Bem-vindo/a ao Portal Classicos

O Portal dos Clássicos é um sítio português dedicado aos veículos clássicos com interesse histórico. Temos como objectivos juntar a comunidade de entusiastas e prestar auxílio a todos os que pretendem adquirir, restaurar, conservar e manter veículos antigos. O que espera para se juntar à família?

Welcome to Portal Classicos, the biggest Portuguese community about historic vehicles! Change language here.

  1. Este site utiliza cookies. Ao continuar você estará de acordo com a nossa utilização de cookies. Saber Mais.
  2. Postalistas, o Portal dos Clássicos está no no Drivetribe, a rede social automotiva do trio May-Clarkson-Hammond! Junte-se à nossa Tribo
    Fechar Aviso

AJUDA - Motores Ford Crossflow - Diferenças do GT

Tópico em 'Mecânica' iniciado por Alexandre Vaz, 20 Jul 2008.

Tópico em 'Mecânica' iniciado por Alexandre Vaz, 20 Jul 2008.

  1. AJUDA - Motores Ford Crossflow - Restauro de 1300 GT

    Boa tarde a todos. Sei que esta questão já foi discutida aqui no forum, mas sempre ficaram algumas dúvidas.
    Vim pedir-vos ajuda pois como documentei noutro tópico comprei um motor 1300 GT mas faz uma batida ao nivel da biela (talvez capas, ou mesmo biela empenada).

    Como tenho um motor 1300 normal em bom estado, queria dos dois refazer um GT, e para isso preciso saber as diferenças.

    A ideia é:
    1 - Aproveitar a cabeça, colectores e carburador do GT, que segundo sei são diferentes do normal.
    2 - Colocar o bloco do 1300 normal, para aproveitar a sua cambota, pistons e bielas que estão bons, ao contrario do GT.
    3 - A árvore de cames do GT penso que também é diferente, logo a ideia é tirá-la do boloco do GT e colocar no bloco do normal.

    Penso que assim ficaria com um GT normal, mas não tenho certezas... Se faltar aqui algum ponto, ou se estiver alguma coisa errada agradeço imenso que me ajudem e me clarifiquem. Outra coisa que não sei é onde o GT ganha mais 0.2 na taxa de compressão...

    Desde já agradeço a ajuda de todos, muito obrigado!
     
  2. Então pessoal, ninguém sabe se isto é possivel de fazer? Não queria avançar sem ter algumas opiniões de pessol que percebe do assunto...
     
  3. Bem, os trabalhos já começaram, apesar de ninguém ter dado umas dicas... Até agora reparei nos seguintes pormenores:

    Cabeça:
    As duas cabeças (uma tem cravado o código J3 e a outra J2L) parecem iguais, até as válvulas têm o mesmo diâmetro, não sei qual a diferença entre elas, se é que existe.

    Pistons
    Os pistons do motor GT são diferentes, a reêntrancia (penso que seja a câmara de combustão) tem um menor diâmetro, penso que seja daí que vêm os 9.2:1 de compressão em vez dos 9:1 do normal

    Volante do Motor
    O volante do motor no GT parece mais leve (irei pesar mas ainda não tive tempo) pois tem menos ferro dos dentes para trás e ainda têm uma reentrancia.
     
  4. nao o posso ajudar... nao percebo muito de mecanica, so o essencial, isso é muito tecnico! mas certamente que o vão ajudar;)
     
  5. A diferença da compressão pelo que tenho visto é devido ao curso das bielas do GT;)
     
  6. Boa noite, a diferença é bem maior do que pode pensar pois os pistões são diferentes e o curso também as bielas são mais curtas, as valvulas e arvore de cames também são diferentes, o melhor é comprar manual de mecanica do MK1 mesmo que seja em Inglês,cumprimentos
     
  7. Não creio que isso seja totalmente verdade... Os pistons realmente são diferentes, os do GT têm uma cavidade mais pequena. A árvore de cames também é diferente, vou usar a do GT. Quanto ás bielas, são iguais, têm o mesmo cumprimento, e as válvulas são iguais (pelo menos têm a mesma altura e diâmetro).

