Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Portalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

Mobiltes

Tópico em 'Motos e Motorizadas' iniciado por Daniel J Ferreira, 11 Jul 2010.

Tópico em 'Motos e Motorizadas' iniciado por Daniel J Ferreira, 11 Jul 2010.

  1. Boas gostaria de saber se as mobilites percisao de documentos para circular livermente na via publica

    Sou um bocado lerdo neste aspecto e gostaria que alguem me ajuda-se


    Cumps
     
  2. Normalmente elas nao costumam ter documentos,porque a maioria veio de frança com os emigrantes portugueses,e muitos nao quiseram saber de as legalizar.Quanto ao poder andar livremente na via publica,nao ha problema ate se ser apanhado pela policia.
     
  3. haaa entao por outras palavras quer dizer que nao....
     
  4. Boas, a minha mobylette tem documentos!
     

  5. Sim, é verdade! Não é necessário documentos para velocipedes com motor auxiliar. Ainda assim eu tentei meter a papelada no IMTT para obter isso por escrito e consegui. Agora se for interceptado pelas autoridades a circular na Express tenho um documento do IMTT que justifica a ausencia de matricula, ou seja, estou legal!
     

  6. Boas, não tinha conhecimento disso!Eles fazem o que querem, nas minhas com pedais trataram-me da papelada toda!Já agora seria possivel me enviar uma cópia disso?tb tenho uma solex que não ando por medo!veio tb de frança pelo homem que me vendeu e nunca foi tratados os papeis!
     
  7. Claro que posso. Na boa! ;)

    Da-me um n.º de fax para onde posso enviar e eu amanha mando isso.
     
  8. acabei de enviar por pm!obrigado
     
  9. ok!
     
  10. Ola Rui. Será que me podes enviar uma digitalização do referido documento para o meu email? pedromhgvasco@iol.pt
    Obrigado
     
  11. Como não tenho onde digitalizar, aqui fica o texto que consta do oficio que recebi do IMTT:

    _____________________________________________________________________________________

    "No seguimento do pedido de "troca de matricula camarária" do veiculo mencionado em titulo, informa-se que pelo facto deste ser um "velocipede como motor auxiliar" ou seja movido a pedais e/ou motor auxiliar, não se enquadra no processo de troca de matricula camarária por matriculas de série geral que se aplicam a "ciclomotores".

    Mais se informa que o processo será arquivado e junto se devolve documento emitido pela Camara Municipal (...)"

    _____________________________________________________________________________________

    Ou seja, estes veiculos não necessita de documentos para circular na via publica à semelhança do que acontece com as bicicletas e também com as novas bicicletas electricas.

    Agora se ao circular com ela for interceptado pelas autoridades apresento este oficio. Aconselho a todos o que estão neste situação exporem a situação no IMTT da vossa região e tentarem obter algo do genero por escrito.
     
  12. Já agora, existe um topico sobre este assunto num outro forum que pode ajudar a complementar esta informação e a esclarecer mais as duvidas que se apresentam a todos neste momento de alteração da legislação:

    Sem capacete!!! - Fórum Motor Clássico
     
  13. Suponho que esse documento será útil a muita gente. Não será possível colocá-lo como anexo cá no fórum e quem necessitar descarrega?


     
  14. Este documento tem os dados da minha express e dados pessoais, sendo por isso obvio que não o disponibilizarei. Mesmo que quisesse não tenho como digitalizar e de qualquer forma não vos iria valer de nada.

    A parte que transcrevi serve apenas para vos alertar que realmente pode-se circular com velocipedes de motor auxiliar sem matricula do IMTT.

    Eu apenas insisti no IMTT de Évora para me porem isso por escrito com os dados da Express (para tentar evitar problemas com agentes da autoridade menos informados). No entanto não é obrigatorio nenhum documento (nem do IMTT, nem registo camarário), podem circular à vontade (por enquanto).
     
  15. Caro Rui,

    Se tem informações pessoais claro que não.
    De qualquer maneira vou informar-me ainda mais pois ainda não encontrei nenhuma alteração na lei que confirme tal notícia. Haverá alguém que saiba qual o DL que alterou.

    Não estou a duvidar das informações colocadas mas nestas coisas convém estarmos seguros.

     
  16. Tenho uma declaração que posso ceder embora não lhe vá servir de muito, pois diz respeito à Velosolex.

    O meu conselho é enviar um FAX para o IMTT com um pedido de esclarecimento que terá logo resposta.

    Atenção que, mesmo não sendo obrigatória a matrícula, o seguro é.
     
  17. é pa eu tenho uma peugeot 102 francesa e tem documentos...


    como fazem o seguro da mobilete sem documentos:oo:oo:oo
     
  18. Ola amigos.
    Esta questão das mobylettes e solex nao necessitarem de documentos também me levou a contactar o IMTT até porque a minha mobylette não tem documentos, e a resposta foi a seguinte:

    Exmo. Senhor,

    Sobre o pedido de informação relativo ao velocípede a pedais com motor auxiliar de combustão interna, refere-se que a legislação actualmente em vigor é omissa quanto à classificação deste tipo de “veículos”, pois os mesmos não se enquadram em qualquer definição de veículo constante do Código da Estrada (C.E.).

    De acordo com o disposto no n.º 2 do artigo 112.º do C.E., apenas o velocípede equipado com motor eléctrico é considerado um velocípede com motor. No caso em apreço, trata-se de um motor de combustão interna, pelo que não se enquadra no disposto na referida norma, nem em qualquer outra classificação de veículo prevista naquele código.

    Com efeito, atento o disposto nos artigos 107.º daquele Código, este tipo de “veículos” também não podem ser considerados ciclomotores, pelo que não se encontram sujeitos à atribuição de matrícula pelo IMTT, nem é necessário habilitação legal para a sua condução.

    No entanto, sempre se refere que o assunto se encontra em análise e que será equacionada a sua resolução numa eventual revisão ao C.E.


    Desta forma, o que me parece é que nao sao necessários porque nao consta na lei, mas tb nao diz que nao é necessário. Ou seja: isto é uma trapalhada em que o código da estrada nos meteu....
     
  19. Isto é mesmo uma trapalhada.
    Alguém sabe quando que isto foi alterado?
    É que tenho a matrícula nova desde Novembro/09 sem ninguém levantou qualquer dúvida. E além disso tenho no documento único a classificação de ciclomotor e mais ainda "2 lugares".(sentados claro)
    Agora vejam o veículo em questão.
     

    Ficheiros Anexados:

    JoaquimSilva gostou disto.
Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página