-se sempre meter um pouco de mastique entre a borracha e a janela. Pode-se também aplicar mastique entre a chapa da carrinha e a borracha, tendo em atenção que neste caso, o mastique deve ser aplicado directamente à chapa e não à borracha. Deve-se começar por encostar a parte superior e só depois a parte inferior.Deve-se também retirar a rede mosquiteira e a "maçaneta" mas penso que isto é óbvio...

    deixo aqui um texto que penso ser muito útil:

    "First pull out whatever glass is in there. A razor to cut the seal, a screwdriver to bend the tabs for the wing window that are hidden inside underneath the seal and a fist to pound the old glass out.

    Second, prep the frame. Get it good and clean. Rust? Then sand and prep with POR 15 or your favorite toxic brew. Make those frames nice and smooth. Maybe even wax them up.

    What shape are your jalousie windows in? Pull the screens and hose them off. A Little soap and water for good measure! Now, some 0000 steel wool will bring a nice shine to those old oxidized aluminum frames. You would be suprised how nice they look.

    And now for the hard part: the seals. Do you have new ones? Fit the seal around the outer metal part of the jalousie window. It will seem a bit loose. Now for the really hard part. The rest of the seal (except for the corner area of the windows) must be pushed in the groove that is made by the space between where you just put the seal and the back side of the screw track. This seems an impossible task but it can be done. Start on the end of one of the tracks. The use a screwdriver push back as you push down with your other hand. It will start to lock itself in the groove and then you can run the screwdriver at a 45 degree angle and drag it along the seal and it will push in. Repeat this process ad infinitum. I cannot tell you how much this part sucked but it is why the buggers wouldn't fit right the first time:) Take you time and think good thoughts. Maybe it will be easier for you.

    Back to the bus. If you are installing jalousie windows in a bus that never had them you will need to drill some holes. I think the Bentley specs 13 but I drilled four on top four on the bottom and 2 on each side. You will be using 1/2" #4 machine screws for the install(#6 if you screw tracks are buggered.) Pick a drill bit that is just a hair smaller than the screw and drill you holes in the bus window frame a drill bits width in from the edge so they will line up with the screw track. You might wanna dry fit the windows first so you can visualize the process as you drill.

    Go in the house and get some liquid dish soap. Smear the soap on inside of the seals and on the bus window frame. Put some kite string in the outside groove of the seal. Although this practice is really for putting in regular glass it made it easier to get the seal set once it is installed.

    I did one window installation with a helper in the bus and me outside pushing, and the other I did by myself. Do not be a island. Get some help. You will be happier. Now, slide the top of the window up and then in. This is kinda like getting the screens in and out. Now push!!!!! Harder!!!!!! One person holds the window in with pressure while the other starts inserting screws. This will draw the window snuggly into the frame. Once all the screws are in you can pull the string out that you wrapped around the seal groove and it will pull the flap of the seal out so that water does not get in. We have had 5 drenching storms and a 3 day rain and I have no leaks. I guess I did something right for a change. "


    para além disto, não se esqueçam de:
    http://homepage.mac.com/ratwell/78_Westy/PhotoAlbum59.html
    vale realmente a pena...

    As minhas janelas ficaram óptimas mas borrachas novas ficam para depois...

    No entanto, primeiro uns furinhos....pequeninos...

    200628202730_IMG_0903.jpg

    200628204427_IMG_0904.jpg

    a toda a volta....

    200628204534_IMG_0905.jpg

    respectivos parafusos...

    200628204651_IMG_0902.jpg

    ficaram assim....

    20062820487_IMG_0908.jpg

    200628204913_IMG_0907.jpg

    e do outro lado...

    200628205027_IMG_0910.jpg

    200628205141_IMG_0911.jpg

    ...está-se a compôr...
     

