Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Postalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

Avião Douglas Dc-3 Ainda No Ativo

Tópico em 'O nosso hobby: Clássicos' iniciado por Daniel Melo, 16 Dez 2013.

Tópico em 'O nosso hobby: Clássicos' iniciado por Daniel Melo, 16 Dez 2013.

  1. Pela segunda vez, neste ano de 2013, aterrou no aeroporto de Ponta Delgada (PDL), um DC3, da Força Aérea da Mauritânia. Este aparelho fez parte da Frota da SATA entre a decada de 1950 até 1975 no transporte de passageiros inter-ilhas.
    Este avião foi utilizado pela força aérea portuguesa durante varias decadas.
    Operaram em missões de carga e transporte de passageiros. Durante a Guerra do Ultramar nas três frentes executaram missões de reconhecimento aéreo, lançamento de pára-quedistas, transporte de feridos, busca e salvamento e até de bombardeamento na Guiné-Bissau.
    Com o fim da Guerra do Ultramar foram abatidos ao serviço. Muitos deles foram oferecidos aos novos países africanos, antigas colónias portuguesas.
    O que é curioso é que um verdadeiro classico, continua ao serviço oficial da força aérea daquele país africano.Ver anexo 327816
     

    Ficheiros Anexados:

  2. Uauohmy.pngohmy.png Com esse bateste me a milhas do que captei cáohmy.pngohmy.png . Esse é mesmo um verdadeiro clássico . É bom saber que ainda andam maquinas destas no ar e há quem as preserve . Na América e Canada são muito usados como aviões de carga, pois alem de fiáveis , precisam de pouca pista para levantar .
    Eu captei um Ex-Tap que voltou a pisar solo Madeirense 22 anos depois de ter sido vendido . Foi uma boa captura , pois finalmente estive ao pé de um dos meus aviões favoritoslaugh.png .
    [​IMG]


    [​IMG]

    Obrigado pela partilha Daniellaugh.png
     

    Ficheiros Anexados:

  3. Lindo!

    Esse DC-3 parece quase de brincar em relação ao tamanho da pista. Mesmo assim adorava rever uma coisa dessas a voar!

    Carlos, esse 727 é avião do governo do Burkina Faso? Os gajos foram espertos e compraram um já com as cores certas...laugh.png
     
  4. Sem dúvida, 2 grandes clássicos!
     
  5. Dia 17 Dez.2013 as 08H00. O DC3 da Força Aérea da Mauritania a descolar de Ponta Delgada (PDL). Os motores que está a usar foram aplicados. São bem mais pequenos e muito menos ruidosos do que os originais Douglas. De acordo com as informação recebida este aparelho deve ter ido a fabrica fazer manutenção. Veio de St. Jones no Canada direto a Ponta Delgada e partiu daqui para a Nouakchott, Capital da Mauritânia.
    Vou estar atento a outros eventos do genero..
     

    Ficheiros Anexados:

  6. É um caso de restomodding aplicado aos aviões!laugh.png

    É interessante ver estas máquinas ainda no activo, mesmo que tenham deixado de ser totalmente originais, pois ainda retêm muito do seu charme.

    Obrigado pela partilha!

    Um abraço!
     
    ricardo silva neves e nuno granja gostaram disto.
  7. Daniel,

    Obrigado pela partilha.

    Gosto de aviões emborar saiba pouca coisa sobre a matéria. No entanto o DC-3 é uma avião do qual gosto muito e creio sera uma espécie de vw type 1 (carocha) do ar (+). Para além de ser bonito (na minha opinião) desde há mais de 60 anos, serviu e ainda serve em todo o mundo. É Obra!

    Um destes dias estava a ver na National Geografic um documentário sobre as missões cientificas alemas no Polo Norte onte este pais tem uma estação toda XPTO e tal.
    Qual não é o meu espanto quando ao fundo vejo um DC-3 impec e reluzente. Investiguei um pouco e ai estão as fotos...

    DC3-3_zps1669ced8.jpg

    DC3-2_zps43d3b709.jpg

    Não deve ser por falta de budget que a Alemanha utiliza esta aviões neste cenários extremos. Imagino que quer pela ausência de eletrónica e outras modernices, quer pelas qualidades como avião, façam do DC-3 a ferramenta certa

    Ainda encontrei outros exemplos


    DC3-4_zps5135fab0.jpg


    Parece que os reconstroem com motores mais recentes e toca a trabalhar no duro.



