Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Portalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

Gasolina para motores alta compressão

Tópico em 'Mecânica' iniciado por Hugo Barbedo, 9 Set 2011.

Tópico em 'Mecânica' iniciado por Hugo Barbedo, 9 Set 2011.

  1. Tenho ouvido e lido várias coisas sobre os danos que pode sofrer o motor quando sujeito a gasolinas de baixa octanagem e sem chumbo (detonação, pré-ignição, e danos nas válvulas) e ando a ficar um pouco (muito) preocupado...

    o meu motor aquece muito, tem uma elevada taxa de compressão e a cabeça é de ferro fundido com válvulas grandes, tudo factores que supostamente agravam a situação....

    que gasolina/aditivos recomendam usar nestes casos??

    já me disseram que a gasolina 98 se metida numa bomba com pouco movimento pode evaporar certos compostos voláteis e ficar com menos octanagem do que a 95....e quando a 98 acabar( que deve estar para breve)?
     
  2. Boa noite Hugo,

    tenho um Volvo PV544 de 1960 que consome gasolina 98 COM chumbo, pois também tem as cabeça de ferro e uma elevada taxa de compressão. Visto que as gasolinas são todas sem chumbo hoje em dia, eu encho o depósito de 98 s/ chumbo e coloco-lhe um substituente de chumbo. No meu caso, compro o que encontrei e que me tenho dado bem, da Redex, uma embalagem vermelha que diz mesmo substituinte de chumbo, que dá para uns 4 ou 5 depósitos cada, dependendo da quantidade. Encontro o produto na Norauto de Alfragide por 5€, deduzindo que se encontre também noutros locais.
    Agora, quando a 98 acabar...lá com certeza se arranjará uma solução....algo que aumente a "octanagem" da 95 ou assim, só os experts podem dizer.
     
  3. Hugo, que taxa de compressão tem o motor?

    Normalmente, acima de 11:1 já tem de ser uma boa gasolina 98. Acima disso, já começa a ser mais chato, daí os motores de estrada não ser conveniente terem compressão acima disso, pois só irá deteriorar o motor aos poucos.

    A liqui molly tem bons produtos, dá uma vista de olhos.
     

  4. ??? "e quando a 98 acabar( que deve estar para breve)? "???
     
  5. Hugo,

    Podes ter simplesmente um problema de falta de capacidade do circuito de arrefecimento. Dizes que o teu motor tem algumas alterações, mas fizeste alguma ao circuito? O radiador, está em plenas funções, ou está "assim-assim"? Muitas vezes o maior débito de um motor traz consigo uma maior dissipação de calor, que tem de ser acompanhado de um arrefecimento mais eficaz.

    Quanto à questão primária, até perto dos 10:1 pode-se usar sem chumbo 95 normal. Daí em diante convém a 98, e pra cima dos 11 já é melhor nem tentar nada abaixo das 100 octanas. Dá aqui uma leitura, o artigo já tem uns anitos mas ainda é perfeitamente válido: Gasolinas modernas e clássicos.

    Quanto ao fim da 98, não me parece que assim seja, ela continua a ter mercado, embora pouco. E embora seja volátil, essa volatilidade é controlada através de aditivos regulados sazonalmente para lidar com a temperatura ambiente, além de que os depósitos dos postos são subterrâneos exactamente também para anular qualquer vulnerabilidade desse género.

    Um abraço!
     
Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página