Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Todos os registos com zero comentários e sem visitas ao Portal nos últimos 12 meses serão removidos definitivamente da base de dados.
    Fechar Aviso
  3. Portalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

O Poço Da Morte Em Portugal

Tópico em 'História e Cultura' iniciado por João Duque, 23 Mai 2014.

Tópico em 'História e Cultura' iniciado por João Duque, 23 Mai 2014.

  1. João Duque

    Portalista

    Registo:
    21 Abr 2008
    Local:
    Lisboa
    Os olhos do ti Henrique, aliás, Henrique Amaral, 80 anos, brilham quando um a um os espectadores do último Poço da Morte em Portugal descem as escadas e formam uma pequena fila para o cumprimentar. Apesar de, bem ao lado, possuir um pavilhão de espelhos, o Risoterapia, só a adrenalina do fundo poço de madeira o faz vibrar: as acelerações em rodopio, as palmas enquanto gira como um pião enlouquecido e ergue a bandeira nacional de olhos vendados.

    Ver anexo 338628Ver anexo 338629Ver anexo 338630Ver anexo 338631Ver anexo 338632

    "Vou continuar enquanto tiver saúde", explica o "ti Henrique", em plena confusão das Feiras Novas, a grande romaria de fim de Verão em Ponte de Lima.
    Nas Feiras Novas, durante três dias, cruzam-se bandas filarmónicas, ranchos de folclore, concertinas, desgarradas, um mar de gente circulando, mal, pelas atracções, pelas tendas de comes e bebes, pelas centenas de barracas e roulottes de feirantes.
    Henrique, beirão de Mangualde, é um veterano e um pioneiro, que viu o seu primeiro poço na Feira de São Mateus, em Viseu, há muitos anos. "Eram italianos, eu tinha oito anos e nunca mais esqueci aquilo. Era o que eu queria".
    Mais tarde, surgiram os poços nacionais e Henrique começou a aprender e a exibir-se num deles, aos 18 anos.
    Ainda trabalhou numa esfera da morte, a mesma que mantém arrumada por não ter quem trabalhe nela e aos 40 mandou finalmente construir em São João da Madeira o seu poço.

    Na última década, para desgosto de Henrique, a atracção esteve semi-parada até que a SIC o descobriu e transmitiu uma reportagem em horário nobre. "Foi há três anos. O pessoal lembrou-se e começou a querer ver outra vez, muitos trazem os filhos que não conheciam isto".

    Encontrei o quarentão Poço da Morte de Henrique Amaral enfiado a um canto triste da feira.
    Por momentos, temi que nem viesse a funcionar. "Sim, trabalha", explicou um determinado Henrique, "à noite, só à noite".
    Quando por lá cheguei, atravessadas as luzes feéricas e tentadoras das grandes atracções modernas, jovens em cadeiras de cabelos para o ar, a gritar como possessos e a ser sugados no ar como marionetas, não vi ninguém. Junto à velha bilheteira, nem uma alma.

    Aos poucos, vindos não se sabe de onde, foram aparecendo aficionados acedendo ao chamamento de Henrique ao microfone:
    "Faça como São Tomé, venha ver para crer".
    Alguns, são nostálgicos dos velhos tempos, outros habitués. "Sempre que ele vem a Ponte de Lima, não perco um", confessa um homem, "só não trouxe o meu miúdo porque tem medo. O velho (Henrique do Amaral) é um espectáculo!"

    Afinal, subidas as escadas em madeira, Henrique e Carlos, o seu empregado e colega, acabam por exibir as ruidosas máquinas rodopiantes perante um povo caloroso, que não regateia aplausos. "Obrigado, muito obrigado!", agradece embevecido, no fundo do poço, o artista, o veterano, vestido com um fato laranja que o faz parecer um octogenário astronauta, 80 anos feitos em Fevereiro.

    Apesar da idade, da placa e dos parafusos numa perna, dos maldito ácido úrico e reumatismo, dos pedidos dos familiares, ninguém o consegue tirar dali.