    (*) Os aficionados de Minis, 4L 2cv e outras viaturas populares não me levem a mal mas só o VW Type 1 (com todos so seus defeitos) foi vendido aos milhões durante mais de 60 anos da Suécia à Australia, passando pela europa, africa, américa do sul e do norte. Só na ásia não teve um sucesso estrondoso.


    nuno granja
     
  8.  
  9. Daniel, por acaso tem algum video desse DC3 a levantar vôo ? Se tivesse era um mustlaugh.png , Eu tenho um do 727 a levantar vôo , incrivel o som e o cheiro que deita ( sem catalisadorlaugh.pnglaugh.png ).
     
    Rafael S Marques gostou disto.
  10. Perdoem-me...
    mas é bem mais interessante que os nossos Falcon que passam a vida no estaleiro (agora penso que nem voam).
    Além disso Burkina Faso parece-me bem, sei lá.
    by the awy, onde para o avião do Mobuto Sesseko que esteve anos aparcado em Lisboa?
     

    Ficheiros Anexados:

  11. Foi desmantelado e uma grande parte deve ter sido reciclada.

    A frente está no Museu do Ar, em Sintra.
    Aquele mesmo avião tinha sido da TAP antes de ser vendido ao Zaire. Por isso, a FAP restaurou a parte da frente e pintou-o de um lado com as antigas cores da TAP e do outro com as da FAP.
     
  12. Gosto de aviões, principalmente os clássicos da 2ª Grande Guerra, não sou nenhum expert, mas conheço bem alguns e gosto.
    Só por uma vez tive o gosto de ver um avião dessa altura a voar, e mesmo assim, não foi um "clássico" dos conhecidos, foi em Évora em 2009, era um Hawker Sea Fury, avião já do fim da Guerra, e tinha ido com um amigo a Évora de propósito porque no programa estava a exibição de um P-51D Mustang!
    Que sonho! Ia ver um ao vivo e a voar!!!
    Mas segundo a organização o mesmo ficou retido em Espanha por causa do mau tempo.
    Desolação, claro!
    Mas esse Hawker Sea Fury não deixa de ser um avião engraçado e impressionante.

    http://www.youtube.com/watch?v=VahPS3X9OxY

    Isto para dizer que nunca vi nenhum DC3 a voar, nem nesta versão (a militar é o C-47 Dakota), nem nenhum civil, só me lembro de ver um na base aérea de Sintra, mas estático.

    Resumindo: inveja!

    :)
     
  13. Nuno, Obrigado pelos anexos que adicionou. Com estes pode-se concluir o que me parecia, estes aparelhos estão a voar com motores mais pequenos e menos ruidosos. Os originais eram bem maiores e ruidosos.

    Carlos; Fui traìdo pela tecnologia....Eu fui para um local estrategico onde sabia que era ali o ponto do take off. Levei a Maq. Fotografica, camara de Video e um radio com a frequencia da torre de controle. Preparei-me mesmo para um must...Assisti ao dialogo entre o Piloto e a torre de controle desde a saida do estacionamento até a despedida para o controle de Santa Maria (SMA).
    A camara de Video deu um erro no SIM card, e fiquei apenas com as Fotos, deu-me ca uma furia que nem imaginas.
    Da proxima ja nao vai falhar, vai haver 2 testes antes do veredicto...Foi uma pena porque teria sido uma reportagem de 5 estrelas
     
  14. Daniel, partilho então aqui a experiencia do video que fiz com o take off do 727 . Não tive tempo para nada , sai de casa munido apenas com o telemovel , como moro a menos de 1 minuto do aeroporto apanhei o bem . Espero que nao leve a mal partilhar o video no seu topicolaugh.png
    http://www.youtube.com/watch?v=i3y4mJboUTc

    O que gosto mesmo é o som dos tri reactores Pratt & Whitney e o cheirinho que ficou do fuel queimado. Os novos não deitam este cheiro .
     
    João Luís Soares gostou disto.
  15. e já agora, o que estava a fazer um avião da Burquina Faso na Madeira onde nem tão pouco se faz manutenção e julgo não ser um aeroporto de paragens técnicas?
     
  16. Viagem de negocios com privados . Depois seguiu rumo a Lisboa.
     
Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página