Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Portalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

Anti-Gravilha

Tópico em 'Chapa e Pintura' iniciado por Francisco Dias, 13 Mai 2008.

Tópico em 'Chapa e Pintura' iniciado por Francisco Dias, 13 Mai 2008.

  1. Boas a todos,

    Gostaria que me dessem a vossa opinião: Aplicar Anti-Gravilha nas cavas de rodas e chassi » sim ou não? Quais os prós e contras, e naturalmente em "prol" da originalidade. :confused:


    Opinem à vontade!
     
  2. Em prol da originalidade = sim
    Em prol da protecçao = sim
    Em prol estetica = sim

    abraço
     
  3. Boa noite Francisco!

    Eu vou aplicar anti-gravilha nesses mesmos sitios (a originalidade pouco importa neste caso)
    Convém fazer um bom tratamento de chassis...se possivel decapar,metalizar e só depois o anti-gravilha. Mas também com uma lixadela, um primário e depois o anti-gravilha, também fica porreiro! :yes:
     

  4. Viva Guimarães,

    Concordo a 100% na questão da protecção, sendo obviamente necessário proceder previamente a um bom tratamento da chapa.

    Em relação à estética, aplicar o anti-gravilha significa um melhor acabamento?

    Em relação à originalidade, e é aqui que reside a minha principal de recolha de opiniões, será um dado adquirido? Restaurar implica a aplicação do a-gravilha?!

    Quais carros anos 50' | 60' saíram de fábrica com esse tratamento? Sei de alguns que nem primário era aplicado:wacky:

    ...
     
  5. Força Francisco, usa e abusa nas zonas de maior projecção de gravilha contra a a chapa...
    Existem carros em que os seus proprietários pintam inclusive as embaladeiras dos carros abaixo da linha das portas e que depois de pintadas á cor da pintura geral, quase nem se nota:yes:
     
  6. isso 50 e 60 's nao sei mas o meu bmw acho que ja vinha com esse tratamento
     


  7. anti-cravilha



    Miguel se a ASAE do portal te apanha tas tramado :bouncy: :bouncy: :bouncy:


    bem agora quanto a anti-gravilha penso que é um aspecto importante pois protege a chapa, mas tem de levar um bom trabalho de chapa:blink:
     



  8. O tratamento do chassis é fundamental. Limpezas é comigo. Tento sempre colocar a chapa tipo"aço-inox" :blink:
     
  9. Boas Francisco,não sei quais os carros que levavam esse tratamento na época,mas conforme já escrevi respondendo a uma questão do Diogo sobre o assunto,pode ser que haja produtos novos mas desde ha muitos anos o que eu sempre usei foi o FLINTCOAT ,eu próprio pintei com uma trincha grossa o fundo dos meus DKWs e do PANHARD com este produto ,agora não sei mas dantes vendia-se em latas de kg e 5 kgs ainda se nota no meu NSU debaixo dos tapetes o flintcoat,sendo um produto betuminoso, formulado à base de resinas asfálticas, com cargas especiais ,impermeável, com grande elasticidade e resistência ao impacto de pedras soltas e gravilha,insonoriza o carro e ao fim de 30 ou 40 anos se rasparmos o fundo está como novo,partindo do principio que é bem aplicado,por isso eu aplicava.Com um abraço A.C.
     
  10. deixo aqui 2 exemplos. Fotos do mesmo carro:laugh:
     

    Ficheiros Anexados:



  11. Pois, mas será que vinha com esse tratamento?
     
  12. Epá......tenho ali um chassis....se gostas assim tanto....:freakedout:
     

  13. Obrigado pela sua opinião.

    Por favor não me fale em "Flintcoat". Já decapei a 100% 2 carros que restaurei, e por sinal nos 2 tinha sido aplicado esse mesmo material. Sabe o que tinha debaixo desse material: Ferrugem e muita:angry:. Eu chamo a esse material o "tapa-misérias".

    Desculpe lá mas é a minha opinião:sad:
     

  14. Eu não disse que gostava, mas se pagar uns 100 Euros|hora » está combinado :freakedout::freakedout:
     


  15. tinha ferrugem porque o carro nao foi bem tratado inicialmente pois se tem ferrugens com a aplicação do fleatcot vai criar ali uma zona em que começa a haver humidade... :elvis:
     
  16. nao posso confirmar , mas se vinha ou nao eu ja o fiz!!! nas embaladeiras e a frente tb"!!!

    ficou excelente nem se nota mesmo e nao arranha tao facilmente
     
  17. boas

    pois eu concordo plenamente em por o anti gravilho
    eu no meu MINI gastei 10 litros nele
    dei por baixo nas caves de roda ,no local do motor , nos fundos por fora e por dentro, e agora falta no catpo e na porta da mala.:laugh:
     


  18. O "Flintcoat" não é 100% estanque! Não isola na totalidade, aquando a sua aplicação ficam sempre fendas, já para não falar dos pôros.

    Mas ok, obrigado pela opinião :yes:
     
  19. Nao há crise Francisco,por isso mesmo eu escrevi no final "partindo do principio que é bem aplicado":yes:
     

  20. Ok. Mais uma opinião.
     
Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página