Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Portalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

quanto vale

Tópico em 'O nosso hobby: Clássicos' iniciado por Telmo Ferreira, 3 Jan 2009.

Tópico em 'O nosso hobby: Clássicos' iniciado por Telmo Ferreira, 3 Jan 2009.

  1. Boas, caros apaixonados de clássicos.
    Tenho uma dúvida ao qual gostaria que me respondessem.
    O meu pai tem um AUSTIN MINI 850 deluxe de 1961. Ele está em muito mau estado. Gostaria de saber quanto pode valer este carro.
    Como é um carro que não se encontra todos os dias, e devido ao ano pode ser o mini mais antigo de Portugal, segundo o que me disse um especialista em clássicos.
    Acontece que temos a dúvida de gastar muito dinheiro num restauro (e gostava de saber quanto se gasta), se o vendemos nem que seja só pelo documentos.

    Obrigado

    Telmo Ferreira

    telmo22@sapo.pt
     
  2. Olá Telmo,

    antes de mais, definitivamente o mini do seu pai não é o mais antigo de Portugal. Ainda há alguns exemplares de 59, 60 e também de 61 por aí. Quanto ao seu valor, depende do seu estado de conservação (pelo que entendo, mau) e do seu estado de originalidade. Se for um carro muito adulterado e uma vez que está em mau estado, penso que valerá qualquer coisa entre os [250-600] euros. Se o estado for por exemplo a carroçaria muito podre, mas o material for de origem e der para aproveitar, pode então ir de um mínimo de cerca de 700/800 euros até um valor máximo que alguém esteja disposto a pagar por ele. Isto sem ver é complicado de definir, mas essencialmente deve ter em conta que é um carro do terceiro ano de produção, é algo raro, mas não é nenhum tesouro. O estado de conservação dita o preço final para além do valor dos documentos, seguindo-se o estado de originalidade.
    Quanto ao valor a gastar no restauro desse carro, depende também dos factores referidos. Até que ponto dá para aproveitar o material? Quem restaurar estará preocupado com a questão originalidade? Depois depende e muito da qualidade dos trabalhos... Facilmente se atingem os 10000 euros ou mais num restauro de um 850 de 59/60 ou mesmo 61. E o carro valerá esse valor se for para revender? Provavelmente não...

    Ricardo
     
  3. Se o carro estiver muito mau gasta muitas centenas de contos mais até do que imagina, isto para fazer um restauro como deve sêr, se for para por tudo como novo e tudo do bom nunca menos de 5000€ mas nunca se pode adintár números porque apareçe sempre mais umas coisas daqui e dali que nos leva montes de dinheiro.
     
  4. Viva Telmo!
    Nada como postar aqui umas fotos com bastantes pormenores do mini.
    De qualquer forma a minha convicção é q vale sempre a pena restaurar esse carro. A tendência é para valorizar bastante no futuro. Preserva ao máximo possível a originalidade do carro.
    Coragem!
     
  5. Ora vamos lá ver uma coisa: Na minha opinião e de acordo com a experiência que tenho de bate chapas e restaurador, um carro deve ser restaurado ATÉ CERTO PONTO! A partir de um certo ponto, vai para peças! Imagine que a ferrugem entrou nos pilares do carro e já têm buracos... O melhor é abandonar rapidamente o projecto antes das dores de cabeça começarem. Não é fácil restaurar um carro (falo de chapa, pois é onde tenho mais experiência), tapar buracos, fazer soldaduras alinhar e desempenar painéis, etc.! Deve procurar um carro no melhor estado possível, principalmente se não for voçê a fazer o trabalho! Se for entregar o carro nesse estado a um bate chapas profissional e com oficina montada e partindo do princípio que este aceita mexer-lhe no carro, prepare-se para soltar euros como nunca o fez na vida. A explicação deste facto é muito simples: o trabalho de restauro não é rentável a um profissional que tenha de manter a oficina e pagar a empregados!
    Em principio, não lhe devem pegar no carro e, mesmo que aceitem, vão pedir-lhe um balúrdio!
    O meu conselho é que tente arranjar uma coisa mais caseira, alguém que tenha gosto por fazer esses trabalhos e pedir carinhosamente se a pessoa o deixa fazer umas horitas para aprender... Isto pode reflectir-se em algum descontozito no preço final, mas, mais importante, na aquisição de conhecimentos, pois, quem não tem euros, tem de tentar fazer as coisas de outras formas!
    Boa sorte e bom trabalho!
    Abraço!
     
  6. um restauro tem muito que se diga.... falta sempre alguma coisa e aparece sempre um imprevisto...:huh:
    tenta arranjar uma pessoa que avalie bem o estado do teu carro!
     
  7. Telmo,

    Estou a restaurar um mini e já tive vários.
    Esse carro, actualmente, é capaz de valer €2.500. Restaurado, é carro para €5.000 a €8.000.

    Cumprimentos
     
  8. vale o quiseres dar...:huh:
     
  9. Nem mais.....;)
     
  10. O meu problema é que tenho também um ford capri I de 1970 1600 GT XLR, e um carocha 1300. E estou mais inclinado para restaurar estes 2 últimos porque se encontram em muito bom estado, e sem podres e completos. acho que vou vender os minis. além deste mini tenho outro mais recente para tirar peças e fazer só um. Se alguem estiver interessado que diga. Vendo ao melhor preço.

    Cumprimentos

    Telmo Ferreira
     
  11. Geralmente.. os "especialistas" de classicos, que nao vao a net, sao os que sabem menos... uma vez um "especialista" disse-me que so os documentos do meu 127 mk1 de 76 valiam alguns 600 contos! :)) :D
     
Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página