    Ficheiros Anexados:

  18. Após já não sei quantos dias sem fazer nada na carrinha, lá se colocaram os postigos, elevadores e vidros das portas da frente. Ficaram por fazer ainda algumas coisas, mas penso que não vai demorar muito para acabar....
    Ainda preciso do postigo traseiro do lado do condutor....ao que parece, vem também a caminho. Ficam aqui as fotos do estado actual em que a carrinha se encontra.
    Os pára-choques já estão corrigidos. Pelo menos já não têm as pancadas que ainda se viam quando vieram da pintura. Depois de tudo montado, volta para a oficina para que sejam dados alguns retoques....
    Não tirei fotografias do processo. Foi um erro, no entanto, se alguém precisar de retirar os elevadores dos vidros e não souber como, eu posso explicar por mail...ou in loco se fôr possível.

    algumas imagens dos pára-choques antes de uma nova pintura mas já sem as cacetadas e amolgadelas...

    200631623168_IMG_0943.jpg

    nesta imagem vêem-se os furos da bola do reboque...ainda espero que me dê muito jeito e por isso não os tapei...no entanto ainda ando a pensar numa outra alternativa para este sistema...mas para já fica assim...

    2006316231745_IMG_0944.jpg

    2006316231830_IMG_0945.jpg

    2006316231935_IMG_0954.jpg

    2006316232034_IMG_0957.jpg

    nesta imagem vêem-se os buracos que já existiam para as luzes de nevoeiro. Na realidade, eram mais uns segundos médios do que propriamente umas luzes de nevoeiro. Isto porque as minhas ópticas, que ainda são as originais, tinham o espelhado em muito mau estado e sendo assim, o meu pai pensou que para resolver o problema da péssima iluminação, o melhor era colocar mais um parzito de luzes...Tudo bem! Claro que já resolvi parte do problema: as ópticas estão como novas e já têm ambas um par de lampadas mais potentes...Obviamente, que não se comparam com as luzes de um carro moderno, mas penso que chegam. Quando andar com ela à noite, logo se verá.

    2006316232150_IMG_0952.jpg

    Aqui ficam algumas fotos das portas da frente quase prontas...

    2006316234538_IMG_0947.jpg

    2006316234634_IMG_0949.jpg

    2006316234726_IMG_0953.jpg

    2006316234826_IMG_0951.jpg

    No entanto, estas borrachas também sáo uma treta...talvez não tanto pelas borrachas em si, mas mais pelo sistema de embalamento ou de armazenagem...As minhas, principalmente a do lado direito estava toda torcida e deformada...não ficou perfeitamente encostada em alguns pontos. Acho que vou ter que a colar à chapa com cola de contacto. Não sei se alguém já teve este problema e se o resolveu de outra maneira....estou aberto a sugestões...

    2006316234924_IMG_0946.jpg

    200631623534_IMG_0948.jpg

    2006316235341_IMG_0955.jpg

    Os raspadarodes, principalmente os exteriores também são muito mal acabados...

    2006316235410_IMG_0950.jpg

    Bom, falta colocar esta parte...neste momento estou a tentar recuperar a borracha que estava aqui.

    2006316235540_IMG_0956.jpg

    .... e este é o postigo que vem a caminho...

    20063170237_joao-002.jpg

    para esta janela...

    20063170347_IMG_0942.jpg
     

    Ficheiros Anexados:

  19. Por acaso até tenho uma foto das borrachas todas que comprei na altura e vê-se como estavam embaladas...não eram sacos mas sim e apenas fita. Estavam bastante dobradas...e foi esse o problema. Na altura e por falta de experiência não reparei nas deformações...agora já é tarde...

    200631711746_borrachas.jpg

    200631711833_borrachas_zoom.jpg

    (nota:cuidado com as borrachas de fraca qualidade (brasileiras). São esponjosas por dentro e por fora, têm um acabamento aborrachado....as que montei nas portas (e que se vêem num post anterior, nem duraram um ano...e nem usei a carrinha :p)
     

    Ficheiros Anexados:

  20. Finalmente consegui arranjar umas hastes dos limpa-vidros iguais às originais mas em excelente estado....[:X][:X][:X]

    2006317124458_5c_1.jpg

    2006317124531_89_1.jpg

    200631712461_8d_1.jpg

    comparadas com as originais....

    2006317124042_wiper-arms_01.jpg

    200631712416_wiper-arms_02.jpg
     

    Ficheiros Anexados:

    Ana Pinha gostou disto.
Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página