Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Postalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

Matriculas Da Época Para Veículos Com Menos De 30 Anos

Tópico em 'Legislação' iniciado por Francisco Ribeiro Santos, 26 Mar 2012.

Tópico em 'Legislação' iniciado por Francisco Ribeiro Santos, 26 Mar 2012.

  1. Depois de ver alguns carros com menos de 30 anos (alias alguns com menos de 25) a alterarem matriculas para matriculas da epoca comecei a indagar sobre o assunto mas cheguei a um beco sem saída.

    De acordo com a informação dada no IMTT, é necessario a homologação do CPAA no entanto este organismo só certifica veículos com mais de 30 anos.

    Foi-me dito que o ACP Classicos também estaria em posição para certificar carros classicos ou com interesse historico no entanto e segundo palavras de um dos responsaveis por este departamento a certificação deles nao teria idoneidade junto do IMTT para a requisiçao de matriculas da época...

    Estou de novo na estaca zero... alguem consegue dizer por onde "ir"?
     
  2. Caro amigo,

    Segundo sei, qualquer carro que não tenha uma matrícula atribuída pelo ano de fabrico pode ser rematriculado de acordo com essa data, bastando que tal seja solicitado junto do IMTT. Preenche-se o formulário (referindo o pedido da matrícula de época), paga-se a taxa de emissão de nova matrícula (250€), e depois é aguardar resposta...

    O IMTT tem na sua base de dados imensas matrículas que podem ser reatribuídas a veículos que assim o solicitem, pelo que não há problema mesmo num carro mais recente.

    Para qualquer esclarecimento, é preferível contactar o IMTT directamente do que andar por delegações que muitas vezes mal sabem dos assuntos corriqueiros, quanto mais destas "esquisitices"... ;)

    Um abraço!
     
  3. É preciso ter em atenção que ao pedir a matricula de época, isso pode ser interpretado como uma nova matrícula e depois as finanças caem em cima com o IUC. Assim, um carro que não pagava IUC pode ficar a pagar. Cuidado...
     
  4. Boa tarde,

    Se ler o meu post verá que consultei o IMTT do Porto e que a informação relativa à obrigatoriedade de Certificacao por parte do CPAA foi dada lá e por escrito!

    No entanto, soube que outros IMTT serão mais flexiveis.
     
  5. Não necessariamente. O IUC (ou Imposto de Selo) é taxado com base na data da matriculação nacional, pelo que à partida se anteriormente o veículo já tinha registo nacional, é essa a data que deve contar, mas de qualquer maneira não custa nada confirmar...

    Um abraço!
     
  6. Eduardo, em teoria devia ser como dizes mas as coisas não se passam bem assim...tive há tempos um caso desses em mãos e não consegui uma resposta concreta do IMTT em relação à cobrança ou não de IUC. É uma mistura explosiva de indefinição de regras por parte do IMTT com o poder discricionário de um chefe de repartição de finanças...
    Ah...e uma vez iniciado o processo já não se pode voltar atrás...lindo!
     
  7. Dei recentemente com um tópico destes num fórum dos BMW E30, e um dos participantes deu conta de ter feito exactamente isso com o carro dele, que tinha sido importado, e confirma que não se altera coisa nenhuma. Continua a pagar o mesmo imposto de sempre.

    A lei diz claramente que os veículos são taxados pela data da primeira matrícula em Portugal... independentemente de quantas venham a ter. Parecia-me história ser de maneira diferente... o que por aí há é muita gente mal informada, mesmo os que deveriam dar as informações muitas vezes não as sabem para si, quanto mais para dar aos outros.

    O que já subiu foi o preço... pelos vistos são 300€ para o pedido, mas 60€ para emissão do novo documento único. Mas pronto, fica-se com uma chapa decente...

    Um abraço!
     
    Andre.Silva gostou disto.
  8. Eduardo, o que diz a lei é claro e tens toda a razão. O problema é que esta questão é uma questão de Finanças e não de circulação e logo do IMTT, pelo que, com a sanha de ir buscar dinheiro a todo o lado para tapar o buraco do orçamento, vai tudo a eito e depois se não pagas penhoram-te o carro, e vai-te queixar para o tribunal e talvez daqui a dez anos tenhas uma sentença.
    Acho mesmo que se deve ter muito cuidado com este processo.

    Acresce que, de acordo com a informação que me deram no ACP, nos cerca de seis meses que levarão a dar-te uma matrícula de época, não mpodes circular com o carro.
     
  9. Isto pode parecer uma pergunta parva mas... E não se pode pedir para ter a mesma matricula, mas com o "look" da época?? O meu bólido recebeu matricula PT em 94 apesar de ser de 86, no entanto eu já ficava contente com uma chapa de look mais retro... Alguém sabe se é possível fazer essa modificação?
     
  10. Apenas pedindo a matricula da época, mas depois vais pagar imposto como se fosse um carro novo...
     
  11. A matricula PT é de 86 se for ao inicio claro
    Sendo assim pode ser das pretas

    Cumps
     
  12. Só as matriculas com letras á direita podem ser pretas,todas as restantes terão obrigatoriamente de ser brancas e refletoras...a partir de 1998 terão de ter a data incluida na metricula.
    Rui Guedes,o teu carro até podia ser dos anos 20,se foi importado em 1994,tem obrigatóriamente de ter matriculas brancas.Para meteres matriculas de época,ou seja,matriculas pretas,terás de fazer o tal processo dos 300€ + 60 para o documento.
    cumprimentos
     
  13. Francisco...apenas uma correcção...

    Apenas as matriculas com as letras À ESQUERDA ou no inicio (e não à direita como disse) podem ser pretas! À esquerda significa primeiro o grupo alfabético e só depois os grupos numéricos!
     
    francisco rosa e Rafael S Marques gostaram disto.
  14. Só matriculas até 1991 (salvo erro) podem ser das antigas pretas com letras e numeros brancos.
    Quem altera para essas matriculas em carros mais recentes, corre o risco..
     
  15. Ooooopssss, foi mesmo um erro da minha parte...

    Atenção que ao andarem com uma matricula preta pós 1991, não só estão a meter-se em problemas, como têm de identificar qual foi a loja que a fabricou. Segundo li, embora a matricula tenha os mesmos algarismos e letras, é considerada uma falsificação e é punível como tal.Tenham cuidadowink.png
     

    Ficheiros Anexados:

    Ricardo Neves gostou disto.
  16. Eu pedir uma matricula de época por 360€??? numca na vida, não valoriza nada!, de qualquer das formas, matricula de época ou não fica inestética.
     
  17. E só a titulo de curiosidade para aqueles que acham que "não há crise" em alterar as matriculas...

    Diz o código da estrada que a autuação para estas situações "é só" de 120 euros, que pode ir até 600!!biggrin.png

    Acho que não vale o risco!
     

    Ficheiros Anexados:

Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página