    Já desmontei os dois motores que tenho, o GT tinha as capas de biela gastas e a cambota e uma biela riscadas. A solução foi usar o bloco normal e a sua cambota e meter lá o restante material do GT (pistons, árvore de cames...). Mandei vir um jogo de segmentos STD e começamos montar tudo. Só depois de montar é que notamos alguma folga. Só nessa altura nos demos ao trabalho de limpar um piston do motor normal. Uma desagradável surpresa, o bloco está rectificado a 0.20... o_O:(-

    Depois disso a melhor solução que encontrámos (sim, eu sei que é arriscado, pode não ficar equilibrado...) foi montar a cambota que está boa no bloco do GT, ficando assim tudo do GT excepto a cambota...

    Vamos lá ver no que dá...
     
  8. Tenho um problema muito identico ao seu.
    Pois tenho um motor 1300gt que precisa de segmentos, capas,etc... e tenho um 1300L que tem poucos quilometros mas já apresenta algumas fugas no bloco, e ainda não sei o que fazer. Se mande reparar o 1300gt ou aplique o 1300L com os colectores e carburador do gt.
    Os meus conhecimentos a nivel de mecânica não são muitos, mas se precisar de algum esclarecimento, alguma ajuda eu tenho o manual de mecanica do escort mk1 1300gt.
    Boa sorte.;)
     

  9. Obrigado amigo, se precisar de alguma coisa já sei quem chatear... Pois, eu optei por de 2 fazer um, utilizando todas as peças que são diferentes no GT e as restantes que são iguais do motor normal. Não estava era a contar que um já estivesse rectificado... Basicamente a única peça que só tenho uma boa é a cambota, que está muito riscada e precisa ser rectificada, o que fica muito caro. No seu caso eu aconselho a reparar o motor do GT, sempre tem mais uns cavalos... Isto se a cambota e bielas estão bons, porque por capas novas quando já há desgaste não vale a pena...
     
  10. Bem, finalmente o motor está reparado, até agora não me pareceu haver problemas de maior... Trabalha bem, não faz nenhum barulho estranho.
    As alterações que fiz em relação ao original foram as seguintes:
    - Condutas de admissão na cabeça polidas
    - Filtro de ar directo tipo K&N
    - Volante de motor com menos peso (5Kg)
    - Eliminação da ventoinha original e colocação de uma eletrica
    - O tubo do respiro do bloco do motor está desligado do colector de admissão (alguém me explica porque raio o respiro está ligado a uma conduta de vácuo???).

    Agora o carro ficou com um problema, talvez os entendidos em mecânica me consigam explicar a sua origem e como resolver... Quando acelerando normalmente, sem rotações muito elevadas, o motor comporta-se bem. Mas ao acelerar a fundo mesmo, o motor "encolhe-se", parece que morre, e deita gasolina fora pelas entradas de ar do carburador. O carburador é o de origem Weber 23/36 DGV e foi feita uma limpeza interior antes de o montar..

    Algém sabe qual será a causa do problema?
     
  11. Será da boia , que não ficou bem calibrada :huh:, quanto ao servo-freio, leva mesmo um tubo que é de ar , pra alimentar a bomba de vácuo, agora esse tubo não poderá o do respiro do motor senão a bomba por dentro fica muito "lubrificada":D:D
     
  12. Venham umas fotos!!
     
  13. Olá,

    Entao já resolveste esse problema de gasolina a mais? A mim parece me que seja do carburador!

    Eu tenho um livro muito bom em PDF que tem as caracteristicas todas dos motores crossflow. Ensina como se poe mais potencia e por ai fora. Fala dos carburadores, pistoes, arvores de cames...aumentar a cilindrada. O livro chama-se Ford' kent crosflow engine - rebuilding and tuning. Se tiveres interessado manda me uma mensagem.

    um abraço
     
  14. viva amigo Carlos
    podes ligar o tubo do respiro do oleo a um deposito como eu fiz
    foto em anexo
    espero que te ajude se precisares de mais alguma coisa avisa por pm
     

    Ficheiros Anexados:

Código de Verificação:
Rascunho Salvo Rascunho removido

Partilhar Página