Mercedes 300SL Gullwing, no limite!

O 300 SL também conhecido como Asas de Gaivota devido ao método de abertura das portas tinha um avançado motor de 6 cilindros em linha com uma cilindrada de 2996cc, alimentado por um dos primeiros sistemas de injecção. O conjunto era capaz de desenvolver um total de 215 CV às 5.800 rpm.

1395
2
COMPARTILHE

Os Mercedes de competição da primeira metade dos anos 50 são considerados por muitos como as máquinas perfeitas da época. O primeiro a chegar foi o Mercedes 300SL Gullwing, um modelo de dois lugares apresentado pela marca alemã em 1954, que colocou um carro com especificações de competição no trânsito do dia-a-dia. Os engenheiros Alemães procuravam um automóvel versátil, rápido e ligeiro e conseguiram-o, como demonstram os resultados da época.

O 300 SL também conhecido como Asas de Gaivota devido ao método de abertura das portas tinha um avançado motor de 6 cilindros em linha com uma cilindrada de 2996cc, alimentado por um dos primeiros sistemas de injecção. O conjunto era capaz de desenvolver um total de 215 CV às 5.800 rpm.

Mercedes 300SL

Mercedes Benz 300SL Coupé, Gullwing Coupé, 1955,
Piloto: Daniel Müller, www.fahrkunst.ch
Equipa: S.H.R.T. Swiss Historic Racing Team
Hillclimb: Langwies – Arosa 02. Setembro de 2012
Motor: 2998ccm, 215PS
Pneus: 225/50VR16 street legal
Caixa / diferencial: 4-velocidades / 1:3.89

Pensamento: “Also elderly Ladies can go very fast…!” [lembrem-se: Mercedes é um nome feminino em Espanha]

COMPARTILHE

2 COMENTÁRIOS