    Muito menos agora que renovou toda a madeira e parafusos do Poço da Morte: "Está aí madeira para durar mais vinte anos. Se calhar", diz a rir, "eu é que não duro mais 20 anos". Apetece dizer: "Dura, então não dura!".
    Se depender do optimismo e fé na vida de Henrique, o último dos quatro poços da morte que existiam em Portugal eternizar-se-á, perdurará sempre, como um ícone, um último bastião do que eram e são as nossas feiras. Afinal, o que será das feiras portuguesas sem o seu poço da morte, "a loucura sobre rodas, o total desprezo pela vida"?

    in Café Portugal,
    http://www.cafeportugal.net/pages/dossier_artigo.aspx?id=2591

    http://www.youtube.com/watch?v=GlUsnJs5wKI

    http://youtu.be/Bsi8rZt8z60

    Qual o futuro destas acrobacias de moto em Portugal?! Provavelmente o esquecimentocool.png

    Fiquei curioso ao saber que o meu avô, fui a um espectáculo destes em Abrantes no ano de 1945,

    Ver anexo 338633

    Alguém aqui da "Velha Guarda" conheceu ou ouviu falar sobre esta jovem senhora?laugh.png

    Esta foto é de 1945 na feira popular de Lisboa,

    Ver anexo 338634

    O que é passado é passado, mas façam o favor não o esquecer!cool.png

    Ver anexo 338635Ver anexo 338636
     

    Ficheiros Anexados:

  2. João Luís Soares

    Staff Portalista Premium Delegado Regional

    Registo:
    24 Out 2007
    Local:
    Maia / Gaia
    Veículos nas Garagens:
    2
    Vi-o uma ou duas vezes quando era pequeno e há 3 anos (penso eu) na Automobilia de Aveiro.

    É de cortar a respiração!
     
    João Duque gostou disto.
  3. João P Silva

    João P Silva Portalista
    Portalista

    Registo:
    15 Set 2008
    Local:
    Matosinhos Porto, Portugal
    acho que fiquei enjoado de ver o vídeo.ph34r.png
     
    João Duque gostou disto.
  4. Eduardo Relvas

    Eduardo Relvas fiat124sport
    Portalista

    Registo:
    31 Jan 2007
    Local:
    Portalegre
    Um espectáculo fora de série, sem dúvida. Já tinha lido sobre isto em revistas, mas infelizmente ainda nunca vi nenhum ao vivo.

    João, aquela última foto deixou-me curioso. Não apenas tem um carro, mas também leva um passageiro fora do vulgar... sabes mais detalhes?

    Um abraço e obrigado pela partilha!
     
    Hugo_Fiat 242 e João Duque gostaram disto.
  5. Bruno ricardo silva

    Bruno ricardo silva Opel Manta A

    Registo:
    25 Set 2008
    Local:
    Alb-a-Velha
    Eu já tive a oportunidade de ver duas vezes, uma delas devia ter uns 10 anos e foi o meu pai que me levou, adorei já na altura.
    Tenho quase a certeza que foi este poço da morte, na feira de Março em Aveiro
     
    João Duque gostou disto.
  6. João Duque

    Portalista

    Registo:
    21 Abr 2008
    Local:
    Lisboa
    Podes ver aqui Eduardo,
    http://www.rippin-kitten.com/2013/07/19/beyond-the-lion-drome/

    http://www.youtube.com/watch?v=8LqFApyS6Is
     
    Eduardo Relvas e Hugo_Fiat 242 gostaram disto.
  7. Pedro Pereira Marques

    Portalista Premium Autor

    Registo:
    5 Jul 2010
    Local:
    Aqui e ali
    Que saudades da Feira Popular...
     
    João Duque gostou disto.
  8. Eduardo Relvas

    Eduardo Relvas fiat124sport
    Portalista

    Registo:
    31 Jan 2007
    Local:
    Portalegre
    Espectacular, obrigado! Estes tipos eram verdadeiramente destemidos...

    Podes crer... eu só lá fui em talvez meia dúzia de ocasiões, a maioria já durante os meus tempos de faculdade, mas era sempre divertido.
     
    João Duque gostou disto.
Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página