Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Portalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

Escort HC-GT não quer pegar...

Tópico em 'Mecânica' iniciado por Alexandre Vaz, 6 Jul 2008.

Tópico em 'Mecânica' iniciado por Alexandre Vaz, 6 Jul 2008.

  1. Boa noite a todos.

    Venho mais uma vez pedir ajuda á malta do forum para resolver um problema... Sei que há por aqui muita gente que percebe de mecânica, outros que dão uns toques, ou outros que possam ter passado pelo mesmo que está a acontecer comigo.

    Então é o seguinte, comprei recentemente um motor de um escort 1300 HC-GT e foi-me dito que já não trabalhava há cerca de dois anos. Não estava colado.

    Quando cheguei a casa tentei pô-lo a trabalhar, mas em vão... Muitas horas perdidas e nada.

    O ponto de situação é o seguinte: Chega corrente a todas as velas, chega gasolina aos cilindros, o motor de arranque está bom, mas o carro não pega. Uma coisa que reparei é que o motor não roda com a velocidade que devia, parece que está preso. Tanto com o motor de arranque como a rodar á mão sente-se muito preso. (Este conjunto bateria+motor de arranque põe a trabalhar um outro crossflow sem problema). Outra coisa que achei estranho foi que ao tirar as velas, o motor roda com uma velocidade impressionante. Estava á espera que rodasse com mais velocidade por não ter compressão devido á falta das velas, mas não tanto...

    A única coisa que me lembrei e ainda não experimentei é tirar o colector de escape pois pode estar bloqueado...

    Será que alguém tem mais ideias? Pode ser alguma coisa no bloco, a nível de cambota ou bielas? Agradeço a ajuda de todos!
     
  2. Verifica a folga dos platinados e se o motor esta a ponto...
     
  3. Se chega faisca ás velas e gasolina também (verifica se a humidade nas velas nao é oleo), tem que trabalhar a partir do momento que tenha compressão e as faiscas saltem no momento certo.

    Verifica o ponto do motor. A folga deve estar suficientemente correcta para saltar faiscas nas velas, mas verifica tambem a qualidade dos contactos dos platinados (oxidaçao)...

    Pelo que me dizes deve ter compressão suficiente para rodar facilmentre sem as velas...

    Sempre que tentares por a trabalhar, utiliza velas secas pois se estiverem humidas ou queimadas (destemperadas) nao vale a pena tentar..

    Outra coisa que pode estar a acontecer é falta de admissão. Se estiveres a tentar por o motor a trabalhar fora do carro, não te esqueças de tapar o furos do tubo de vacuo do servofreio pois a admissao nao é suficiente para levar a mistura para os cilindros...

    Depois diz o resultado...

    Abraço,
    R
     
  4. Obrigado pelas dicas, vou tentar...

    O que me faz confusão é a diferença de velocidade com que o motor de arranque faz rodar o motor com e sem velas... Penso que a diferença não pode ser só a compressão, mas com as velas o motor roda mesmo muito devagar, nitidamente insuficiente para pegar.
     
  5. Já agora alguém me diz como por o motor a ponto?
     
  6. Se o motor está mesmo muito lento a rodar, pode estar muito avançada a ignição. Verifica também se não estão descomandados os cabos de velas (ordem de inflamação).

    Para verificar o ponto do motor, aproximadamente, tira a tampa do distribuidor e roda o motor até a marca principal da polie da cambota estar alinhada com a marca do bloco e o rotor do distribuidor estar apontado para o cablo da vela numero 1. Depois liga uma lampada á corrente e ao platinado (fio que vai do distrubuidor para a bobine) e roda o distribuidor ligeiramente (no sentido contrário ao da rotação) até acender a luz.

    Espero que tenhas entendido, mas o ponto exacto é verificado com pistola.

    Abraço,
    R
     
  7. Os cabos das velas já estiveram trocados, penso que foi por isso que deitou uma labareda pelo carburador...

    Mas agora já estão correctos. Vou tentar as ideias que me deram, depois digo alguma coisa.

    Outra coisa que notei, é que ao rodar a cambota com uma chave inglesa na porca da polie, o motor rodava a muito custa e fazia um pequeno ruido de chiar. Isso será normal? É sintoma de alguma coisa?

    Obrigado a todos!
     
  8. Olá,

    Em 1º lugar tens que medir a compressão do motor.Pede um aparelho emprestado, informa-te da taxa de compressão e verifica se tens o mesmo valor nos 4 cilindros.

    2º Motores parados muito tempo , normalmente têm os segmentos colados. Pode eventualmente pegar, mas podes ter que abrir o motor.

    3º Se mexeres no ponto, faz umas marcas para saberes onde estava inicialmente.Em principio, estava já no ponto.

    4º De certeza que os cabos das velas estão bem?

    5º folga do platinado.

    6º Boa faísca?

    Abraço
     
  9. Obrigado a todos pelas sugestões, mas o problema era mais grave do que pensei... Como o motor não rodava o sufuciente para pegar no banco de ensaio, a solução foi montá-lo no carro e por a trabalhar de empurrão com outro carro a puxar. Não demorou muito a pegar, mas deixou logo á mostra o problema. Uma batida de biela...
    Enfim, é o que dá comprar coisas em anuncios que dizem "a trabalhar", mas não o ver a trabalhar logo no local. Agora precisava da ajuda de todos, em especial dos mais conhecedores dos motores crossflow, pois tenho um motor 1300 normal e vou tentar desse dois refazer um GT...

    Dêem o vosso cuntributo aqui, pois toda a ajuda é importante e bem-vinda:
    http://www.portalclassicos.com/forum/showthread.php?t=10460
     
Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página