Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Portalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

AJUDARelanti Fiat 127

Tópico em 'Mecânica' iniciado por Claudio Vilas, 15 Nov 2009.

Tópico em 'Mecânica' iniciado por Claudio Vilas, 15 Nov 2009.

  1. Meus caros:
    Se me puderem ajudar, agradecia, estou a ficar doido com isto, passo a Relatar:

    Objectivo. COLOCAR O RELANTI CERTO, BEM COMO A MISTURA DE GASOLINA.
    Defeitos enocntrados. Alguma folga na corrente de distribuição

    No 127 1 serie, ja fiz:
    Mudei platinados afinei
    Mudei condensador.
    Limpei carburador, cuba gigleres nao tem folga na borboleta
    Afinei o ponto com lampada estroboscopica.
    Tentei afinar sem resultado

    Resultado.
    O motor tem relanti mas por vezes enrrola. isto é nota-se que nao tem um trablhar certinho.
    QUE MAIS DEVO FAZER????????????????????????????????'

    Serapor acaso alguma came gasta?????????'

    ´SERÁ QUE ESTE CARRO TEM ALGUM SEGREDO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Agradecia ajuda

    Cump

    Claudio
     
  2. mas ele desliga-se?
     
  3. Nao, o motor nao para, mas nao trabalha certo
     
  4. valvula queimada ou junta de cabeca.
     
  5. Tambem nao é, a cabeça ja foi retirada,valvulas rodadas
     
  6. Cláudio,

    Tu próprio já disseste tudo... tem folga na corrente.

    Se a folga se torna excessiva, a temporização da came flutua e origina um ralenti irregular. À medida que piorar, vai-se notar cada vez mais até que começa a ir abaixo.

    Um abraço!
     
  7. É ir ao Sr. Junqueiro arranjar um kit de distribuição para o menino, Claudio!

    Força aí no 127. No Verão tem de fazer companhia ao 1500!
     
  8. OK

    Percebi

    Vou ter que parar o carro, mudar a distribuição e os segmentos
     
  9. Se não houver peças nos sítios habituais e precisar de alguma coisa do eBay, apite, pois ainda devo algumas ajudas. ;)
     

  10. João

    Tu, nao me deves nada, tudo o que faço, tem um unico sentido, que é ajudar.

    Se precisar da tua ajuda, vou ter contigo, podes ter a certeza
    Claudio
     
  11. Dever é força de expressão!

    É ajuda desinteressada, Claudio...
     
  12. A corrente se tiver solta ao ponto de afectar o arrelentin fura a tampa de distribuicao. Tire o gigler do arrelenti fora toma nota dos numeros estampados no gigler 0.45 0u 0.50,antes de se envolver em reparos mecanicos esperimente subir o tamanho do gigler 00.5 a mais.prestar atencao que o gigler tem dois buracos um de lado para o ar i um no centro para gasolina (nao podem estar obestruidos(penso que e asssim que se escreve).as outras hipotesses podem ser a a valvula de abastecimento a reserva do carburador nao selar devidamente ou as boias estarem rotas.A minha intencao nao e discordar com os outros membros mas meramente contribuir com a minha experiencia para que o problema em causa seja resolvido o mais facilmente possivel.boas
     


  13. Obg pela ideia

    Abraço

    Claudio
     
  14. claudio... o mais acertado a fazer é venderes o 127.... eu vou ai buscar-to este fim de semana! nao te masses mais com isso meu caro amigo!....

    :huh: :D :D
     
  15. Caro amigo,

    Já tive esta experiência, e não afectou em nada a cobertura da distribuição. Não sei se noutros motores isso será possível, mas nos 127 a única coisa que acontece é ficar um pouco mais ruidosa.

    A folga destas correntes é sentida como um esticar da corrente (e desgastar dos carretos), que origina um criar de folga notória quando se aperta a corrente com os dedos entre os dois carretos. Esta folga não tem relação com nenhuma flutuação axial para o exterior, colidindo com a cobertura.

    Como ao ralenti é quando as tensões na corrente são mais variáveis por haver mais distinção entre os impulsos de disparo, é mais notória a possibilidade de flutuação do timing da came.

    Por mim, continua a ser a minha aposta... se a folga é notória, é bem provável que seja a culpada.

    Um abraço a todos!
     
  16. Amigo Relvas ,muito bem explicado. Eu pessoalmente nao vejo a corrente com folga a criar uma flutuacao no comando com mais de 6 graus,isto e 3 graus para cada lado,o que nao acho suficiente para causar o problema em causa.Mas claro isto sao tudo hipoteses.Pode ser que eu e o amigo Relvas nos encomtramos qualquer dia para passar-mos um bocado a discutir teorias e experiencias ,com o acompanhamento de um bom almoco claro.Aposto que seria uma experiencia agradavel.Quem sabe???
     
  17. Caro amigo,

    Estas distribuições, especialmente algumas das aftermarket, desgastam demasiado. Já tive essa experiência com uma que quando foi tirada, quase dava para encostar um lado no outro entre os carretos... assim dá para oscilar bastante o timing da came. Por isso é que o motor tanto acelerava como ia abaixo.

    Quanto ao almoço e conversa de clássicos, terei o maior prazer nisso... se eu for para as suas paragens ou o amigo Rui vier a este lado, é apenas uma questão de combinar.

    Um abraço!
     
  18. Ou me deixam ir ouvir, ou gravam a conversa!

    É que o tema deve ser sempre a Fiat!!! B)
     
  19. Posso assistir!

    Afinal, fui eu que coloquei o post eheheheheehehehhe

    Agradeço as v ideias e estoua gostar.

    Hoje, para tirar duvidas, estive a afinar as valvulas, e efectivamente a distribuição esta mt barulhenta.

    Vou mudar e substituir os segmentos, o motor, quando esta a trabalhar e tiro a vareta, expulsa um pouco de oleo para fora, sintoma que a compressao esta a pasar para o carter, de referir que apesar disto o carro nao gasta oleo nem deita fumo azul.

    Opinioes, se faz favor
    Faço bem???????
     
  20. Numa destas noites de chuva, olhando para o 127, perguntava-me?
    Porque é que este gajo falha???????????
    Que mal tens tu, que nao consigo encontrar?????
    Comecei, mentalmente a comparar o motor do 127 com o 850, motores parecidos, e ás tantas, começo a comparar os movimentos do rotor de um e outro no distribuidor e noto o seguinte:
    Rotor do 850, forçando, abre as patilhas, largando, regressa á posição inicial
    Rotor deo 127, nao é necessario forçar, rotor anda de um lado para o outro sem esfroço, largando fica na posição que estiver.
    Achei estranho esta situação, tiro os roters fora de um de outro, e noto que as molas do 850 sao diferentes, e no 127 era iguais. Faz-se luz no meu cerebro, vou buscar o catalogo do 127, procura as molas em causa e eis que descubro, no distribuidor do 127 as molas tem que ser diferentes, uma , mais pequena que a outra.
    Como tenho outro motor, tiro as molas e substituo-o ambas, consequencias:
    1º Motor ficou com o relanti mais certo
    2º O motor ficou a fazer menos barulho
    3ª O motor em andamento, já nao enrola
    4º O motor esta com mais força, e melhorou significativamente as suas prestaçoes.

    Bem, parte do problema, parece estar resolvido, mas apesar disto, a corrente de distribuição, vai ser substituida, bem como os segmentos do motor, e julgo que de motor, nao irei term mais probelmas.
    Como podem ver, umas peqeunas molas que nao tem mais de 1 cm de comp. quase que me levaram á "loucura"

    Cump

    Claudio
     
Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página