Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Portalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

Legalização de um carro importado em estado de restauro.

Tópico em 'Legislação' iniciado por Hugo D Oliveira, 12 Jan 2007.

Tópico em 'Legislação' iniciado por Hugo D Oliveira, 12 Jan 2007.

  1. Peço a vossa ajuda no seguinte.
    Acabei de comprar um Triumph Tr3 de 1960 em estado de restauro. O carro não trabalha, faltando algumas peças.
    Posso ou devo legalizá-lo já?
    Quais são as medidas que devo tomar de imediato?

    Agradecia a quem me pudesse dar uma ajuda...
     
  2. Penso, e reforço a palavra penso, que o tens de recuperar primeiro. O principal motivo é a IPO.
    Depois, com a máquina em condições podes pedir uma matricula da época. Não sei se em estado de restauro a podes obter visto que o pedido é feito com base em "Interesse Histórico".

    Corrijam-me se estiver enganado.
     
  3. tecnicamente deverias legalizar até 4 dias depois de importar mas como se o carro não pode fazer a inspeção? e tens de fazer duas.
    Restaura esse fabuloso carro e não te preocupes
    manda fotos estou muito curioso e como sebem adoro esses carros ingleses ... descapotaveis ..... lindos ...... ....... ......
     
  4. Obrigada pela ajuda.

    Já tentei inúmeros contactos ao ACP e APAA e ninguém me soube responder concretamente.
    Parece que sou o único que quer legalizar, caso seja possível, um carro ainda "feito em latas".
    Vou tentar contactar directamente a Alfandega da minha zona de residência para ver qual a informação que consigo obter.
    Porque certezas ainda não as tenho, e não quero que daqui a uns anos me apreendam o carro.

    Caso conheçam alguém que legalizou um carro em "lata" importado dos estados unidos, debitem essa informação....

    Agradecido.
     

  5. Importei um carro a um ano, restaurei-o para ter condiçoes de aprovação com veiculo de interesse nacional pelo CPAA( ou seja só o aprovam para matricula antiga se tiver todo original--atençao que são peritos..) mas antes meti os papeis para alfandega atraves de uma agencia, tens que dar tempo porque a alfandega está mto atrazada.
    fui inspecionado pelo CPAA, e quase em simultaneo foi vistoriado pela Alfandega em Aveiro, já sei qual a matricula (não oficial) mas ainda não tenho os papeis passados pela DGV, para ir á inspeção IPO, e para poder cicular.. mto complicado ..já lá vao 8 meses...
    se precisares de mais ajuda telefona-me estou em Agueda..919280925
    alfredo
     
  6. Obrigada pela ajuda, caro Alfredo.

    Sabes dizer-me quais foram os papéis necessários para a alfandega?

    Eles deram-te algum prazo de tempo para restaurares o carro?
     
  7. Caro Hugo Oliveira,

    Relativamente ao seu TR3 (eu também tenho um de 1956) parabéns.
    Sobre a legalização, é obrigatório apresentar à Alfândega os documentos para dar início à legalização DENTRO de 4 DIAS UTÉIS após a chegada do veículo.
    Também recorri a uma Agência, mas creio que a Alfândega pretende uma factura da compra do carro, documento de transferência do carro onde conste as suas características, fotos do carro e documento comprovativo do transporte (CMR).
    Simultaneamente, pode logo iniciar o processo com a DGV ou quem a venha a substituir.
    Terá que ter um impresso 1402 da DGV preenchido e com a chancela do CPAA.
    Caso o carro não esteja em condições de circular a Alfândega dá um prazo de creio 3 x 6 meses até o carro ser presente tanto ao CPAA como à inspecção na DGV.
    Logo que tenha o "visto" do CPAA onde deve constar que pretende matrícula da época e a vistoria aprovada pela DGV, deve entregar esses documentos na Alfândega que já deve então ter recebido da DGV a matrícula atribuída.
    A Alfândega emitirá então um documento com a libertação alfandegária do carro.
    Este documento junta-se aos emitidos pela DGV, onde devem referir que a matrícula atribuída foi já abatida a um carro anterior. Devem então ser presentes à entidade que emite o Documento Único.
    Mesmo com um carro a circular a minha experiência é que vai decorrer quase um ano antes de ter o Documento Único na mão.
    Atenção, que como o carro veio dos EUA terá que pagar uma taxa de 10% sobre o preço da factura e transporte (se foi pago lá) e a esse valor aplicam a taxa de IVA a 21%.
    Existem maneira de contornar isto, mas antes do carro ser enviado para Portugal...
    Espero ter ajudado à confusão da nossa burocracia.
    Cumprimentos,

