Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Postalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

Clica e baba-te... :-)

Tópico em 'O nosso hobby: Clássicos' iniciado por Francisco Lemos Ferreira, 20 Nov 2007.

Tópico em 'O nosso hobby: Clássicos' iniciado por Francisco Lemos Ferreira, 20 Nov 2007.

  1. Ferrari 375 América de 1955...:oo 12 cilindros em V...:D 4522 c.c. B)...:D Pininfarina...
     

    Ficheiros Anexados:

  2. FERRARI????!!? Cada vez conheço menos....Isto é só experts :D:D:D

    Eu diria que tinha qualquer coisa a ver com Jaguar... mas quem não sabe é melhor estar calado...:D

    Não conhecia este Ferrari.
     
  3. Não é assim tão invulgar que o desconheça, amigo Hugo, porque este exemplar é único, foi carroçado especialmente para o Commendatore Agnelli (o patrão da Fiat)...

    Foi restaurado recentemente, o que é pena a meu ver, porque ainda nunca tinha sido mexido a fundo e estava de origem, com a tinta a começar a descascar, mas com uma patine espectacular.

    Um abraço!
     
  4. Pois, costumava aparecer no encontros Ferrari com a tinta praticamente toda descascada:D:D. O que não devia de ser muito agradável para os outros proprietários de Ferraris:D:D
     
  5. Giovanni Agnelli (1921–2003)
     

    Ficheiros Anexados:

  6. Olha que não és o único. ;)

    Começo a pensar que afinal pensava que conhecia muitos clássicos, mas são mais aqueles que não conheço do que aqueles que conheço,....o_O perceberam o que eu escrevi??? :oo
    Esta cena dos clássicos está a por-me meio maluco :rolleyes
     
  7. :D:D:D:D:D
     
  8. Eu cá adorava fazer isso mesmo... ir a largar flocos de tinta pra cima das rainhas de garagem... :D

    Já agora aproveito para meter outra entrelinha na história deste carro, consta que o Sr. Agnelli se livrou dele por ser facilmente reconhecível, algo que não deu jeito nenhum quando foi apanhado com uma "amiga"... :D

    Amigo Francisco, é preciso é ter calma... eu faz alguns anos também só conhecia os "suspeitos do costume", mas com uma colecção de revistas da especialidade (na maioria inglesas, admita-se) que já faz arquear as prateleiras, começo a já conseguir topar alguns "especiais de corrida"... :D

    Além disso, ajuda ter uma predilecção por clássicos pouco vulgares...

    Um abraço!
     
  9. Ficheiros Anexados:

  10. Parabéns a este pessoal que se dedica a isto a sério... Não conheço muito, mas também ainda só tenho um quarto de século. Dêem-me tempo :D:D
     
  11. Espectacular! Digno de um Villa d'Este!
    Italiana subintenda-se e não de V.N. de Gaia!
     
  12. babei-me sobretudo com aquela frente...:D
     
  13. eu diria o mesmo!
     
  14. 1955 Ferrari 375 America Pininfarina Speciale tem um "pequeno motor" ...:DLampredi V12 Frontal;Aspiração Natural, SOHC de 2 válvulas por cilindro, triplo carburador Weber DCZ, 4961 cc, potência 246.1 kw / 330 cv @ 6500 rpm , 66,52 cv por litro torque 433.86 nm / 320 ft lbs @ 4500 rpm , redline ás 6500 rotaçoes por minuto, carroceria em alumínio, travões de disco de competição, RWD , dupla suspensão Wishbones w/Coip Springs, Anti-Roll Bar, 1361 Kg, 4 velocidades manuais com a velocidade máxima de 241,4 km/h....EH Eh Eh :D chega? :D
     
  15. Um delírio do Sr. Pininfarina...aqueles vidros laterais projectados para a frente são qq coisa...!
     
  16. quero um babete...
    parabens pela dedicaçao
     
  17. Francisco,

    Isso de pequeno não tem nada... :D o Lampredi foi quem desenhou os maiores motores da Ferrari, o Colombo gostava deles em tamanhos mais reduzidos!

    Aliás, a grande queixa que o Commendatore fazia aos motores do Lampredi era exactamente que eram tão potentes que desfaziam o resto do trem mecânico... :D e quando ele readmitiu o Colombo em 1955, o Lampredi demitiu-se e foi para a Fiat (e fez ele muito bem, foi desenhar o twin-cam do meu Spider!:p).

    Além disso, o Lampredi fez muitíssimas experiências com motores de outras configurações, recorde-se os 4 cilindros do 500 (2000 cc) ou o 750 (3000 cc), bem como outros em que se experimentaram 6 cilindros em linha. Houve ainda outros layouts, muitos dos quais nunca chegaram a correr. Os modelos de 4 cilindros foram muito bem sucedidos em competição, diga-se de passagem... Eram performantes, leves, simples e robustos. Mas o chefe só queria V12...

    Um abraço!
     
Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página