Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Portalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

Mini MK2 dúvidas na instalação eléctrica

Tópico em 'Ajuda no Restauro e Manutenção' iniciado por joão santos, 4 Jul 2010.

Tópico em 'Ajuda no Restauro e Manutenção' iniciado por joão santos, 4 Jul 2010.

  1. Boa noite,

    Acabei de restaurar de A Z um mini MK2 motor 850 de 1968 mas tenho uma dúvida. Veio da oficina de restauro com o negativo da bateria ligado á "massa" e o possitivo á corrente, o que me levanta algumas dúvidas se o carro não seria de possitivo á massa e o negativo á corrente uma vez que os ingleses são um bocado fihos do contrário. A minha dúvida acentuou-se mais quando verifiquei que os terminais da bateria em chumbo com aspecto de origem, o da corrente não entra bem e o da massa não aperta.

    Caso estejam ao contrário, haverá algum problema?

    Com os meus agradecimentos,
    João Santos
     
  2. Boa noite,

    como você disse e muito bem a massa é para estar ligada ao negativo da bateria e o positivo à corrente. Se forem ligados os cabos ao contrário o mais que pode acontecer é descarregar a sua bateria e o carro não funcionar!
     
  3. Cuidado, há muita coisa que pode avariar, inclusivamente o regulador de tensão que é uma peça cara e rara!!!
    Segundo o Manual Haynes, os Minis MkII de 1968 são de positivo à massa.
     
  4. A polaridade e reversivel e e possivel que a oficina que restaurou o vehiculo tenha feito essa modificacao_Os bornos da bateria sao de diametros diferentes ,sendo o positivo mais largo e o negativo mais estreito o que explica a falta o seu conector estar largo.Basta subestituir o cabo da massa por um pertencente ao modelo mini mais recente com massa negativa.
     
  5. Se os bornes não se conseguem fixar bem, dando a ideia que ficariam bem caso a bateria fosse montada ao contrário, é porque está perante um destes casos:

    - Bateria errada
    - Cabos errados
    - Conversão feita tentando aproveitar os mesmos cabos e a mesma bateria

    Como já referido pelo Rui, o borne positivo é maior que o da massa, bem como os encaixes nos cabos e não deixam grandes dúvidas de como devem ser montados. A conversão é bem simples (rodar bateria, trocar fios da bobine e excitar o dínamo) e não deve afectar nenhum do equipamento original do carro, já que este não é sensível à polaridade. No entanto, hoje em dia, aconselharia a deixar como está (certificando-me que os encaixes ficam sólidos - mudar cabo do negativo para um mais estreito), uma vez que aparelhos auxiliares modernos que eventualmente queira ligar no futuro, estarão configurados para negativo à massa. Se um dia quiser alterar a distribuição do carro para electrónica, também só o conseguirá fazer se tiver o negativo à massa. Outra vantagem será se um dia precisar de levar o carro a um electricista... poderá fazer menos confusão a quem mexa nele.

    Quanto a ser original ou não, de facto os carros ingleses eram, até à época do MK3, positivos à massa. No entanto, pelo que tenho ouvido relatar e que tenho observado em carros originais, muitos (todos???) dos montados cá em Portugal, CKDs portanto, eram negativo à massa.
     
  6. A grande Nobre ...numca me falhas! Posts instrutivos e com um grande nivel de accuracia.Alias...nao devia esperar menos.
     
Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página