Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Portalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

Os nossos clássicos de sonho

Tópico em 'O nosso hobby: Clássicos' iniciado por Paulo Alexandre Henriques, 21 Mai 2008.

Tópico em 'O nosso hobby: Clássicos' iniciado por Paulo Alexandre Henriques, 21 Mai 2008.

  1. Boas.
    Abri este tópico para postarem aqui os vossos clássicos de sonho.
    Eu deixo aqui já o meu:D
    Pena não ser dono de nenhum:(-, mas não hei-de morrer sem ter um na minha garagem:feliz:

    FIAT DINO 2400 coupé
    Mesmo antes da famosa fabricante italiano carro esporte Ferrari passou a ser uma parte do conglomerado Fiat registou-se uma forte relação entre estas duas empresas. A Fiat Dino é um exemplo flagrante desta relação: um carro que beneficiaram tanto Ferrari Fiat e de formas diferentes.
    Na verdade o "Dino" nome foi concebido para se tornar um distinto marque para a prática de desporto automóvel equipado com motor V6 a pequena Ferrari e desenvolvido tanto pela Ferrari e da Fiat. Ferrari lugar em que a intenção-e de todas as Ferrari Modena produzido Dinos deixou a fábrica sem o cobiçado Ferrari crachás. A Fiat, por outro lado considerou que não podia fazer sem as vantagens da associação dos seus produtos com o rico património corrida Ferrari e, portanto, os Turim-produzido Dinos Fiat foram equipados com crachás. Isto resultou em duas linhas de Dino automóveis desportivos: os modelos GT produzido pela Ferrari e os modelos coupé e do spyder feita pela Fiat.

    A Fiat modelos foram consideravelmente mais baratos do que os seus equivalentes Ferrari, embora a qualificação "pobre homem da Ferrari" foi uma subavaliação que os carros não fizeram justiça. Em seu tempo a Fiat Dinos foram cerca de mais caro que um Mercedes 280 SL; razoavelmente acessíveis, mas bem acima do preço de uma classe média sedan. Actualmente, cerca de trinta anos depois, a Fiat Dinos são relativamente raros, mas amada por um seleto grupo de pessoas e lenta mas seguramente ficando mais popular como um clássico.
    Tanto o spyder e do coupé característica atraente styling notoriedade por designers e os carros partilham o mesmo puro motores com os seus homólogos Ferrari. Eles têm uma performance empolgante, um luxuoso interior e se divertir a conduzir; apenas o emblema Fiat parece colocar as pessoas para fora.


    ps. o texto tá cheio de erros pq foi traduzido no google.:(-

    http://www.youtube.com/watch?v=9hNSaSSaPJk&feature=related
     

    Ficheiros Anexados:

  2. Fixe

    Aqui está o meu clássico de sonho:

    Dodge Challenger

    O Challenger é um modelo desportivo de duas portas de tamanho médio da Dodge. A sua produção iniciou-se em 1970. Partilhando a sua plataforma (E-Body) com o Plymouth Barracuda o Dodge Challenger impressionou pela sua vasta gama de motorizações. A versão R/T (Road/Track) dispunha de motores, todos eles V8 desde o de 335cv, o de 375cv, com um carburador de quatro barreiras Magnum e o topo de gama 426 Hemi V8 de 425cv. A Dodge ainda construiu a versão T/A (Trans Am), a qual se vendia quase indêntica à que a Dodge competia no campeonato Trans Am.

    Em 1971 o Challenger foi restilizado, tendo também devido ás leis de emisão de gases, ter reduzido a sua potência. 1972 foi um mau ano para o Challenger, tendo a Dodge acabado com a versão descapotável e a R/T. A versão mais potente do Challenger oferecia agora uns modestos 240cv. Em substituição do R/T a Dodge lançou a versão Rally, com uns muito poucos 150cv.

    Em 1974 o Challenger desapareceu, deixando saudades por todos os entusiastas deste modelo da Dogde.

    Em 2006 a Dodge construiu um carro conceito denominado challenger Concept, que pretente trazer de volta o Challenger equipado de um motor Hemi V8 de 425cv.

    http://www.youtube.com/watch?v=N1WICosbX8k

    http://www.youtube.com/watch?v=yLVBz14f3yk

    Ver anexo 51566
     

    Ficheiros Anexados:

Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página