    Alberto Cruz
     
  8. Amigo Hugo,
    Confirmo a descrição do processo, muito bem feita pelo amigo Alberto.
    Acabo de finalizar uma importação da UE que demorou 14 meses.
    A sequência e custos são:
    Alfandega: 0€
    DGV: 110€+33€ Certif. de matricula
    ITV-B: 66€
    CPAA: 150€
    Ter muito cuidado com a Alfandega e com a agência.
    A Alfandega (da área da sua residência) exige TUDO e documentos originais. É a batalha mais dura. Cuidado com os prazos porque pode ficar com a máquina apreendida.
    No caso da agência, se não for um bom profissional (há poucas em Portugal), em vez de 1 ano o processo prolonga-se com o risco de apreensão acima indicado.
    No meu caso iniciei com uma agência credenciada na DGV e acabei por fazer tudo eu próprio.
    Caso necessite de mais informação disponha.
    RS
     
  9. Quero aqui agradecer a todos os que me têm ajudado a esclarecer as minhas dúvidas, em particular ao Alberto Cruz e ao Rogério Simões pela precisão das suas informações.

    Já agora, como sou eu que vou proceder ao restauro do carro, sabem se a alfândega procede a um aumento do prazo de restauro ,para além dos 18 meses, caso o carro ainda não apresente as condições necessárias para ser presente tanto ao CPAA como à inspecção na DGV?
     
  10. Amigo Hugo,
    Sei que na Alfandega de Peniche existem processos de clássicos com 2 anos e mais, portanto a resposta à sua pergunta seria sim. Mas como estamos em Portugal e por vezes são as pessoas que fazem os regulamentos, sugiro que contacte (tel.) a sua Alfandega ou melhor a Direcção Geral das Alfandegas (ver na net) para obter a informação correspondente ao seu caso. Não esqueça de apontar o nome do funcionário/data e hora.
    Cumpts.
     
  11. Ola amigos estou contentissimo por ter achado este forum.... bem preciso de alguma ajuda e informaçao, acabei de adquirir um fabuloso ford mustang shelby gt 500. americano, de momento ja se encontra na europa e devera ser-me entregue nos proximos dias, agra nao estou a par do processo de legalizaçao a que vou ter que submeter este carro, visto que é importado de fora da europa. USA, Abraços.
     
  12. se precisas de ajuda o mais indicado e consultar o nosso clube triumph la poderas saber toda a informaçao e ate comprar peças directamente de inglaterra mais em conta para reconstruires a tua maquina
     
  13. Olá


    O que é que se irá passar, relativamente ao pagamento de Imposto Automóvel sobre os carros antigos, pois segundo me consta, o Governo está para aprovar o cancelamento dos abatimentos e da isenção na importação de veículos da UE, a partir de Julho próximo.

    No caso dos Clássicos, um veículo com mais de 30 anos e certificado pelo CPAA ficaria isento de IA, mas segundo a nova lei isso acabará.

    Há alguém que tenha mais alguns pormenores?
    Abraço
     
  14. Boa sorte para todo o processo e mostra a máquina ao povo:huh:
     
  15. Assim como assim coloco a minha questão: se não existir alfandega a interferir? Ora bem, eu pretendia importar um clássico proveniente da alemanha. Está todo recuperado logo original. Os passos deverãos ser os mesmos? E os custos? Alguém me sabe dizer isso? É que é um dos meus "pequeninos" sonhos...

    Desde já obrigado pela ajuda.
     
  16. este processo todo que por vezes se torna complicado é so para o caso de querermos uma matricula da epoca?
     
  17. Não, a atribuição da matrícula da época e efectuada pela DGV e nada tem a ver com a isenção do IA que depende da vistoria do CPAA: veículo com interesse histórico ou não.
    Quem não fizer o pedido da matícula da época fica com uma matrícula recente.
    Cumps.
    RS
     
  18. Boas,

    Desculpem desenterrar este tópico,mas como está actualmente a situação da importação de clássicos, eu tenho uma mini pickup, importada de inglaterra, mas está em fase de restauro com muito trabalho por fazer, não prevejo te-la a andar antes de 6 meses, e agora?

    Além disso não sei se terei interesse em aprovação do cpaa visto terem dito que eles são peritos e muito "picuinhas" com o estado original do carro, e muito dificilmente conseguirei colocar a mesma com tudo original.

    Alguém me pode ajudar?
     
  19. Boas Tardes

    O meu carro tb esta a ser restaurado, e vem de Londres tenho desde 2005 e o carro ja ta a 2 anos a ser restaurado. gostava de saber depois de pronto quanto tempo depois e que posso andar com o carro nas ruas sem ter stress?

    Muito obrigado
     
  20. Boas meus amigos eu estou na Alemanha e tenho um BMW E30 320i de 1989 e queria o legalizar em Portugal mas não sei qual o valor de CO2.
    Alguém me pode esclarecer?

    Desde já obrigado
     
Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página